Áreas de Atuação

    concurso-professor-sp

    Valorizar o professor

    O CNE (Conselho Nacional de educação) aprovou um programa de incentivo a mudanças no ensino médio elaborado pelo Ministério da educação. A pasta abandona a intenção de acabar com a divisão entre disciplinas, mas estimula escolas a flexibilizar seus currículos. Fonte: Folha de São Paulo  O programa final se ateve a medidas mais concretas, como a proposta de ampliação da carga horária de 2.400 horas nos três anos para 3.000. Para alunos do turno da noite, a modificação implica um curso mais longo. Sem que as escolas consigam manter os estudantes em sala de aula, porém, a medida será inócua. Na tentativa de tornar o ensino médio mais atraente, o ministério incluiu no programa a possibilidade de eleger cerca de cem escolas que tiverem feito modificações curriculares e dar-lhes verba extra. O bônus do MEC, contudo, continua escapando aos problemas mais graves da educação de jovens no Brasil: a desorientação...

    Leia mais
    blank

    RJ: Deputado quer o fim dos autos de resistência

    RJ: Deputado quer o fim dos autos de resistência data: 02/07/2009 Foto: Marcelo Freixo/Flickr   A Comissão de Defesa dos Direitos Humanos e da Cidadania da Alerj quer acabar com a classificação "auto de resistência" (morte em confronto com a polícia) nas estatísticas de violência divulgadas pela Secretaria de Segurança. Foi o que disse ontem o presidente da comissão, deputado estadual Marcelo Freixo (PSOL), ao final da audiência pública realizada sobre o assunto na Alerj. Segundo o parlamentar, ocorre no estado uma média diária de três autos de resistência. - Esses autos de resistência representam instrumentos de impunidade, servem para mascarar as execuções sumárias no estado - disse Freixo. A audiência pública foi aberta pelo desembargador Sérgio Verani, que fez um histórico do uso dos autos de resistência como denominação oficial para mortes em confrontos com policiais. De 2000 a março deste ano, a média de autos de resistência passou...

    Leia mais
    blank

    É crime pagar por sexo com menores, diz STJ sobre absolvição

    Fonte: Terra Notícias Foto Ian Waldie/Getty Images/ O Superior Tribunal de Justiça (STJ) divulgou nota nesta terça-feira na qual afirma que mantém o entendimento, firmado em diversos precedentes e na doutrina especializada, de que é crime pagar por sexo com menores que se prostituem, "ao contrário de interpretações apressadas em torno de recente julgamento da Corte sobre o tema". Na análise de um caso ocorrido em Mato Grosso do Sul, o STJ rejeitou a acusação de exploração sexual de menores contra duas pessoas que contrataram prostitutas adolescentes em caráter ocasional. "O Tribunal da Cidadania tem-se destacado não só na defesa dos direitos dos menores, como também no das mulheres, das minorias e de todos aqueles segmentos sociais vítimas das várias formas de violência e preconceitos", afirma o texto. Segundo o STJ, ao decidir que o cliente ocasional de prostituta adolescente não viola o artigo 244-A do Estatuto da Criança e...

    Leia mais
    concurso

    Concursos com inscrições abertas nesta segunda somam quase 10 mil vagas

    Fonte: G1 -   Ao menos 30 concursos públicos em todo o país estão com inscrições abertas nesta segunda-feira (22) e somam pelo menos 9,5 mil vagas de todos os níveis de escolaridade. Além das vagas abertas, há concursos para formação de cadastro de reserva, ou seja, os aprovados são chamados conforme a abertura de vagas durante a validade do concurso.   Os salários chegam a R$ 10.905,76, para o cargo de especialista em políticas públicas e gestão governamental no Ministério do Planejamento.         Vagas Salário máximo Escolaridade Local de trabalho Aeronáutica (1) ABERTAS até 03/07/09 140 não informado nível superior em medicina, farmácia, odontologia e engenharia todo o país veja edital Aeronáutica (2) ABERTAS até 06/07/09 185 não informado nível fundamental curso de três anos em Barbacena (MG) veja edital Associação para Valorização e Promoção de Excepcionais, de Araçatuba (SP) ABERTAS até 08/07/09 456 R$ 6...

