Jornal americano inclui Fernanda Montenegro na cota de atores não-brancos que já foram indicados ao Oscar

Enviado por / FonteDo Virgula

O anúncio dos indicados ao Oscar 2015 foi feito na última quinta-feira (15), gerando revolta por parte da comunidade negra norte-americana. O motivo: nenhum profissional negro foi indicado para alguma das quatro categorias de atuação (ator, atriz, ator coadjuvante, atriz coadjuvante).

Diversos protestos e reclamações estão sendo feitos em sites, blogs e redes sociais. O jornal Huffington Post foi mais longe, afirmando que o Oscar 2015 será o primeiro, desde 1998, a não incluir uma pessoa “não-branca” em uma das quatro categorias de atuação. E a publicação acabou incluindo Fernanda Montenegro na lista de “não-brancos”.

O jornal publicou reportagem na qual inseriu uma lista de todos os atores e atrizes “não-brancos” indicados (vencedores ou não) em todos os anos, de 1999 até 2014. Fernanda Montenegro é a única citada no ano de 1999 – naquele ano, ela concorreu ao Oscar de Melhor Atriz por Central do Brasil (1998).

Além da veterana atriz brasileira, outros nomes citados na lista podem ser também discutíveis: os espanhóis Javier Bardem ePenelope Cruz, o porto-riquenho Benicio del Toro, o inglês-indiano Ben Kingsley, os mexicanos Demian Bichir, Salma Hayek eAdriana Bazarra, os japoneses Ken Watanabe e Rinko Kikuchi, a iraniana Shohreh Aghdashloo, a australiana Keisha Castle-Hughes, a colombiana Catalina Sandino Moreno, e a americana Hailee Steinfeld – incluída na lista, provavelmente, por sua ascendência filipina.

A reportagem do jornal pode soar um tanto exagerada, mas uma nota de rodapé explica: “Nós optamos pela mais ampla interpretação do termo, e incluímos atores como Javier Bardem e Penelope Cruz como ‘não-brancos’ devido à ascendência hispânica deles, embora muitos hispânicos se identifiquem racialmente como brancos”.

Juntamente com os nomes acima, a lista de “não-brancos” do jornal incluiu também os atores negros indicados no mesmo período, como Jamie Foxx, Don Cheadle, Halle Berry, Queen Latifah, Denzel Washington, Viola Davis e Lupita Nyong’o, entre outros. A conclusão final do Huffington Post foi: “Este será o Oscar mais branco desde 1998. 2015 será o pior ano para a diversidade em Hollywood desde a 70ª cerimônia do prêmio”.

Leia Também: 

Brasileiro manda carta de apoio a nazistas e eles respondem “não aceitamos latinos”

+ sobre o tema

Filme com Donald Glover e Rihanna será disponibilizado gratuitamente pela Amazon

Filme musical realizado em Cuba, 'Guava Island' é inspirado...

Jundiaiense denuncia contratação da Magazine Luiza por discriminação racial

O programa de contratação trainee exclusivo para negros da...

Iza entra para o time de técnicos do ‘The Voice Brasil’

Carlinhos Brown  permanece no 'The Voice Kids'. Cantora terá...

para lembrar

Tolerância de ficção. A alarmante hipocrisia do Oscar

Negro dá prêmio a branco, falsa transexual é indicada......

Oscar: Academia aumenta participação de mulheres e negros

Comprometida em aumentar a representatividade e diversidade de seus...

Angela Bassett, de Pantera Negra 2, é primeira atriz da Marvel a receber indicação ao Oscar

Com anúncio dos indicados ao Oscar 2023, Academia de Artes e Ciências...

Por que as atrizes estão sacudindo o tapete vermelho do Oscar

Em meio à temporada de premiações de Hollywood e...
spot_imgspot_img

Ruth E. Carter, figurinista de “Pantera Negra”, é a primeira mulher negra a ganhar dois Oscars

A figurinista Ruth E. Carter se tornou a primeira mulher negra a ganhar dois Oscars. Neste domingo (12), ela conquistou sua segunda estatueta por “Pantera Negra: Wakanda Para...

Rihanna se apresentará no Oscar com ‘Lift Me Up’, trilha sonora de Pantera Negra

Rihanna se apresentará no Oscar com a música “Lift Me Up” trilha sonora de Pantera Negra: Wakanda Forever (2022), indicada ao Oscar 2023. Apresentado...

‘Marte Um’, filme escolhido pelo Brasil para o Oscar 2023, chega à televisão paga

Pela primeira vez, um longa escrito e dirigido por um cineasta negro foi selecionado para representar o Brasil na disputa pelo Oscar de melhor filme internacional. "Marte...
-+=