Resultados da pesquisa por 'violência'

    3053746585_6480186d78_t

    Essa Tal Supervalorização do Negro

    Fonte: Interney.net Na comunidade História, do Orkut, alguém perguntava porque essa tal "supervalorização do negro". E veio a resposta:   Também me incomoda essa supervalorização. Já não basta todos os presidentes do país terem sido negros, já não basta que 87% do Congresso brasileiro é de negros, já não basta que o governo só escuta religiões afro-brasileiras e não dá a mínima bola para bispos católicos brancos em greve de fome, já não basta a maioria dos universitários serem negros, os negros viverem mais do que os brancos e serem menos vítimas de violência e quase toda propaganda ser estrelada por modelos negros e mais, eles controlam 72% do PIB brasileiro. Não agüento mais os negros controlando a FIESP em Sp e que tenhamos que estudar só História da África na escola e nada de Europa branca. Não agüento estes feriados por Oxalá, Ogum e Iemanjá.   Chega! Vamos nos ...

    Leia mais
    82640

    Pesquisa da OIT revela que as mulheres e os negros sofrem mais com problemas relacionados ao trabalho

    Fonte: Pantanal News/Notícias.MS - Campo Grande (MS) - "A situação do negro no Brasil é alarmante!" A afirmação é da coordenadora de Políticas para a Promoção da Igualdade Racial de Mato Grosso do Sul Raimunda Luzia de Brito, ao tomar conhecimento do relatório "Trabalho Decente e Juventude", lançado no dia 1º de julho, deste ano, em Brasília (DF), pela Organização Internacional do Trabalho (OIT).   O documento analisou a situação da juventude no país, no período de 1992 a 2006, e apresenta alguns dos principais programas brasileiros voltados para o segmento. O lançamento aconteceu durante a abertura de uma oficina sobre o tema que, junto com o relatório, irá subsidiar a elaboração da Agenda Nacional de Trabalho Decente para a Juventude. O estudo baseou-se na Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) e revelou que a taxa de desemprego entre os jovens é 3,2 vezes maior que a dos adultos. ...

    Leia mais
    black_women

    Mulheres negras brasileiras lideram discussão sobre saúde da população negra

    Fonte: Notícias do UNIFEM Brasil e Cone Sul - Brasília (Brasil) - O SUS (Sistema Único de Saúde) e o Plano Nacional de Saúde Integral da População Negra estiveram em debate entre sociedade civil e governo brasileiro durante a II Conapir, ocorrida no final de junho, em Brasília. Com moderação de Maria Inês Barbosa, coordenadora de programa de Gênero, Raça e Etnia do UNIFEM Brasil e Cone Sul, o painel avaliou as conquistas da população negra na área da saúde e a implementação das políticas públicas estabelecidas no Plano Nacional de Saúde Integral da População Negra. "A saúde é uma das poucas áreas em que é possível fazer uma avaliação. As demandas foram historicamente apresentadas pela população negra e foram incorporadas pelo Ministério da Saúde. Esse é um momento histórico e excepcional na área da saúde da população negra em que a tônica é avaliação do plano operativo e discussão ...

    Leia mais
    racismo_futebol

    Racismo – 140 clubes vão incluir cláusulas antidiscriminatórias nos contratos

    Fonte: Futebolar Cento e quarenta clubes da Associação Europeia de Clubes (ECA), da qual fazem parte Benfica, FC Porto e Sporting, comprometeram-se hoje a incluir cláusulas anti-racistas e antidiscriminatórias nos novos contratos de jogadores. O acordo, apresentado em Barcelona e que junta clubes de 53 países, foi conseguido com a intervenção da UNESCO e do Parlamento Europeu. O presidente do FC Barcelona, um dos promotores da ideia, considerou fundamental "levar a luta contra o racismo, intolerância e violência aos campos de futebol, bem como fomentar valores cívicos entre os mais jovens". "Acreditamos no poder do futebol para mudar estes comportamentos discriminatórios", afirmou Joan Laporta. O secretário-geral da ECA, Michele Centenaro, elogiou a medida, e o trabalho de Laporta, a quem qualificou como "o motor da iniciativa". A eurodeputada holandesa Emine Bozkurt também enalteceu o trabalho do clube catalão, que classificou como "um clube ganhador", não pelos títulos conquistados esta temporada ...

