Guest Post »

Indicado ao Oscar, Histórias Cruzadas é exibido em pré-estreia neste sábado

 

Histórias cruzadas está cercado de curiosidades. Baseada no romance de Kathyrin Stockett, a saga de empregadas domésticas do Sul dos Estados Unidos se passa durante a campanha pelos direitos civis e contra o racismo. Em 26 de fevereiro, a fita disputará três estatuetas na festa do Oscar: melhor filme, atriz (Viola Davis) e atriz coadjuvante (Octavia Spencer).

O filme será exibido no Shopping Center Recife neste sábado às 23h20

O longa foi dirigido por Tate Taylor, criado no Mississipi, onde a trama se passa. O estado tem muitos motivos para torcer pelas estatuetas douradas. O diretor e a autora do romance foram criados na cidade de Jackson por empregadas como as do filme. Aliás, Carol Lee, que tomou conta de Taylor, faz uma ponta.

Outro conterrâneo de Stockett e de Taylor é o produtor Brunson Gree – cuja avó emprestou vestidos para o guarda-roupa do longa. Professor de dialetos, foi contratado especialmente para ensinar ao elenco o sotaque sulista perfeito. Chefs do Mississipi “inspecionaram” pratos servidos durante atrama para que se respeitasse, de verdade, a gastronomia sulista.

Para completar o clima, as mães de Tate Taylor, Kathryn Stockett e Brunson Green fizeram pontas em Histórias cruzadas.

 

 

 

 

Fonte: Pernambuco

Related posts