Início África e sua diáspora Esquecer? Jamais Documentos africanos revelam segredos da história da escravidão

Documentos africanos revelam segredos da história da escravidão

escravidao
Escravidão

Na semana que o Brasil comemorou a libertação dos escravos, a reportagem do Domingo Espetacular fez descobertas surpreendentes. Na África, foram encontrados registros que mexem com a história da escravidão brasileira.

O continente africano é marcado por um triste passado, em que milhões de pessoas foram submetidas a formas degradantes de trabalho e de vida, por causa da cor da pele.

Em Luanda, capital de Angola, há um museu sobre a escravatura, instalado em uma capela no século 18, que foi construída por um militar português. O local servia para evangelização dos escravos. Ao lado, barracões funcionavam como depósitos de seres humanos. Nem as crianças escapavam.

O museu guarda documentos e objetos da época, que mostram o sofrimento dos escravos e a detalhes da vida diária.

Os pesquisadores não têm dúvida: líderes do Vaticano apoiaram abertamente a escravidão. Em uma carta, antes do descobrimento do Brasil, o papa Nicolau 5º deu autorização ao rei de Portugal para subjugar pessoas à escravidão.

Conheça lugares e outros documentos que registraram esta história, responsável até os dias de hoje por grandes problemas na sociedade brasileira e de países africanos.

fonte: R7

-+=