Moon Girl, nova heroína da Marvel, é negra, pré-adolescente e nerd

Marvel continua a investir na diversidade nos quadrinhos. A mais nova personagem da editora é prova disso: ela é pré-adolescente, negra e nerd.

Lunella Lafayette, a “Moon Girl” – algo como “garota lunar”, em português –, junto com seu amigo Dinossauro Demônio, protagoniza o gibi Moon Girl and Devil Dinosaur, que chega às lojas dos Estados Unidos ainda neste ano.

As informações e imagens são da Entertainment Weekly.

Moon Girl será uma garota ambiciosa, que planeja estudar em grandes instituições e tem DNA alienígena. Isso a fará se sentir deslocada, mas se depender dela, isso não atrapalhará sua vida – e o Dinossauro a ajudará nisso. A amizade de ambos será a essência das histórias.

O tiranossauro vermelho não é novo para os leitores mais aficionados da Marvel. Ele estreou em 1978, em Devil Dinosaur. E, agora, Dinossauro foi resgatado especialmente para Moon Girl.

“Por décadas, temos visto editoras independentes apostando na diversidade, mas sempre na cena underground. É realmente importante que o mainstream trabalhe com novas referências como essas”, disse à EW a artista do gibi espanhola Natacha Bustos.

Segundo ela, a intenção da Marvel é diversificar suas criações. Além de ser mulher e negra, a idade de Moon Girl pode trazer ao gibi leitores de faixa etária próxima à da personagem:

“Um número maior de leitores está procurando por personagens com os quais eles podem se identificar. E, acima de tudo, [a Marvel tem] o objetivo de fazer com que qualquer leitor, seja lá qual for sua história ou estilo de vida, seja capaz de transcender suas própria identidades e se ver em um espelho de entretenimento por 20 ou 30 minutos, sem qualquer diferença”.

No time criativo de Moon Girl and Devil Dinosaur, além de Bustos, estão Amy Reeder e Brandon Montclare (roteiro), e Mark Paniccia e Emily Shaw(edição).

 

o-MOON-GIRL-AND-DEVIL-DINOSAUR2
Foto: Marvel/ Entertainment Weekly

Neste ano, a Marvel tem bombado com suas heroínas. Thor, por exemplo, já superou sua versão masculina em vendas.

+ sobre o tema

No tablado, nos aparelhos ou no tapete vermelho, Simone Biles sempre é medalha de ouro

Para a ginasta Simone Biles, colecionar medalhas parece não ser...

Ludmilla inicia transição capilar: “chegou a hora de ser eu mesma”

A cantora Ludmilla revela que está em transição capilar...

Taís Araújo responde a Otaviano Costa pergunta sobre cabelo

Durante o Video Show ao vivo desta terça-feira, 6,...

para lembrar

Desenhos impressionantes feitos com caneta bic por artista ganense

Desde pequenos aprendemos a desenhar com o lápis, porque...

Queen Latifah experimenta açaí e sobe Vidigal de mototáxi

Rio - Queen Latifah está aproveitando  muito o Rio de...

8 razões para ver ‘Os Oito Odiados’, o oitavo filme de Quentin Tarantino

O novo filme de Tarantino, Os Oito Odiados, entra...
spot_imgspot_img

Ilustração de mãe e feto negros viraliza: conheça o estudante de medicina da Nigéria por trás do desenho

Há algumas semanas, uma ilustração médica de um feto dentro de uma mulher viralizou nas redes sociais. O motivo: ambos tinham a pele negra....

Edital seleciona artistas brasileirxs para ilustrar relatório que será apresentado na ONU

Divulgar artistas brasileiros/as que abordam temas relacionados a direitos humanos em suas obras. Esse é o objetivo do edital Olhares do Brasil, organizado e...

Cumbe, Angola Janga e Carolina são aprovado no Plano Nacional do Livro Didático Literário 2018

Os quadrinhos Angola Janga, Cumbe (ambos de Marcelo D’Salete) e Carolina (João Pinheiro e Sirlene Barbosa) foram aprovadas no mais recente edital do Plano Nacional do Livro...
-+=