    Leia mais
    49525

    They don’t care about us

    Fonte: Folha de São Paulo - BRASÍLIA - Em 1996, Michael Jackson esteve pela última vez no Brasil. Subiu o morro e cantou, numa favela do Rio, a música They don't care about us. A letra fala de violência, frustração, sensação de invisibilidade por conta de direitos ignorados. Na semana de sua despedida, o título da canção do astro pop se mostra, infelizmente, mais atual do que nunca por aqui. Basta abrir os jornais e ler as notícias. Três grávidas não são atendidas num hospital carioca por falta de vagas. São ignoradas em seus direitos mais básicos. Têm os braços rabiscados indicando onde deveriam buscar atendimento. Seus corpos viraram pontos de anotações. Uma delas perde a criança no sétimo mês de gravidez. A quem responsabilizar? Ao médico, ao hospital, ao município, ao Estado, ao governo federal? Atribuo a todos parte da responsabilidade de um sistema falido, que faz ecoar na ...

    Leia mais
    img_ju432-12a

    Sambar com fé

      O samba, quem diria, constitui um importante eixo simbólico que promove a conexão entre dois espaços aparentemente opostos e contraditórios: as escolas de samba e as igrejas evangélicas. A constatação foi feita pela antropóloga Kelly Adriano de Oliveira, que acaba de defender a tese de doutorado "Deslocamentos entre o samba e a fé - Um olhar para gênero, raça, cor, corpo e religiosidade na produção de diferenças". O trabalho, apresentado no Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH) da Unicamp, investigou a maneira como rainhas, musas, madrinhas e princesas de bateria de escolas de samba percebem e discutem as questões relativas ao estereótipo da mulata, normalmente associado à sexualidade, sensualidade e sedução. "A questão da religiosidade, que não estava prevista num primeiro momento, acabou surgindo como um elemento que permeia de alguma forma todos esses temas", afirma a pesquisadora, que foi orientada pela professora Mariza Corrêa. Fonte: Jornal da ...

    Leia mais

    Racistas ameaçam policial e jornalista

    Fonte: Írohín Jornal Online - A delegada Margarette Barreto, chefe da Delegacia de Crimes Raciais de São Paulo, e o jornalista Dojival Vieira, editor de Afropress - Agência Afro-Étnica de Informação, parceira de ViaPolítica, sofrem, na Internet, ataques e ameaças da organização criminosa White Power . Reproduzimos, abaixo, trechos do editorial de Afropress - www.afropress.com - onde Dojival Vieira denuncia a violência e a ação dos racistas e pede o fim da impunidade para os criminosos. Afropress - A mais recente investida dos bandos nazi-racistas, que há um ano nos atacam e ameaçam sistematicamente, expondo em uma página na Internet as fotos da chefe da Delegacia de Crimes Raciais de São Paulo, delegada Margarette Barreto, e do editor da Afropress, jornalista Dojival Vieira, e apontando a ambos como "inimigos" da organização, demonstra até que ponto está chegando a ousadia de criminosos racistas que operam à margem da lei. A White ...

    Leia mais
    solimar

    Sempre chorei por Michael Jackson.

    por: Solimar Carneiro - Chorei quando estava apaixonada por ele: eu tinha 13 e ele 11, talvez... não sei e não importa. Chorei no dia 25 de junho, quando ele se foi. O que importa é que a minha primeira paixão foi Michael Jackson... Como a maioria de seus fãs, não acredito que ele se foi. A nossa diferença é de dois anos... Vou fazer 53... O tempo passa... Chorei pela foto (histórica para mim) que pela primeira vez vi 5 pretinhos numa capa de revista. Não lembro qual era a revista e o que isso representava. Sabia, no meu íntimo que aquele menino me atraía. Não via o conjunto, só via aquele menino, tão próximo de mim, sem ver imagens, apenas fotos e que ele seria importante na minha vida. Consegui ver vídeos de Michael (desculpe-me a intimidade) muito tempo depois, mas isso não fazia diferença. Eu tinha as ...