    Leia mais
    concurso

    Paraná tem 1,4 mil vagas, mais cadastro de reserva

      Paraná tem 1,4 mil vagas, mais cadastro de reserva -- Oportunidades estão na Copel, no TJ, na UEG e em Pontal do Paraná. Salários vão até R$ 4,9 mil Processos seletivos abertos por empresas e órgãos públicos instalados no Paraná somam 1.431 vagas. Há oportunidades para todos os níveis de escolaridade, em várias regiões do estado.Um desses processos foi aberto pela Companhia Paranaense de Energia (Copel), que precisa formar cadastro de reserva. De acordo com a empresa, serão selecionados e classificados candidatos para 53 cargos com formação de nível superior e para 98 cargos de nível técnico de segundo grau e de nível médio. Funções:Há oportunidades para profissionais com nível superior nas categorias júnior, pleno e sênior. Profissionais juniores podem inscrever-se para administrador, advogado, analista de sistemas, analista de web designer, contador, economista, enfermeiro, engenheiro ambiental, engenheiro civil, engenheiro florestal, engenheiro mecânico e geólogo, entre outras. O concurso seleciona...

    Leia mais
    Agencia-do-Trabalhador

    Mercado de trabalho perpetua desigualdade racial, avaliam especialistas

    Mercado de trabalho perpetua desigualdade racial, avaliam especialistas Matéria de Gilberto Costa, postada em 27/06/09Brasília - Sessenta por cento dos trabalhadores negros têm rendimento de até dois salários mínimos. Os negros são a maioria nos setores de atividade econômica com maior jornada de trabalho (como emprego doméstico, 60,8%); com uso mais intensivo da força física de trabalho (construção civil, 59,5%) e historicamente menos protegidos pelo sistema previdenciário (setor agrícola, 60,4%).Os negros formam a maioria dos trabalhadores sem carteira assinada (55,3%).Por outro lado, os negros são minoria no conjunto dos trabalhadores com melhor remuneração e melhor condição de trabalho. Dos empregados com carteira de trabalho assinada, apenas 43,2% são negros.Dentro da administração pública (onde há estabilidade de emprego, entre outras vantagens), os negros também são minoria (41,3%). Menos de um quarto dos empregadores (empresários) são negros.Os dados foram apresentados pelo economista Ademir Figueiredo, coordenador de estudos do Departamento Intersindical de Estatísticas...

    Leia mais
    estudante

    O Preconceito está em nós

    Na sala de aula, assim como em qualquer outro ambiente, ocorrem situações de discriminação. É necessário reconhecê-las e discuti-las Por Luis Carlos de Menezes, da UOL A escola não é uma ilha, e entre alunos e professores estão presentes as mesmas relações de uma sociedade que estimula o individualismo e vê a solidariedade como se fosse um favor e a tolerância como covardia. A nós, educadores, usualmente defensivos, cabe uma posição mais consciente e deliberada contra essa cultura de agressividade, começando por identificar e combater atitudes que comprometem o convívio escolar e envenenam a vida social. O preconceito não é só coisa de grupos sectários, como skinheads, pois surge, às vezes, da tola pretensão de valorizar a si mesmo ao depreciar diferentes escolhas religiosas, estéticas, desportivas ou musicais. Ele pode se manifestar, às vezes, disfarçado de humor, como na humilhação - ou bullying - de um estudante por seu sotaque...

    Leia mais
    literatura

    Brasil: Colóquio reúne estudantes africanos em universidade brasileira para promover intercâmbio e trocas culturais

    Rio de Janeiro, Brasil, 24 Jun (Lusa) - O desafio de mostrar a presença de estudantes africanos nas universidades brasileiras motivou a realização do primeiro colóquio "África no Brasil: Visão Universitária", afirmou o promotor do evento, o guineense Lenine Djù, para quem o desenvolvimento passa pela educação. Fonte: Expresso/Portugal "Esta oportunidade de estudar fora não é em vão, é o sonho de qualquer jovem guineense ter uma formação académica", disse à Agência Lusa Djù, de 26 anos, nascido em Bissau, que está no Brasil há três anos para estudar Publicidade na Universidade Federal do Rio de Janeiro. O futuro publicitário disse que escolheu o Brasil por ser um país referência na sua área de formação. Djù é um das centenas de jovens africanos que integra o Programa Estudante Convénio de Graduação (PECG). Este é um dos instrumentos de cooperação educacional que o Governo brasileiro oferece a outros países em vias...

