Resultados da pesquisa por ' Universidade de Harvard'

    Foto: reprodução/Revista Raça

    Universidade de Harvard recebe evento sobre racismo e movimentos negros no Brasil

    Nos dias 27 e 28 de abril, a Universidade de Harvard, em Boston, receberá mais de 30 intelectuais, ativistas e acadêmicos negros e negras para dialogar sobre questões ligadas ao impacto do racismo na experiência brasileira e a atuação dos movimentos negros na luta pela superação das desigualdades no país. A atividade conta com organização dos professores Alejandro de lá Fuente e Sidney Chalhoub,  do Alari/Harvard; e da professora Ana Flávia Magalhães Pinto, da Universidade de Brasília (UnB). De acordo com a professora Ana Flávia, os palestrantes vão contribuir com percepções múltiplas sobre o tema. “Mesmo não dando conta de toda a diversidade do Movimento Negro, as pessoas convidadas são aptas a dar uma boa medida da recente atuação política de sujeitos coletivos negros cujas trajetórias remetem à maioria da população brasileira”, comenta. A programação do simpósio “Afrodescendentes no Brasil: conquistas, desafios do presente e perspectivas para o futuro” está ...

    Leia mais

    Quadrigêmeos são aceitos juntos em Harvard e Yale e em outras universidades

    A família Wade, de Ohio, nos Estados Unidos, recebeu uma notícia para ser comemorada não uma, mas quatro vezes. no Folha Isso porque os quadrigêmeos Aaron, Nick, Nigel e Zachary foram todos aceitos em algumas das melhores universidades do país, incluindo Harvard e Yale. Foto: Reprodução/Folha O quarteto ainda não tem certeza sobre qual curso escolher, mas alguns dos irmãos já têm suas preferências. Aaron disse à publicação "Journal News" que gosta de Stanford, enquanto os outros tendem a ir para a Universidade Yale. As escolhas ainda vão depender da ajuda financeira oferecida por cada instituição. "É algo que nós não teríamos conseguido sem o apoio que tivemos ao longo da vida", disse Nick. Os irmãos Wade creditam boa parte da conquista aos pais e professores da escola Lakota East High School.

    Leia mais
    Getty Images/iStockphoto

    Representantes de Harvard, Stanford, Duke e de outras universidades dos EUA farão palestra em São Paulo sobre processo seletivo

    Representantes da Universidade de Harvard, de Stanford, Duke, Pensilvânia e Georgetown estarão em São Paulo no próximo dia 6 (quarta-feira) para falar sobre o processo seletivo de seus cursos de graduação. no Brasil Post  por  Luiza Belloni Getty Images/iStockphoto A palestra acontecerá no Colégio Móbile, em Moema, zona Sul da capital, das 19h às 20h30. Os interessados podem confirmar presença gratuita através deste link. Além de apresentarem as etapas dos processos seletivos da graduação de suas instituições, os representantes vão responder dúvidas sobre os cursos, universidades, possibilidade de bolsa de estudos, entre outras possíveis questões do público. Não há limite de idade para participar do evento. É preciso lembrar que toda a apresentação e o tempo para perguntas e respostas serão em inglês, sem tradução para o português. Diferente do que acontece no Brasil, onde a principal porta de entrada para o ensino superior é o Enem (Exame Nacional do ...

    Leia mais

    Harvard, Stanford e outras universidades renomadas oferecem 8 cursos online e gratuitos