    Leia mais
    policeshooting

    Para major da PM negros continuam suspeitos preferenciais

    Fonte: Afropress S. Paulo - Citando dados de Estudos e Pesquisas - inclusive da mais recente desse tipo realizada pela Fundação Perseu Abramo, em 2003 - o Major e Professor da PM de S. Paulo, Airton Edno Ribeiro, Mestre em Educação das Relações Raciais, traçou um retrato nada abonador da instituição a que pertence, na relação com a população negra: ele disse que a PM continua tratando negros como suspeitos preferenciais.   A exposição do Oficial da PM - um dos poucos oficiais negros da corporação - aconteceu durante a mesa de encerramento do Congresso dos Advogados Afro-Brasileiros em S. Paulo, promovido pela OAB/SP, por meio da Comissão do Negro e Assuntos Anti-Discriminatórios, no Hotel Braston, centro de S. Paulo.   Segundo o Major, que é Mestre em Educação das Relações Raciais e professor do Centro de Aperfeiçoamento de Estudos Superiores da Polícia Militar, a postura discriminatória da PM em ...

    Leia mais

    RJ: Deputado quer o fim dos autos de resistência

    RJ: Deputado quer o fim dos autos de resistência data: 02/07/2009 Foto: Marcelo Freixo/Flickr   A Comissão de Defesa dos Direitos Humanos e da Cidadania da Alerj quer acabar com a classificação "auto de resistência" (morte em confronto com a polícia) nas estatísticas de violência divulgadas pela Secretaria de Segurança. Foi o que disse ontem o presidente da comissão, deputado estadual Marcelo Freixo (PSOL), ao final da audiência pública realizada sobre o assunto na Alerj. Segundo o parlamentar, ocorre no estado uma média diária de três autos de resistência. - Esses autos de resistência representam instrumentos de impunidade, servem para mascarar as execuções sumárias no estado - disse Freixo. A audiência pública foi aberta pelo desembargador Sérgio Verani, que fez um histórico do uso dos autos de resistência como denominação oficial para mortes em confrontos com policiais. De 2000 a março deste ano, a média de autos de resistência passou ...

    Leia mais

    É crime pagar por sexo com menores, diz STJ sobre absolvição

    Fonte: Terra Notícias Foto Ian Waldie/Getty Images/ O Superior Tribunal de Justiça (STJ) divulgou nota nesta terça-feira na qual afirma que mantém o entendimento, firmado em diversos precedentes e na doutrina especializada, de que é crime pagar por sexo com menores que se prostituem, "ao contrário de interpretações apressadas em torno de recente julgamento da Corte sobre o tema". Na análise de um caso ocorrido em Mato Grosso do Sul, o STJ rejeitou a acusação de exploração sexual de menores contra duas pessoas que contrataram prostitutas adolescentes em caráter ocasional. "O Tribunal da Cidadania tem-se destacado não só na defesa dos direitos dos menores, como também no das mulheres, das minorias e de todos aqueles segmentos sociais vítimas das várias formas de violência e preconceitos", afirma o texto. Segundo o STJ, ao decidir que o cliente ocasional de prostituta adolescente não viola o artigo 244-A do Estatuto da Criança e ...

    Leia mais
    Joyce Fonseca

    Conceição Evaristo, por Adriana Graciano

    Risky, thought Paul D, very risky. For a used-to-be-slave woman to love anything that much was dangerous, especially if it was her children she had settled on to love. The best thing, he knew, was to love just a little bit; everything, just a little bit, so when they broke its back, or shoved it in a croaker sack, well, maybe you'd have a little love left over for the next one. -Adriana Graciano - Toni Morrison in Beloved Contemporary newspaper reports, abolitionist material, and various biographical and autobiographical accounts provide the sources from which this episode can be reconstructed. (...) Trapped in his house by the encircling slave catchers, Margaret Garner killed her three-year-old daughter with a butcher's knife and attempted to kill the other children rather than let them be taken back to into slavery by their master, Archibald K. Gaines, the owner of Margaret's husband and of the ...