    Leia mais
    educacao

    Para Educadores: Educação não tem cor

      Com discussões e projetos bem elaborados, é possível combater o preconceito racial que existe, sim, na escola. Está nas suas mãos, professor, o sucesso dessas crianças, negras e brancas, como alunas e cidadãs Por Roberta Bencini  , do UOL A aluna Roseane queria ter os cabelos trançados como os da colega Juliana: ampliação dos padrões de beleza Foto: Ricardo B. Labastier/ Sorvo   Roseane Souza de Queirós, 8 anos, tem os cabelos lisos e claros, mas queria que eles fossem trançados e escuros como os da colega de sala de aula Juliana Francisca de Souza Claudino, uma garota negra também de 8 anos. Um dia, apareceu com o mesmo penteado afro. A atitude de Roseane surpreende. É muito, muito mais comum a criança negra desejar se parecer com a maioria dos heróis dos contos de fadas europeus, com as modelos estampadas em revistas e jornais e com os colegas que...

    Leia mais
    rb

    Inclusão Racial nas Empresas

    Fonte: Instituto Ethos - O manual faz parte da série de publicações sobre diversidade e eqüidade nas empresas iniciada pelo Instituto Ethos em 2000, com o objetivo de contribuir para a discussão do assunto e estimular as companhias a adotar iniciativas em favor da inclusão de segmentos usualmente discriminados no mercado de trabalho. O tema central desta vez é a inclusão racial. Para discuti-lo foram envolvidos vários especialistas e representantes de organizações relacionadas ao movimento negro. Foi possível, assim, reunir pela primeira vez numa única publicação alguns dos mais importantes estudiosos da questão racial no país, reconhecidos nacional e internacionalmente. O trabalho levanta as desigualdades de gênero e raça no Brasil, destacando a situação das mulheres negras como o segmento mais desfavorecido da sociedade. Apresenta dados sobre a população brasileira que indicam um quadro de evidente discriminação e traduz em números o custo financeiro dessa situação para o país. Traz...

    Leia mais
    0007

    5 mil mulheres morrem a cada ano na América Latina

    Basta de mortes por abortos clandestinos! A América Latina tem os índices mais altos de abortos realizados em condições de risco: quase 4 milhões por ano. É evidente que a política de penalização do aborto, que prevalece na região, não serve para evitar que os abortos sigam sendo praticados de maneira auto-induzida ou em circunstâncias clandestinas onde as condições colocam em risco a vida de milhões de mulheres, a maioria jovens, adolescentes, trabalhadoras e pobres. Durante as décadas passadas, o fundamentalismo religioso se firmou em nossa região: as igrejas e os governos neoliberais, além dos políticos opositores que representam os interesses dos patrões, de oligárquicos e dos pró-imperialistas, impuseram uma política de direita contra os direitos democráticos mais elementares das mulheres. Nós, mulheres latino-americanas, temos uma longa história de luta pelo direito ao aborto, enfrentando a Igreja obscurantista e os governos e políticos de direita, clericais e reacionários; mas o...

    Leia mais
    245369

    DIVERSOS SOMOS TODOS

    por Reinaldo Bulgarelli - Valorização, promoção e gestão da diversidade nas organizações     A valorização da diversidade é um tema cada vez mais presente no meio empresarial, tanto como exigência da sociedade quanto como imposição do mercado globalizado. Os meios empresarial, da educação, governamental, movimentos sociais e os profissionais de variadas formações que neles atuam encontrarão em Diversos Somos Todos uma reflexão sobre nossa condição humana e nosso papel na promoção e gestão da diversidade. O autor defende que diversos não são os outros, mas somos todos nós que, compartilhando dessa característica da vida, devemos olhar à nossa volta para buscar melhorar a qualidade de nossas relações e, portanto, torná-las mais sustentáveis. Para as organizações, sobretudo empresariais, esta busca é fundamental, porque a sustentabilidade mora na qualidade das relações. Esta obra de Reinaldo Bulgarelli é um convite irrecusável e um excelente guia para quem já percebeu que valorizar a...

