Erica Malunguinho comandou sessão na Alesp por cerca de meia hora

Pela 1ª vez, uma trans preside assembleia legislativa no País

no Guia Gay São Paulo

A deputada estadual Erica Malunguinho (Psol) conquistou mais um feito inédito.

O feito foi conquistado na semana passada quando a parlamentar presidiu a Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp), a maior do Brasil.

Em 30 de abril, por cerca de meia hora, a Casa esteve sob responsabilidade de Erica, de acordo com ata da própria Alesp.

Os registros da sessão

A deputada Erica Malunguinho presidiu maior assembleia legistativa do Brasil. Foto- José Antonio Teixeira:Alesp

, apontam a seguinte movimentação naquele espaço de tempo:

“ERICA MALUNGUINHO
Assume a Presidência e reabre a sessão às 17h04min.
BRUNO GANEM
Para comunicação, cumprimenta vereador de Indaiatuba, presente nesta Casa.
BRUNO GANEM
Solicita a suspensão dos trabalhos por 15 minutos.
PRESIDENTE ERICA MALUNGUINHO
Defere o pedido e suspende a sessão às 17h04min; reabrindo-a as 17h21min.
CORONEL TELHADA
Para comunicação, anuncia a visita do coronel da polícia da África do Sul e também do consulado, Veli Makhombothi e de Tim Hundleby, que trabalha com segurança consular. Agradece a presença de ambos. Informa serem parceiros e amigos do Brasil. Avisa os presentes nas galerias que os líderes de partido ainda estão em reunião.
CORONEL TELHADA
Solicita a suspensão dos trabalhos por 15 minutos.
PRESIDENTE ERICA MALUNGUINHO
Defere o pedido e suspende a sessão às 17h23min.”

Vale lembrar que é a primeira vez que uma transexual preside uma assembleia no Brasil, mas não é a primeira LGBT a presidir a Alesp.

A deputada estadual Leci Brandão (PCdoB), lésbica assumida, frequentemente preside a sessão.

+ sobre o tema

A ‘disparidade de aspiração’ que mulheres sofrem no mercado de trabalho

A disparidade de gênero em termos de salário, cargos...

Ressignificar a nossa história

A atuação do movimento negro é permanente e histórica, mas a...

para lembrar

Dilma quer lançar logo plano de combate à homofobia

Por determinação do Palácio do Planalto, a Secretaria de...

‘Não posso falar de maternidade sem falar de racismo’, diz Juliana Alves

Juliana Alves olha para a maternidade como uma forma...

Pesquisa inédita constrói mapa de trancistas negras no DF

Pensar sobre como a tecnologia pode estar a serviço...

Conselho de Psicologia proíbe profissionais de realizar ‘cura’ de travestis e transexuais

Entidade determina que não sejam feitos pronunciamentos que legitimem...
spot_imgspot_img

O que está em jogo com projeto que torna homicídio aborto após 22 semanas de gestação

Um projeto de lei assinado por 32 deputados pretende equiparar qualquer aborto realizado no Brasil após 22 semanas de gestação ao crime de homicídio. A regra valeria inclusive para os...

Justiça brasileira não contabiliza casos de homotransfobia, cinco anos após criminalização

O STF (Supremo Tribunal Federal) criminalizou a homotransfobia há cinco anos, enquadrando o delito na lei do racismo —com pena de 2 a 5 anos de reclusão— até que...

Maria da Conceição Tavares: quem foi a economista e professora que morreu aos 94 anos

Uma das mais importantes economistas do Brasil, Maria da Conceição Tavares morreu aos 94 anos, neste sábado (8), em Nova Friburgo, na região serrana do Rio...
-+=