    Já imaginou ter um diploma de Harvard, Stanford, Columbia ou Berkeley no currículo? Com a ajuda da internet, isso é possível.  por Luiza Belloni no Brasil Post COLEONG VIA GETTY IMAGES   O site educacional Veduca oferece diversos cursos dessas e de dezenas de outras renomadas universidades internacionais e nacionais. Basta escolher o curso e começar assistir às aulas, que são totalmente gratuitas. Cada curso oferece ao aluno material online, fórum para dúvidas ou observações. O Brasil Post selecionou alguns dos cursos mais bem classificados pelos estudantes, oferecidos por estas universidades. Que tal fazer algum deles? Veja abaixo: Harvard Liderança Ministrado por: professor da escola de administração e negócios da universidade, David Gergen Duração: 10 aulas online (10 horas no total) Início: imediato Legendado para o português: não. Introdução à Ciência da Computação I Ministrado por: David J. Malan Duração: 20 aulas (22 horas) Início: Imediato Legendado para o português: não. Stanford Astrobiologia e Exploração do Espaço ...

    Leia mais
    herbie hancock

    Herbie Hancock é nomeado professor de poesia na Universidade Harvard

      O pianista e lenda do jazz Herbie Hancock foi nomeado professor de poesia na Universidade Harvard, em Cambridge, nos Estados Unidos. Hancock vai realizar na universidade seis palestras de "A Ética da Jazz", em fevereiro e março, nas quais abordará tópicos como "A Sabedoria de Miles Davis", "Budismo e Criatividade" e "Inovação e Novas Tecnologias". O músico, que completa 74 anos em abril, diz que suas aulas irão cobrir lições práticas que aprendeu sobre a ligação harmoniosa entre "os valores essenciais do jazz e os valores do budismo". Há décadas, ele é praticante do chamado budismo de Nitiren. Criada em 1925, o programa "Norton Professorship" premia a cada dois anos figuras importantes da área das artes. T.S. Eliot (1932-33), Igor Stravinsky (1939-40), Leonard Bernstein e John Cage (1988-89) estão entre os nomes já laureados. Fonte: UOL  

    Leia mais
    Getty Images

    Harvard libera 100 cursos grátis para você sair um gênio da quarentena

    Como incentivo para que as pessoas fiquem em casa durante a pandemia de coronavírus, a Universidade de Harvard (isso mesmo, HARVARD) liberou mais de 100 cursos gratuitos em sua plataforma de ensino online. A instituição privada de educação, pesquisa e disseminação do conhecimento, com sede na cidade de Cambridge, nos EUA é uma das mais prestigiadas do mundo e seu nome é sinônimo de qualidade e respeito no meio acadêmico. Fazendo um cadastro no site da instituição, você poderá se inscrever para os cursos de Arte e Design; Negócios e Gestão; Ciência da Computação; Ciência de Dados; Desenvolvimento Educacional e Organizacional; Ciência Ambiental; Governo, Leis e Política; História; Humanidades; Matemática e Análise de Dados; Medicina e Saúde Pública; Religião e Espiritualidade; Ciência e Engenharia; Ciências Sociais e muitos outros. Se nenhum desses cursos for do seu interesse, não é só Harvard que está abrindo suas ‘portas‘ online. A Fundação Getúlio ...

    Leia mais
    Mais de 50 universidades nos EUA já se comprometeram a não usar reconhecimento facial nos campi (Foto: Scharfsinn86 // Getty Images)

    Racismo em I.A. leva universidade a desistir de reconhecimento facial no campus

    Denúncia da ONG Fight for the Future mostrou à UCLA problemas no uso de uma inteligência artificial disponível no mercado No Época Negócios Mais de 50 universidades nos EUA já se comprometeram a não usar reconhecimento facial nos campi (Foto: Scharfsinn86 // Getty Images) A Universidade da Califórnia (UCLA) desistiu, no dia 18/2, de usar reconhecimento facial em seu campus. A tecnologia vinha sendo avaliada como ferramenta e segurança, para identificar os frequentadores da universidade. A desistência ocorreu após a ONG Fight for the Future fazer um teste: usou um software disponível no mercado para comparar as faces de 400 integrantes da comunidade universitária (alunos, professores e funcionários) aos rostos de criminosos e contraventores fichados. A análise retornou nada menos que 58 falsos positivos. A maior parte dessas respostas erradas ocorreu na avaliação de rostos de pessoas não-brancas. Na experiência, a ONG usou um software da ...