    Leia mais
    universidades

    22/06 – Começam as inscrições para o Bolsa Universitária em Cuiabá

    Importante: Clique aqui e faça sua inscrição do BOLSA UNIVERSITÁRI 2010 Fonte: Cicuito Mato Grosso-     Interessados no programa Crédito Educativo Municipal de Cuiabá, que irá conceder 485 bolsa de estudo integrais a estudantes carentes de Cuiabá, cuja renda familiar mensal e de até cinco salários mínimos, podem a partir de hoje (22.06) realizar suas inscrições para o processo seletivo. As inscrições podem ser realizadas de hoje até às 24h do dia 6 de julho exclusivamente pela Internet no site www.creditoeducativomunicipal.com.br. Para os candidatos não insentos a taxa de inscrição é de R$ 25,00. Os pretendentes à isenção do valor da inscrição deverão observar os critérios prescritos no Edital nº. 01/2009 do município de Cuiabá, disponível no site www.cuiaba.mt.gov.br. O interessado pelo programa para se candidatar a uma vaga deve obedecer a critérios como comprovar renda bruta mensal familiar de, no máximo, cinco salários mínimos e que mora no...

    Leia mais
    rtuu

    Governo de SP lança projeto para alfabetizar jovens e adultos

    Programa começa em agosto com a ajuda de parceiros Fonte: Folha São Paulo  O governo estadual inicia em agosto deste ano o programa Alfabetiza São Paulo, voltado para a alfabetização de jovens acima de 15 anos e adultos. O curso será equivalente aos primeiros quatro anos do ensino fundamental -da primeira à quarta séries. Apesar da existência de outros programas semelhantes no Estado, São Paulo é hoje o segundo no país com maior número de analfabetos. Para o secretário Paulo Renato Souza (educação), a segunda posição na lista se deve à concentração de 23% da população nacional em São Paulo. "O Brasil tem 9,9% de analfabetos; nós temos 4,6% em relação ao total da população", diz. A secretaria da Educação ainda não sabe estimar quantos pessoas serão atendidas pelo projeto, que será executado em parceria com ONGs, universidades e profissionais do Programa Escola da Família. O governo repassará a verba...

    Leia mais
    blank

    Relatoria Nacional para o Direito Humano à Educação

    A Relatoria Nacional do Direito Humano à Educação é uma iniciativa da Plataforma DHESCA (Direitos Humanos Econômicos, Sociais, Culturais e Ambientais), uma articulação de trinta e quatro ganizações e redes nacionais de direitos humanos.Conta com o apoio do Programa de Voluntários das Nações Unidas e da Procuradoria Federal do Direito do Cidadão. Inspirada nos Relatores Especiais da ONU, a Plataforma possui mais cinco relatorias nacionais: saúde, moradia, alimentação, meio ambiente e trabalho. A função de Relator não é remunerada e é exercida por pessoas com grande reconhecimento no campo em que atuam, responsáveis por liderar investigações independentes sobre violações. A Relatora para o Direito à Educação é Denise Carreira, integrante da ONG Ação Educativa. Cada relatoria conta com o apoio de um assessor/a, vinculado ao quadro das Nações Unidas. Na educação, a assessoria é exercida por Suelaine Carneiro, integrante de Geledés Instituto da Mulher Negra. Através da articulação com entidades...

    Leia mais
    blank

    Projeto que reduz maioridade penal avança no Senado

    Fonte: Folha de São Paulo -   Foto: Marcos Alves / Agência O Globo O projeto que reduz a maioridade penal de 18 para 16 anos avançou no Senado. Em votação anteontem, a Comissão de Constituição e Justiça rejeitou a emenda que propunha responsabilizar todos os menores de 18 anos -incluindo aqueles abaixo de 16 anos- que praticassem crimes hediondos. O texto básico da PEC (proposta de emenda constitucional) para reduzir a maioridade já havia sido aprovado em abril de 2007 -faltavam só as emendas. Agora, o projeto seguirá para votação no plenário do Senado. Se aprovada, em dois turnos, a PEC sobre a redução da maioridade penal de 18 para 16 anos ainda passará pela Câmara, onde também ter de ser avaliada votações em dois turnos. A proposta de redução da maioridade é criticada por segmentos sociais e desaprovada pelo governo. Na Comissão de Constituição e Justiça, parte dos...

