Início Questão Racial Casos de Racismo Deputados do RJ aprovam relatório da CPI contra intolerância religiosa

Deputados do RJ aprovam relatório da CPI contra intolerância religiosa

18ª Marcha do Dia da Consciência Negra - Foto: Daisy Serena/Geledés

A Assembleia Legislativa do Rio aprovou o relatório final da Comissão Parlamentar de Inquérito, instaurada para apurar os crimes de intolerância religiosa praticados no estado. O texto entregue nesta quarta-feira (13) pelo relator Átila Nunes, do MDB, tem 35 recomendações a órgãos públicos.

Dentre elas, que a Polícia Civil e o Ministério Público incluam na investigação, ou na denúncia, o líder religioso, quando houver indícios de sua participação como mentor ou coautor do crime.

A Comissão também propõe a implementação de projetos educacionais nas escolas da rede estadual para conscientização e combate do preconceito religioso, bem como a inclusão na grade extracurricular do curso de formação dos agentes da Polícia Civil, com treinamento em relação ao atendimento das pessoas vítimas de preconceito religioso.

O deputado Átila Nunes enfatizou que este relatório reafirma o desejo do parlamento fluminense para que o estado não mais permita o preconceito e a perseguição aos cultos afrobrasileiros.

O relatório de 152 páginas recomenda, ainda, que o Estado inclua no programa Aluguel Social vítimas que perderam suas moradias; e que, o Instituto de Segurança Pública divulgue, anualmente, informações relativas à intolerância religiosa e ao racismo religioso, para dar visibilidade, e assim subsidiar a criação de políticas públicas de segurança.

O texto será votado em plenário pelos deputados em data ainda a ser agendada.

-+=