Primeira negra a ganhar o título, Miss Vilhena admite sofrer preconceito

Enviado por / FonteDa Folha do Sul

Mais velha dos três filhos da dona-de-casa Maria Maia com o mecânico Jamil Modesto, a Miss Vilhena, Vanessa Modesto, conseguiu uma façanha digna de entrar para a história: ganhou o título no voto, enfrentando, entre outras coisas, o preconceito de algumas pessoas, acostumadas com os cabelos loiros e os olhos claros que predominam entre a população local.

Aos 22 anos, nascida aqui mesmo, a beldade negra conta com dois fatores para manter a forma que a consagrou na passarela: a genética e a prática do vôlei, esporte que adotou quanto tinha metade da idade que tem hoje. Vanessa concedeu a seguinte entrevista ao jornal FOLHA DO SUL:

FS: Alguns ainda contestam a eleição de uma miss negra em Vilhena? Como você reage a isso?

Encaro o resultado do concurso como uma grande vitória pessoal. Agora, independente da cor da pele, o que importa é que batalhei e venci honestamente. Não me incomodo com o que as pessoas dizem, porque sei dos meus valores.

FS: Você sofre preconceito por causa de sua cor?

Sofri e ainda sofro discriminação. Quando tinha 12 anos, uma pessoa importante na cidade me ofendeu publicamente. Chorei muito e pensei em ir à justiça, mas acabei relevando. Hoje, garanto: dependendo do nível da provocação, vou exercer meus direitos, até para prevenir o preconceito contra outras pessoas negras, que também represento como Miss.

FS: Você realmente se acha a mulher mais bonita de Vilhena?

O resultado do concurso diz que sou, mas eu, pessoalmente, acho que há muitas outras mulheres na cidade que também podem ser Miss. É importante lembrar que, além da beleza, quem exerce essa função deve ter outras virtudes, como simpatia, educação, postura e humildade. Tenho procurado cumprir bem o papel que me cabe ao representar Vilhena nos eventos que vou.

FS: Sua mais forte adversária na passarela pode ser candidata a vereadora. Você votaria em Mariana Padovani nas próximas eleições?

É muito cedo para tomar uma decisão tão importante neste momento. Agora, para mim a competição acabou quando as notas do concurso foram divulgadas. Quanto à Mariana, caso ele apresente boas propostas para buscar uma vaga na Câmara, por que não, né?

FS: Antigamente, candidata a Miss tinha que ser virgem. O que você pensa sobre isso?

Essa regra eu nunca soube que existe. O que sei que rege os concursos são recomendações que valiam antes e ainda estão em vigor hoje, como não ser casada, não ter filhos e nem se envolver em escândalos. Acho que essas exigências, além de justas, são também necessárias para preservar o nível das competidoras.

Foto em destaque: Reprodução/ Vilhena Notícias

 

 

 

+ sobre o tema

Jay-Z recria Friends com negros e dá tapa na cara de séries embranquecidas

Há uma semana, o rapper Jay-Z lançou o provocativo...

Após ter filha, Serena Williams abre o coração em carta emocionante e agradece a mãe

A americana Serena Williams publicou nesta terça-feira nas redes...

Americana se apaixona por rapaz na balada e descobre que ele é príncipe

Americana se apaixona por rapaz na balada e descobre...

Margareth Menezes comemora 30 anos de carreira com show na Concha

Cantora se apresenta em janeiro, com um show especial Do  iBahia A...

para lembrar

Estudante de moda cria coleção de lingerie para mulheres mastectomizadas

A descoberta de uma nova beleza Ao receber o diagnóstico...

Favela é Fashion mostra os encantos da moda africana na Casa de Cultura Laura Alvim

No próximo sábado (12/12), às 12h, a Casa de...

Fashion Rio: Modelos negras no desfile de Walter Rodrigues

A figura da mulher negra está ganhando, cada vez...

Marca cria tênis inspirados em Thriller, de Michael Jackson

Parece que Michael Jackson continua servindo de inspiração para...
spot_imgspot_img

Quem foi Mama Cax? Conheça a homenageada do Google que foi símbolo de representatividade na Moda

Celebrando o Mês da História Negra nos Estados Unidos, o Google homenageia nesta quarta-feira (08) a modelo Mama Cax. A homenageada se firmou como uma grande referência no mundo da Moda...

Modelos na passarela contra o racismo e pela autoestima dos negros e negras

"Um sorriso negro, um abraço negroTraz....felicidadeNegro sem emprego, fica sem sossegoNegro é a raiz da liberdade..." Assim cantava a sambista Dona Ivone Lara em sua magnífica...

Influenciadoras negras lutam para ser valorizadas pelas marcas

Ao navegar pelo Instagram é possível encontrar muitas pessoas que trabalham produzindo conteúdo digital sobre diversos assuntos. Um nicho que fez muito sucesso nos...
-+=