Início Educação Unicamp divulga lista de aprovados no vestibular 2022

Unicamp divulga lista de aprovados no vestibular 2022

Comissão organizadora convocou 2.519 candidatos em 69 opções de cursos. Matrícula não presencial ocorre entre 15 e 17 de fevereiro.

Divulgação/Unicamp

A Comissão organizadora do vestibular da Unicamp (Comvest) liberou nesta quinta-feira (10) a lista de aprovados no exame de 2022. Foram convocados 2.519 candidatos em 69 opções de cursos. Acesse a lista completa aqui.

Os convocados devem realizar matrícula entre os dias 15 e 17 de fevereiro, exclusivamente pela internet, na página da Comvest.

“Os candidatos convocados em primeira opção que não realizarem a matrícula eletrônica ficam excluídos da modalidade”, informou a comissão.

Já as notas dos candidatos no vestibular 2022 estarão disponíveis a partir de sexta-feira (11). A segunda chamada está prevista para 21 de fevereiro, junto com a primeira chamada das modalidades Enem-Unicamp e Vagas Olímpicas 2022.

Cotas

Segundo a comissão, os candidatos aprovados por meio das cotas étnico-raciais vão passar pela Comissão de Averiguação durante o período da matrícula virtual.

“A validação da autodeclaração apresentada pelos candidatos optantes pelas cotas étnico-raciais somente ocorrerá após a avaliação de fenótipo realizada pela Comissão, ficando a matrícula condicionada à aprovação da Comissão de Averiguação”, informou a Comvest.

O link com o horário da banca e a plataforma de acesso à entrevista estará disponível na página do vestibular. A data da averiguação não poderá ser reagendada, afirma a comissão.

Matrícula na 2ª opção de curso

A matrícula para quem foi aprovado na segunda opção também é feita pela internet. Neste caso, o estudante deve optar ou não por aguardar uma possível vaga para o curso de primeira opção, por remanejamento.

“Candidatos de segunda opção que não fizerem a matrícula pela internet perderão essa vaga (segunda opção), mas continuarão concorrendo ao curso de primeira opção, podendo, assim, serem convocados nas próximas chamadas, de acordo com os critérios de classificação”, explicou a Comvest.

Adiamento das aulas presenciais

A universidade comunicou, na terça-feira (8), o adiamento do retorno das aulas presenciais para o dia 14 de março. A instituição, que em janeiro havia confirmado a retomada para o dia 3 de março, alegou que o intervalo maior possibilitará uma “adaptação às novas condições sanitárias” impostas pela Covid-19 e uma volta com segurança.

A Unicamp ainda explicou que o adiamento foi definido após reuniões com diretores de unidades, representações docentes, de funcionários e de estudantes, além de associações e sindicatos. A proximidade da data original com o Carnaval também pesou na decisão.

Em janeiro, a universidade definiu uma força-tarefa para criar regras e fazer adequações nos campi para voltar a receber alunos e funcionários, além de evitar o contágio da doença.

O uso de máscara, distanciamento e comprovante de imunização completa (duas doses ou dose única) contra o coronavírus serão obrigatórios.

-+=