    Leia mais
    blank

    Trabalhador quer piso nacional, e usineiro, mais políticas públicas

    Fonte: Folha de São Paulo -   Foto: Getty Images/iStockphoto Finalizado o primeiro compromisso da cana-de-açúcar, chamado de histórico pelo presidente Lula, trabalhadores cobram agora novas iniciativas dos usineiros, enquanto estes pedem mais políticas públicas ao governo federal. Do lado dos trabalhadores, a principal demanda aos empresários é pelo fornecimento da comida. Fernando Carneiro, professor de epidemiologia e saúde ambiental da UnB (Universidade de Brasília), diz que a situação dos cortadores é de insegurança alimentar. "Não falo nem da qualidade, mas da falta de comida mesmo. É uma situação de insegurança alimentar grave. Mal alimentado, o organismo entra em colapso", diz Carneiro, que, em pesquisa, identificou que a situação de insegurança alimentar dos boias-frias é quatro vezes superior à de um assentado. Além da alimentação, os trabalhadores querem a adoção de um piso salarial nacional, para que o pagamento não seja baseado apenas na produção, fator que os incentiva a...

    Leia mais
    blank

    Usina não será obrigada a dar comida a cortadores de cana

    Fonte: Folha de São Paulo - Acordo diz que será obrigatório fornecer recipiente para manter alimento aquecido Apesar disso, compromisso é elogiado por entidades de usineiros e de trabalhadores; documento será lançado por Lula na próxima semana Trabalhadores rurais durante blitz do Ministério Público do Trabalho em fazenda no interior de SP; fornecer comida será opcional (Edson Silva/Folha Imagem) Com avanços reconhecidos por governo, empresários e trabalhadores, o compromisso nacional para melhorar as condições de trabalho no setor sucroalcooleiro não mexerá na realidade de insegurança alimentar dos cortadores de cana. A Folha teve acesso ao documento final, que será lançado na próxima quinta-feira pelo presidente Lula. No item alimentação, o compromisso dos usineiros para no fornecimento de recipientes a fim de manter o alimento aquecido. Os trabalhadores e o próprio presidente esperavam que os empresários assumissem a responsabilidade pela comida. Semanas atrás, em evento reservado no qual lhe foi apresentado...

    Leia mais
    blank

    Índios acusam PF de tortura durante confronto na Bahia

    Fonte: Terra - Foto: Arquivo JBO/MaurícioMaron   O Ministério Público Federal (MPF) investiga supostas torturas e agressões de policiais federais a índios da etnia tupinambá durante confronto ocorrido no último dia 2 em uma fazenda no sul da Bahia, localizada entre os municípios de Ilhéus, Buerarema e Una. As informações são do jornal Folha de S.Paulo. Os índios relataram ao MPF que receberam choques elétricos nas costas e em órgãos genitais, além de tapas e chutes. Eles afirmam ainda que foram pisoteados e ameaçados de morte pelos policiais. A PF teria usado um instrumento de choque para imobilizar os índios, chamado taser. A Polícia Federal afirmou que não tem conhecimento de torturas na ação e alegou que todas as armas utilizadas no confronto foram não letais. De acordo com a Folha, o chefe da delegacia da PF em Ilhéus, Cristiano Barbosa, diz que os policiais empregaram "uso progressivo da força"...

    Leia mais
    professores

    SP amplia a 80 mil número de vagas em concurso a professores

    O governo do Estado de São Paulo enviou, na quinta-feira, à Assembleia Legislativa um acréscimo a um projeto de lei que prevê a criação de concurso público para contratação de professores. A medida amplia de 50 mil para 80 mil o número de vagas abertas. Fonte: Terra Notícias  Para que o processo seletivo aconteça, é necessário que o projeto de lei seja aprovado em votação na Assembleia. Depois de aprovados no concurso, os docentes ainda vão passar por curso de capacitação, oferecido gratuitamente pela Escola de Formação de Professores do Estado. Serão 360 horas de aulas com atividades em classe e práticas escolares. Durante os quarto meses de curso, os candidatos a professor vão receber 75% do salário inicial da categoria. O governo do Estado também anunciou que está com inscrições abertas para 303 vagas no primeiro processo de certificação ocupacional para dirigentes de ensino, diretores e supervisores de ensino...

    Leia mais

    Últimas Postagens

    Artigos mais vistos (7dias)

    Instagram

    Twitter

    Facebook

    Welcome Back!

    Login to your account below

    Create New Account!

    Fill the forms bellow to register

    Retrieve your password

    Please enter your username or email address to reset your password.

    Add New Playlist