    Leia mais

    ONU apresenta plano para reduzir desigualdade de raça

    Fonte: Terra Notícias - A promoção de políticas de igualdade racial é uma preocupação internacional do sistema de agências da Organização das Nações Unidas (ONU), de acordo com a representante do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) no Brasil, Marie-Pierre Poirier, que coordena o grupo de trabalho da ONU sobre gênero e raça e apresentou nesta sexta-feira as diretrizes do comitê durante a 2° Conferência Nacional de Promoção da Igualdade Racial. Marie-Pierre listou os objetivos do plano de ação, entre eles a promoção do acesso igualitário aos serviços públicos, a redução das vulnerabilidades e da violência entre os grupos minoritários e a transparência na implantação de políticas públicas de direitos humanos. O plano também prevê a adoção de medidas internas na ONU, como a produção de conhecimento sobre a desigualdade racial e de gênero e as ações práticas como a preparação de candidatos negros e indígenas para na ...

    Leia mais

    Regularização fundiária não agrada ambientalistas e nem os ruralistas

    Regularização fundiária não agrada ambientalistas e nem os ruralistasKaxiana (*)Agora é lei. O presidente sancionou a Medida Provisória 458, que vai regularizar a situação fundiária de 67 milhões de hectares de terras públicas ocupadas por pessoas que ocupam suas propriedades antes de dezembro de 2004. Mas, como era previsto e esperado pelos ambientalistas, o presidente tornou a nova lei de regulamentação fundiária da região menos abrangente e com menos possibilidade de se tornar um instrumento de regularização apenas de grilagens.Pelo que foi publicado nesta sexta-feira, 26/06/, do Diário Oficial da União, foi vetado o artigo 7º, que foi incluído pela Câmara e que permitia a regularização fundiária de terras da Amazônia ocupadas por empresas ou por terceiros. O presidente promoveu o veto depois se reunir com o advogado-geral da União, José Antônio Dias Toffoli. Lula justificou o veto com o fato "de que a maior parte das ocupações de terras ...

    Leia mais

    Autópsia inicial para saber causa da morte de Michael é inconclusiva

    Autópsia inicial para saber causa da morte de Michael é inconclusivaDa EFEAntonio Martín Guirado.Los Angeles (EUA.), 26 jun (EFE).- A autópsia feita hoje no corpo de Michael Jackson não deu respostas definitivas e são necessárias mais análises toxicológicas para esclarecer a causa da morte do cantor, embora a própria família do astro admita que pode ser sido provocada por uma dose excessiva de morfina.Craig Harvey, porta-voz do escritório do juiz de instrução, descartou hoje, após concluir a autópsia de três horas, que houvesse indícios de crime ou sinais de violência física no corpo do cantor.Em entrevista coletiva, Harvey explicou que o anúncio da causa da morte do cantor foi adiado e que o legista encarregado do caso, Lakshmanan Sathyavagiswaran, fará uma série de análises toxicológicas para descobrir o que provocou o falecimento do astro.Os resultados desses novos exames, que incluirão análises neuropatológicas e pulmonares, só serão divulgados dentro de "quatro ...

    Leia mais
    estudante

    O Preconceito está em nós

    Na sala de aula, assim como em qualquer outro ambiente, ocorrem situações de discriminação. É necessário reconhecê-las e discuti-las Por Luis Carlos de Menezes, da UOL A escola não é uma ilha, e entre alunos e professores estão presentes as mesmas relações de uma sociedade que estimula o individualismo e vê a solidariedade como se fosse um favor e a tolerância como covardia. A nós, educadores, usualmente defensivos, cabe uma posição mais consciente e deliberada contra essa cultura de agressividade, começando por identificar e combater atitudes que comprometem o convívio escolar e envenenam a vida social. O preconceito não é só coisa de grupos sectários, como skinheads, pois surge, às vezes, da tola pretensão de valorizar a si mesmo ao depreciar diferentes escolhas religiosas, estéticas, desportivas ou musicais. Ele pode se manifestar, às vezes, disfarçado de humor, como na humilhação - ou bullying - de um estudante por seu sotaque ...