    Leia mais
    Sharah Luciano, 23, de rosa, e Daiane de Medeiros, 28, que apresentarão estudo em Harvard - Ricardo Borges/Folhapress

    Trabalho sobre ações afirmativas leva estudantes da UERJ a Harvard

    Três alunos da faculdade de pedagogia do campus Baixada da UERJ (Universidade Estadual do Rio de Janeiro) terminarão o ano letivo em terras americanas. Eles tiveram um estudo selecionado para a 1ª Conferência do Centro de Estudos Afrolatinoamericanos (Alari, na sigla em inglês) de Harvard. O trabalho de Sharah Luciano, 23, Daiane de Medeiros, 28, e Anderson Alves, 24, aborda a contribuição das ações afirmativas para a academia. O evento do Alari ocorre entre 11 e 13 de dezembro e busca promover o campo de estudos fomentando um diálogo entre atores envolvidos na implementação de justiça acadêmica e racial na América Latina. Formados em pedagogia pela UERJ, os três são moradores da Baixada Fluminense e da zona oeste do Rio. A trajetória das duas jovens, que conversaram com a Folha no pátio do que antes fora um brizolão (como ficaram conhecidos os Cieps, Centros Integrados de Educação Pública, criados no ...

    Leia mais
    Queen Latifah (Foto: Andrew H. Ealker/BEI/REX/Shutterstock)

    Queen Latifah receberá medalha de Harvard por contribuição à cultura negra

    A artista e atriz musical Queen Latifah está entre os homenageados sendo reconhecidos pela Universidade de Harvard este ano por suas contribuições à história e cultura negra. Harvard deve conceder a medalha WEB Du Bois à rainha Latifah e a outros seis destinatários em 22 de outubro, de acordo com a Cambridge, Massachusetts, Hutchins Center, da escola de pesquisa africana e afro-americana. Outros homenageados incluem a poeta e educadora Elizabeth Alexander, secretária da Smithsonian Institution Lonnie Bunch III, poeta Rita Dove, co-fundadora da Black Entertainment Television Sheila Johnson, artista Kerry James Marshall e Robert Smith, fundador, presidente e diretor executivo da Vista Equity Partners . O prêmio recebeu o nome de Du Bois, um estudioso, escritor, editor e pioneiro em direitos civis que se tornou o primeiro estudante negro a obter um doutorado em Harvard em 1895. Harvard já havia sido concedido a medalha para Dave Chapelle, Nas, LL Cool ...

    Leia mais
    imagem - Mundo Educacao

    Acadêmicos de universidades em todo o mundo assinam manifesto contra cortes de verbas para Ciências Humanas no Brasil

    Estudiosos de instituições como Harvard, Princeton, Sorbonne se posicionam contra eventual redução de verbas para Ciências Humanas no Brasil por Audrey Furlaneto no O Globo imagem - Mundo Educacao Mais de mil acadêmicos de universidades de todo o mundo assinaram nesta segunda-feira um manifesto contra a eventual redução de recursos para as faculdades de Filosofia e Sociologia. O texto foi uma resposta de pesquisadores e intelectuais à defesa de cortes na área das Ciências Humanas feita pelo presidente Jair Bolsonaro na última semana. Há na lista intelectuais de Harvard, Princeton, Yale, Oxford, Cambridge, Berkeley, e de instituições brasileiras como a Universidade de São Paulo (USP), Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Universidade de Brasília (UnB), entre outras. O manifesto, publicado nesta segunda no francês "Le Monde", foi organizado pela Gender International, uma rede de pesquisadores de estudos de gênero e sexualidade que, como se descreve, "mobiliza-se ...

