Anderson Silva quebra o silêncio e fala sobre doping: ‘Vou lutar para limpar o meu nome’

Enviado por / FonteDo Extra

Anderson Silva quebrou o silêncio e comentou pela primeira vez sobre o caso de doping. Flagrado em um exame realizado pela Comissão Atlética de Nevada (NAC) na pré-luta do UFC 183, contra Nick Diaz, o ex-campeão dos pesos-médios garantiu que irá lutar para limpar seu nome e provar a inocência.

– Eu compito no esporte há muito tempo. Esta foi a minha 19ª luta no UFC. Já fui testado várias vezes e nunca testei positivo no antidoping. Eu estou consultando meus advogados para explorar todas as opções e pretendo lutar para limpar meu nome. Eu não vou mais fazer comentários até que a minha equipe me aconselhe sobre isso – disse em entrevista ao site americano “MMA Fighting”, através do empresário do brasileiro, Ed Soares.

Em outubro de 2014, Anderson pediu punições rígidas aos lutadores flagrados no doping, em entrevista ao site “MMA Junkie”. Ele disse que “quando pessoas testam positivo, não deviam mais lutar”. Agora, o ex-campeão disse que mantém a mesma posição.

– Eu não tenho quaisquer substância dopante. Minha posição sobre drogas é e será sempre a mesma. Sou um defensor do esporte limpo – afirmou.

Na época, a reportagem citou que sete dos 15 adversários do brasileiro no UFC foram pegos no doping: Chael Sonnen, Stephen Bonnar, Vitor Belfort, Forrest Griffin, James Irvin, Nate Marquardt e Chris Leben. Anderson disse que as drogas não eram boas para o esporte e que o atleta que as utilizava tinha algum problema.

– Quem usa faz por um bom tempo e mostra que tem um problema. Mas esteroide é uma droga e nunca uma droga pode ser boa para o esporte. Esteroides fazem mal ao esporte. Se você fizer no esporte algo bom, você tem uma boa vida. Essa é a minha opinião – falou ao site “MMA Junkie”.

Entenda o caso

Anderson Silva atestou positivo para os metabólitos de drostanolona e androsterona, no exame realizado no dia 9 de janeiro, antes da luta marcada contra Nick Diaz no UFC 183, no dia 31. O ex-campeão dos pesos-médios, atualmente com 39 anos, nunca foi pego em qualquer exame antidoping na carreira. O atleta voltou aos octógonos no sábado, após ficar 13 meses se recuperando de uma fratura na perna esquerda.

Além do exame realizado no dia 9 de janeiro, Anderson Silva ainda foi submetido a exames nos dias 19 e 31, o resultado do primeiro ainda não foi divulgado, enquanto no segundo não apareceu nada. O lutador ainda pode solicitar a contraprova. O UFC divulgou nota oficial na noite de terça-feira após a Comissão Atlética de Nevada (NAC) informar o doping à organização.

Drostanolone é uma forma comum de esteroides anabolizantes. Androstano é uma forma de hormônio esteroide endógeno. Ambas as substâncias são proibidas de acordo com a Agência Mundial Anti-Doping (WADA).

+ sobre o tema

O poeta Solano Trindade

Lincharam um homem entre os arranha-céus (li num jornal)...

Modelo baiano vendia salgadinhos com a mãe e estreia na SPFW aos 17 anos

Gabriel Pitta tem uma relação bem próxima com doces e...

Ativistas querem mais acesso da periferia a verbas e espaços culturais

  Encontro, que começa nesta sexta no Memorial...

para lembrar

Rita Batista estreia no programa Saia Justa, do GNT

Depois de um período de flerte com o canal...

April 30, 2013: 25 years of Geledés: the Black Women’s Institute

April 30, 2013: 25 years of Geledés: the Black...

Francisco Nascimento – O Dragão do Mar

Francisco José do Nascimento, Dragão do Mar do Ceará,...
spot_imgspot_img

Majestosa, Lauryn Hill entrega show intenso e coroa história da Chic Show

"Não é só um baile black", gritou Criolo durante o terceiro show do festival Chic Show 50 Anos, no sábado (12). O rapper do...

Exposição e seminário em São Paulo celebram legado de Nelson Mandela

No dia 18 de julho é celebrado o Dia Internacional Nelson Mandela, data estabelecida pela Organização das Nações Unidas (ONU) em reconhecimento à contribuição...

O atleta negro brasileiro que enfrentou o nazismo nas Olimpíadas de 1936

A poucos dias da abertura dos Jogos Olímpicos de Paris, em uma Europa cada vez mais temerosa com a agenda política de forças alinhadas...
-+=