    Leia mais
    GETTY IMAGES
Image caption
'Darwin ficou encantado com a nossa biodiversidade. A Mata Atlântica foi o bioma mais rico que ele conheceu. Por outro lado, ficou revoltado com a escravidão. Sua família lutava contra o comércio de escravos', afirma o biólogo Nélio Bizzo

    Charles Darwin e a escravidão no Brasil

    Brasil foi fundamental para Darwin criar suas teorias, que retornaram ao país, mais tarde, e moldaram nossa nação Por Carlos Haag, do Revista Pesquisa Charles Darwin (GETTY IMAGES) Charles Darwin (1809-1882) passou quatro meses no Brasil, em 1832, durante a sua célebre viagem a bordo do Beagle. Voltou impressionado com o que viu: “Delícia é um termo insuficiente para exprimir as emoções sentidas por um naturalista a sós com a natureza no seio de uma floresta brasileira”, escreveu em seu diário científico. O Brasil, porém, aparece de forma bem menos idílica em seus escritos pessoais: Espero nunca mais voltar a um país escravagista. O estado da enorme população escrava deve preocupar todos que chegam ao Brasil. Os senhores de escravos querem ver o negro como outra espécie, mas temos todos a mesma origem num ancestral comum. O meu sangue ferve ao pensar nos ingleses e americanos, com ...

    Leia mais
    20090618183131-news-marcelobarros-180609

    Amigos de rapaz morto após Parada Gay fazem ato hoje

    Fonte: Folha de São Paulo - Marcelo Barros, 35, conhecido como Pan, foi espancado na noite de domingo, em uma rua do centro de São Paulo Polícia investiga duas hipóteses para o crime: ação de neonazistas ou roubo no qual criminosos agrediram Barros para levar seu celular   Amigos e familiares do cozinheiro Marcelo Campos Barros, 35, o Pan, assassinado na noite de domingo no centro de São Paulo, realizarão hoje um ato para protestar contra a violência. Segundo a polícia, Barros voltava da 13ª Parada Gay quando foi agredido.O ato será às 18h na Vila Madalena (zona oeste de SP), na esquina das ruas Fradique Coutinho e Aspicuelta. Os amigos de Barros dizem que o trânsito não será afetado. Barros foi espancado no domingo e encontrado em estado grave próximo a um ponto de ônibus na rua Araújo, na região central de São Paulo. Ele foi socorrido e levado ...

    Leia mais
    verImagem

    SITUAÇÃO ATUAL SOBRE OS DIREITOS QUILOMBOLAS

    Na história do Brasil, as Comunidades Quilombolas são e sempre foram exemplo de organização social, assim como as comunidades negras em toda diáspora africana. Como evidência dessa importante forma de organização, estimamos existir atualmente cerca de 5.000 comunidades quilombolas em todo território nacional, com histórias que vão desde pouco menos de 100 anos de formação a séculos de existência. Hoje, essas milhares de comunidades vêm formando grande rede de articulação em vários níveis: organizações locais, municipais, regionais, estaduais e nacional, essa última representada pela CONAQ (Coordenação Nacional de Articulação das Comunidades Negras Rurais Quilombolas), hoje com presença em quase todas as Unidades da Federação. Essa crescente mobilização das Comunidades Quilombolas tem trazido importantes resultados na construção de uma política de Estado que reconheça os direitos desse grupo, que vai desde a criação do Artigo 68 do ADCT (Atos das Disposições Constitucionais Transitórias) e outras citações contidas na Constituição Federal de ...

    Leia mais

    De caso pensado

    Fonte: Uol- Comportamento   Segundo novo estudo, mulheres são mais vingativas do que os homens; reação é imatura e traz alívio apenas imediato, dizem especialistas   O que leva uma pessoa a enviar uma dúzia de flores murchas ou uma caixa de escorpiões artificiais a um desafeto? O mesmo motivo que desperta a vontade de esmurrar alguém numa briga. São apenas jeitos diferentes de lidar com a raiva.Enquanto os homens, num acesso de fúria, partem mais facilmente para a reação física, a maioria das mulheres tende a expressar sua mágoa com o que se chama de agressão de baixa intensidade -que inclui atitudes de desprezo, fofocas e planos de vingança. A questão é que essas diferenças não são apenas comportamentais. Elas refletem modos diversos de processar as emoções no cérebro, sugere um estudo recém-divulgado, feito na Universidade Ibero-Americana, no México.Os pesquisadores chegaram a essa conclusão após avaliar 42 homens e ...

    Leia mais
    Página 541 de 547 1 540 541 542 547

    Últimas Postagens

    Artigos mais vistos (7dias)

    Twitter

    Facebook

    Welcome Back!

    Login to your account below

    Create New Account!

    Fill the forms bellow to register

    Retrieve your password

    Please enter your username or email address to reset your password.

    Add New Playlist