quinta-feira, setembro 29, 2022
InícioQuestões de GêneroLGBTQIA+Manifesto da Articulação Brasileira de Gays pela eliminaçao da discriminaçao racial

Manifesto da Articulação Brasileira de Gays pela eliminaçao da discriminaçao racial

 

Art. 3º Constituem objetivos fundamentais da República Federativa do Brasil:

III – erradicar a pobreza e a marginalização e reduzir as desigualdades sociais e regionais;

IV – promover o bem de todos, sem preconceitos de origem, raça, sexo, cor, idade e quaisquer outras formas de discriminação.

Constituição Federal do Brasil.

A Articulação Brasileira de Gays – ArtGay e suas 54 Ongs de Gays , nas 27 Unidades da Federação do País , manifestam neste 21 de março de 2011, dia mundial para eliminaçao da discriminaçao racial o desejo que todas as medidas para reparar as injustiças históricas contra Negras, Negros, Índias, Índios sejam priorizadas pelo legislativo, executivo e judiciário do Brasil.

Dia 21 de março é celebrado o Dia Internacional pela Eliminação da Discriminação Racial. No ano de 1960 cerca de 20 mil negros sul africanos, protestavam contra a lei do passe, que os obrigava a portar cartões de identificação, especificando os locais por onde eles podiam circular. Mesmo sendo uma manifestação pacífica, o exército atirou sobre a multidão, matando 69 pessoas e ferindo outras 186. Em memória à tragédia, a ONU – Organização das Nações Unidas – instituiu 21 de março como o Dia Internacional de Luta pela Eliminação da Discriminação Racial.

A ArtGay entende que medidas para erradicar a pobreza e miséria, como exigido no art 5 , inciso III, da Constituição Federal passa por considerar que os grupos de cidadãos e cidadãs que mais afligem nesta condição social são as populações negras e os povos indígenas.

Negros/as, Indios/as são as maiores vítimas dos baixos salários, do menor nível de escolaridade, dos assassinatos, das prisões,das epidemias, das patologias, da insegurança e das condições sub-humanas no país.

Gays negros ou indígenas sofrem com o racismo e a homofobia, duas pragas que levam ao suicídio , assassinatos, marginalidade, humilhação, tortura, entre outras violências físicas e psicológicas.

O Assassinato do Líder Gay Negro Ugandês David Kato,

por espancamento até à morte, em sua casa, nos arredores de Kampala, a 26 de Janeiro. David Dedicara grande parte da sua vida de trabalho a ajudar as pessoas perseguidas pela sua orientação sexual ou identidade de genero. Nos meses que precederam a sua morte, ele próprio fora alvo de uma campanha de ódio montada pelo Jornal The Rolling Stone, que publicou o seu nome, fotografia e morada juntamente com os de dezenas de outras pessoas que disse serem gays ou lésbicas, apelando a que fossem todos enforcados.

A ArtGay acredita que todas as ações governamentais, nas áreas de saúde ( como a política de saúde integral da população LGBT, planos de enfrentamento da Aids ), educação ( Kit Escola Sem Homofobia), Segurança ( planos de segurança e de qualificação de operadores da segurança ), as legislações e decisões judiciais, devem levar em conta os milhões de Homens Gays Negros ou Indígenas que diarimente sofrem com a dupla discriminação.

Pela Eliminação integral da discriminação racial .

Articulação Brasileira de Gays – ArtGay

 

 

Fonte: Lista Racial

Artigos Relacionados
-+=
PortugueseEnglishSpanishGermanFrench