    Leia mais
    Arquivo Pessoal (Reprodução Facebook)

    Pretos em Harvard

    Nós, Anderson, Daiane e Sharah, jovens negros, tivemos nosso trabalho “Políticas Afirmativas e Produção de Conhecimento de Intelectuais Negros” aceito para o Primeiro Encontro Continental sobre Estudos Afro-Latino-Americanos, que acontecerá em HARVARD, Cambridge - EUA, em DEZ/2019. Infelizmente, não temos o valor necessário para o custo da viagem. Doe, nos ajude nessa empreitada!!!! NOS AJUDE A IR PRA HARVARD!!!! Nós, Anderson Alves, Daiane Medeiros e Sharah Elisa, jovens negros estudantes recém formados em Pedagogia, pela Febf-Uerj, e oriundos da Baixada Fluminense e Zona Oeste do Rio de Janeiro, tivemos nosso trabalho acadêmico intitulado “Políticas Afirmativas e Produção de Conhecimento de Intelectuais Negros” selecionado para o Primeiro Encontro Continental sobre Estudos Afro-Latino-Americanos, que acontecerá na Universidade de HARVARD, em Cambridge - EUA, entre os dias 11 a 13 de Dezembro/2019. Essa grande oportunidade de apresentar nosso trabalho em HARVARD, nos possibilita através da educação pública e da pesquisa, novas possibilidades de ...

    Leia mais

    ‘Ciências humanas são tão importantes quanto exatas e biológicas’, diz professora de Harvard

    Sem os conhecimentos das ciências humanas "não é possível entender a sociedade", diz a cientista política Danielle Allen, professora da Universidade Harvard, nos Estados Unidos. Por Rafael Barifouse, Da BBC Danielle Allen: 'Você não cria leis para ter uma boa governança com os conhecimentos de Engenharia e de Física' (Foto: MELISSA BLACKHALL/HUTCHINS CENTER) Em entrevista à BBC News Brasil, Allen disse ver como "um erro" o plano do governo brasileiro de reduzir investimentos em faculdades de ciências humanas - como filosofia e ciências sociais - e se concentrar, segundo um tuíte do presidente, Jair Bolsonaro, em "áreas que gerem retorno imediato ao contribuinte, como veterinária, engenharia e medicina". O presidente escreveu que "a função do governo é respeitar o dinheiro do contribuinte, ensinando para os jovens a leitura, escrita e a fazer conta e depois um ofício que gere renda para a pessoa e bem-estar para a ...

    Leia mais
    Tamara Lanier: descendente de escravo processa universidade (Lucas Jackson/Reuters)

    Harvard é processada por foto de escravo feita para provar inferioridade

    A descendente de um escravo norte-americano entrou com um processo nesta quarta-feira contra a Universidade de Harvard para obter a posse de fotos de seu tataravô que a escola encomendou em 1850 em nome de um professor que tentava provar a inferioridade de pessoas negras. As fotos, que retratam um homem negro chamado Renty e sua filha Delia, foram tiradas como parte de um estudo do professor de Harvard Louis Agassiz e estão entre as primeiras fotos de escravos norte-americanos das quais se têm conhecimento. Atualmente, elas são mantidas no Museu Peabody de Arqueologia e Etnografia do campus de Cambridge, Massachusetts, da Universidade de Harvard. Um representante de Harvard afirmou que não iria comentar e disse que a universidade ainda não havia recebido a queixa. Foto de escravo encomendada pela Universidade Havard (Lucas Jackson/Reuters) Tamara Lanier de Norwich, Connecticut, que afirma ser tataraneta de Renty, acusou Harvard ...

