Comissão de Feliciano barra pensão a homossexuais

Mais um capítulo da guerra dos gêneros que se evidenciou com a ascensão do Pastor Feliciano (PSC-SP) à presidência da Comissão de Direitos Humanos. O deputado Pastor Eurico (PSB-PE) deu parecer contrário ao projeto 6297/05, do ex-deputado Maurício Rands (PT-PE), que muda a lei e inclui nos direitos previdenciários os parceiros homossexuais, inclusive os servidores federais com união estável. Vai para a gaveta.

Por Leandro Mazzini,

 

Fonte: Correio do Brasil

+ sobre o tema

Adriana Moreira, porta-voz do tempo

Era uma casa verde, habitada por sete mulheres pretas,...

O que acontece quando seu filho é chamado de ‘gay’ na quarta série

Como mãe, corta o coração saber que seu filho...

15 filmes dirigidos por mulheres para ver agora

De "Selma" a "Bicho de Sete Cabeças", iG seleciona...

Obesidade: Ofensas corporais e preconceito deixam as pessoas mais doentes

Chamar alguém de ‘gordo’ ou ‘magro’ pode ter sérias...

para lembrar

Artistas internacionais falam sobre assassinato de Marielle Franco

A vereadora Marielle Franco (PSOL) foi assassinada à tiros na quarta-feira (14),...

Homens que não amam as mulheres

A violência contra mulheres, problema social endêmico no Brasil,...

Um lugar onde homem não entra

Nas manifestações de junho, uma quantidade sem fim de...
spot_imgspot_img

O mapa da LGBTfobia em São Paulo

970%: este foi o aumento da violência contra pessoas LGBTQIA+ na cidade de São Paulo entre 2015 e 2023, segundo os registros dos serviços de saúde. Trata-se de...

Grupos LGBT do Peru criticam decreto que classifica transexualidade como doença

A comunidade LGBTQIA+ no Peru criticou um decreto do Ministério da Saúde do país sul-americano que qualifica a transexualidade e outras categorias de identidade de gênero...

TSE realiza primeira sessão na história com duas ministras negras

O TSE realizou nesta quinta (9) a primeira sessão de sua história com participação de duas ministras negras e a quarta com mais ministras...
-+=