Primeiro de Maio: milhares se reúnem em Curitiba para dar bom dia a Lula

Ex-presidente, que está preso na Superintendência da Polícia Federal, próximo à Vigília Lula Livre, recebeu um “bom dia” histórico neste Primeiro de Maio, Dia do Trabalhador; nos arredores da Polícia Federal, os manifestantes gritavam: “Queriam prender Lula, mas não sabiam que ele não estava só!”; no início da tarde, um ato unificado de sete centrais sindicais terá como pauta a liberdade de Lula e os retrocessos trabalhistas do pós-golpe e do governo Temer; assista

Do Brasil247

O ex-presidente Lula, que está preso na Superintendência da Polícia Federal, próximo à Vigília Lula Livre, recebeu um “bom dia” histórico na manhã deste Primeiro de Maio, Dia do Trabalhador.

Nos arredores da Polícia Federal, os manifestantes gritavam: “Queriam prender Lula, mas não sabiam que ele não estava só!”.

No início da tarde, um ato unificado de sete centrais sindicais (CUT, Força Sindical, CTB, NCST, UGT, CSB e Intersindical) terá como pauta a liberdade de Lula e os retrocessos trabalhistas do pós-golpe e do governo Temer. O ato contará com a presença dos dirigentes das centrais, líderes de movimentos sociais e artistas.

Assista:

 

-+=