    Leia mais
    Joana D’Arc Félix esteve em Porto Velho para palestrar sobre educação científica. (Foto: Mayara Subtil/G1)

    PhD em Harvard fala sobre racismo e educação: ‘conheci todas as formas de preconceito’

    Joana D’Arc Félix, de 45 anos, esteve em Porto Velho para palestrar sobre educação científica em congresso. De origem humilde, professora coleciona 101 prêmios. Por Mayara Subtil, no G1   Joana D’Arc Félix esteve em Porto Velho para palestrar sobre educação científica. (Foto: Mayara Subtil/G1)   A voz serena junto ao jeito tímido e sutilmente cômico de se comunicar não escondem o empoderamento que a professora Joana D’Arc Félix, de 45 anos, carrega de berço. Ela é mestre, PhD em química pela Universidade de Harvard, dos Estados Unidos e coleciona 101 prêmios como cientista. Para tal conquista, Joana, que se especializou em estudos sobre resíduos gerados no setor coureiro-calçadista encarou a fome, o racismo dentro e fora do Brasil e a pobreza.   "Eu passei a acreditar que se eu estudasse, ia vencer na vida. Mas não foi fácil. Enfrentei tudo de cabeça erguida com apoio da ...

    Leia mais
    Foto: Reprodução/Fantástido

    Ex-catador de latinhas vai cursar ciências da computação em Harvard

    Com a venda das latinhas, Ciswal dos Santos Nascimento, de 31 anos, fez eletroeletrônica e eletrotécnica na Faculdade de Tecnologia do Cariri, e também licenciatura em física pela Universidade Federal do Ceará. “Quando eu entrei na faculdade, no primeiro semestre, eu pensei em desistir, porque tinha xerox, tinha as apostilas... E eu não tinha R$ 1,00 R$0,50 no bolso para tirar uma xerox eu não tinha”, relembra Ciswal. Agora, o ex-catador de latinhas vai cursar ciências da computação por Harvard - uma das universidades mais prestigiadas do mundo. O professor tem um projeto para levar água, luz e internet a baixo custo para as populações mais necessitadas do Brasil. “Eu queria criar algo que tirasse o pessoal da linha da miséria para uma, digamos assim, uma pobreza acessível”, afirma. Assista a matéria aqui 

    Leia mais
    Remadores passam pelo rio Charles ao lado do campus da Universidade Harvard, em Cambridge, Massachusetts - Charles Krupa /Associated Press

    Harvard discriminou intencionalmente estudantes asiático-americanos

    Departamento de Justiça se posiciona ao lado de alunos em ação contra a universidade por Danielle Brant no Folha de São Paulo Remadores passam pelo rio Charles ao lado do campus da Universidade Harvard, em Cambridge, Massachusetts - Charles Krupa /Associated Press A Universidade Harvard intencionalmente discriminou estudantes asiático-americanos que se candidatavam a uma vaga na faculdade, uma das mais disputadas dos EUA, afirmou nesta quinta-feira (30) o Departamento de Justiça americano. No posicionamento formal publicado na manhã desta quinta, o departamento se posiciona ao lado de grupos de estudantes e pais de alunos em uma ação na qual a universidade é acusada de discriminar asiático-americanos em seu processo seletivo. No processo, que corre num tribunal federal de Boston, os candidatos dizem que a universidade atribuía notas mais baixas aos asiático-americanos do que aos de outras raças em critérios como “personalidade positiva”, simpatia, coragem, gentileza e ser “amplamente respeitados”. Esses ...

    Leia mais
    Foto: Getty Images/Arquivo

    Uma quilombola brasileira em Harvard: reflexões sobre estigma e autoestima

    No final do ano passado, recebi de uma amiga e companheira militante do Movimento Negro Unificado, a advogada Margareth Ferreira, uma mensagem contendo uma chamada de seleção de trabalhos para participar de um workshop de teses no Instituto de Pesquisas Afro-Latino-Americanas em Harvard.   Entrei no site e vi os critérios para seleção, que consistiam em envio do resumo da tese e uma carta do orientador falando sobre o trabalho. Fiquei pensando logo nos impedimentos com relação à língua, pois não sou fluente em inglês, mas li que os trabalhos poderiam ser enviados nas três línguas: português, inglês e espanhol. Primeira barreira, rompida. Então pensei: “Por que não?” Entretanto um complexo de inferioridade ainda falava lá dentro de mim: “Eu em Harvard?” E, por outro lado, uma voz dizia: “Vai! Por que não?” Havia também meu companheiro reforçando o lado positivo, é claro, incentivando-me a enviar o resumo. O lado ...

    Leia mais

    Líderes brasileiros negros que atuaram ou estudaram em universidades americanas

    No Black Achievement Month, conheça alguns dos  líderes brasileiros negros que já  atuaram ou estudaram em universidade americanas e que são referências em suas áreas. por Alumni Advising – EducationUSA 1. Joaquim Barbosa, ex-ministro do Supremo Tribunal Federal Fonte: Roosevelt Cássio, El País Foto retirada do site Alumni Advising – EducationUSA Eleito em 2013 como uma das cem pessoas mais influentes do mundo pela Revista Times, Joaquim Barbosa é jurista ex-magistradobrasileiro. Foi ministro do Supremo Tribunal Federal de 2003 até 2014, tendo sido presidente do tribunal de 2012 a 2014. Além disso, Joaquim Barbosa atuou como Visiting scholar no Human Rights Institute da faculdade de direito da Universidade Columbia em Nova York (1999 a 2000) e na Universidade da Califórnia Los Angeles School of Law (2002 a 2003). 2. Joana D’Arc de Souza, Professora de Química Foto retirada do site Alumni Advising – EducationUSA Formada em química pela Universidade Estadual de Campinas em 1983, Joana soma 56 prêmios ...

    Leia mais

    Fundação Obama lança programa de bolsas na Universidade de Chicago

    Depois de lançar fellowships e convocar líderes do mundo todo para uma conferência, a Fundação Obama lançou mais um programa focado em desafios globais e lideranças. Dessa vez, trata-se de um programa de bolsas de estudo que selecionará 25 estudantes para estudar na Universidade de Chicago, nos Estados Unidos. Para se candidatar, é necessário submeter os documentos exigidos até 10 de abril. Por Priscila Bellini no ESTUDARFORA O vínculo de Obama com a Universidade de Chicago já vem de longa data. O ex-presidente americano passou pela instituição de ensino como professor, entre 1992 e 2004, antes de iniciar o mandato como senador. Como se inscrever para as bolsas da Fundação Obama O processo de seleção está aberto para alunos que tenham interesse em um mestrado específico da instituição de ensino americana: o mestrado em políticas públicas e desenvolvimento internacional, da Harris School of Public Policy. Ao longo do curso, os alunos optam por nove disciplinas – ...

    Leia mais

    “A maioria das universidades do mundo vai desaparecer”

    Especialista em inovação e membro da Singularity University, a universidade do Vale do Silício, acredita que o diploma já não é útil por ANA TORRES MENÁRGUEZ no El Pais Quando David Roberts era criança, seu pai lhe contou que Thomas Edison fez muito mais pela humanidade com a invenção da lâmpada do que qualquer político na história. Essa ideia marcou sua caminhada. Roberts é um dos maiores especialistas em tecnologia disruptiva do mundo e também um dos rostos mais conhecidos da Singularity University, a universidade do Vale do Silício criada em 2009 com o apoio da NASA e do Google. Roberts considera que o formato de negócio das universidades tem os dias contados e que somente sobreviverão aquelas que possuírem um nome forte. A Singularity University rompeu com o modelo de diploma; não expede títulos e não existem créditos. Seu único objetivo é formar líderes capazes de inovar e se atreverem a ...

    Leia mais
    Página 1 de 17 1 2 17

    Últimas Postagens

    Artigos mais vistos (7dias)

    Twitter

    Facebook

    Welcome Back!

    Login to your account below

    Create New Account!

    Fill the forms bellow to register

    Retrieve your password

    Please enter your username or email address to reset your password.

    Add New Playlist