Tag: igualdade racial

    OAB/Divulgação

    Advogados negros divulgam manifesto contra racismo na OAB

    Um grupo de advogados negros encaminhou ao presidente da seccional capixaba da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/ES), José Carlos Rizk Filho, um manifesto pela "erradicação do racismo como prática genocida contra a população negra", praticado "dentro da própria Ordem". Eles exigem que a OAB/ES "tenha posturas concretas, permanentes e vigilantes de combate a todas as manifestações de racismo", sendo necessária uma "ação sistêmica e urgente de transformação das práticas realizadas pela Ordem dos Advogados do Brasil". Os advogados denunciam a ausência da população negra nos diversos espaços da OAB, como nos eventos organizados pelas comissões temáticas da instituição e na própria diretoria. "Registramos, ainda, que quando a população negra conquista determinados espaços, como por exemplo, na Comissão de Igualdade Racial da OAB/ES, a mesma encontra diversas dificuldades para concretizar ações que garantam de fato a conscientização, reconhecimento, promoção da igualdade, defesa dos direitos étnico-raciais e, consequentemente, os direitos da ...

    Leia mais
    Foto: ACNUR/Martim-Gray-Pereira

    Equidade e igualdade racial devem orientar ação dos Estados na resposta à COVID-19

    Especialistas em direitos humanos das Nações Unidas disseram em comunicado divulgado nesta segunda-feira (6) que a discriminação estrutural pode exacerbar a desigualdade no acesso a cuidados de saúde e tratamento para a COVID-19, levando a disparidades raciais nos resultados de saúde e aumento da mortalidade e morbidade entre afrodescendentes. Da ONU Foto: ACNUR/Martim-Gray-Pereira Um número desproporcional de pessoas de ascendência africana trabalha em indústrias de serviços, vive em comunidades densamente povoadas, enfrenta insegurança alimentar e falta d’água e muitas vezes não tem acesso a moradias seguras. Especialistas em direitos humanos da ONU fizeram um apelo urgente aos governos para se comprometerem com a equidade racial e a igualdade racial na prestação de serviços de saúde para todos durante a crise da COVID-19 ou arriscar uma taxa de mortalidade mais alta por causa da discriminação. O Grupo de Trabalho de Especialistas em Pessoas de Ascendência Africana disse em ...

    Leia mais
    Imagem retirada do site

    A juventude que fortalece a luta por igualdade racial

    O Brasil foi o último país do ocidente a libertar negros escravizados. A sanção da Lei Áurea aconteceu em 13 de maio de 1888 e jogou sobre a princesa Isabel o protagonismo de um processo que, na verdade, foi construído e conquistado por diferentes setores da sociedade. Um processo sobretudo popular. Pioneiro, o Ceará foi a primeira província do País a libertar a população negra que era explorada, castigada, subalternizada. A abolição no Estado aconteceu quatro anos antes do restante do Brasil, em 25 de março de 1884, marco histórico que em 2011 se tornou a Data Magna do Ceará, através de lei publicada no Diário Oficial do Estado. Mais que um feriado, uma data que não pode passar despercebida, momento para impulsionar reflexões e celebrar um grupo étnico que compõe a cearensidade e conta com a vivacidade de uma juventude que já não aceita narrativas engessadas e manuais de ...

    Leia mais
    blank

    Prêmio homenageia sete personalidades que se destacam na luta por igualdade racial

    Evento será realizado no próximo dia 14 de novembro como parte do Mês da Consciência Negra Por Ana Cristina Sampaio e Joanna de Ângelis, Da Agência Alagoas Homenageados da solenidade do Tia Marcelina 2018 (Foto: Letícia Sobreira) Sete personalidades serão agraciadas este ano com o Prêmio Tia Marcelina, uma homenagem à ex-escrava de origem africana, descendente do Quilombo dos Palmares e matriarca do Candomblé em Alagoas. O evento acontecerá no próximo dia 14, no Jatiúca Hotel & Resort, em Maceió, a partir das 18h30. O Prêmio Tia Marcelina é uma iniciativa do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Mulher e dos Direitos Humanos (Semudh), em parceria com o Conselho de Promoção da Igualdade Racial de Alagoas (CONEPIR). Foi criado em 2016 pelo governador Renan Filho para reconhecer e agraciar pessoas e entidades que atuam na luta pela igualdade racial e trabalham para ...

    Leia mais
    Peter Aprahamian/ iStock.

    MPT e agências fazem pacto pela igualdade racial

    No próximo dia 23 de setembro, em São Paulo, o Ministério Público do Trabalho, juntamente com líderes de algumas das maiores agências do Brasil, vão formalizar um pacto para a maior inclusão de profissionais negros no mercado publicitário. Do Promoview Foto: Peter Aprahamian/ iStock. Mais do que isso, a solenidade marca o comprometimento das empresas do segmento com a valorização de diversas iniciativas em um pacto pela igualdade racial. O documento já foi assinado por Africa, Artplan, BETC, DPZ&T, F/Nazca, FCB, JWT, Leo Burnett Tailor Made, Mutato, Ogilvy, Publicis, SunsetDDB, Talent Marcel, Tribal, WMcCann e Y&R. Desde o primeiro semestre de 2019, o Ministério Público do Trabalho tem convocado os profissionais dos departamentos de RH e diversidade das agências para reuniões mensais em sua sede, em São Paulo, para debater o assunto. Mais recentemente, as principais lideranças das empresas foram chamadas para ajudar na construção e ...

    Leia mais
    Elza Lopes falou que departamento discute projeto para cota raciais no serviço público — Foto: Reprodução

    Departamento de igualdade racial defende cotas para negros no serviço público em Rio Branco

    Proposta foi divulgada no bate-papo do G1 Acre desta sexta-feira (12). Departamento de Promoção da Igualdade Racial também divulgou programação da 7ª Quinzena da Mulher Negra. Do G1 O Departamento de Promoção da Igualdade Racial quer discutir com a Câmara de Vereadores de Rio Branco uma forma de inserir cota racial para o serviço público na capital acreana. Durante o bate papo do G1 Acre, nesta sexta-feira (12), a chefe do departamento, Elza Lopes, falou sobre a proposta desenvolvida e as dificuldades em apresentar projetos sobre as mulheres negras. Através da assessoria, a Câmara informou que ainda não houve uma reunião para tratar o assunto. Na oportunidade, Elza falou ainda sobre a programação da 7ª edição da Quinzena da Mulher Negra, que começa nesta segunda-feira (15) já com uma audiência pública sobre violência doméstica. O evento é em alusão ao dia 25 de julho, que é o Dia Internacional da ...

    Leia mais
    O jornalista e escritor Oswaldo Faustino reforça a importância do fortalecimento do movimento negro nos dias de hoje / Foto: Laísa Gabriela de Sousa

    “Estamos vivendo um dos piores momentos do racismo brasileiro”, afirma escritor

    Oswaldo Faustino fala sobre as polêmicas em torno da Lei Áurea e o retrocesso na promoção da igualdade racial Por Tayguara Ribeiro, do Brasil de Fato O jornalista e escritor Oswaldo Faustino reforça a importância do fortalecimento do movimento negro nos dias de hoje / Foto: Laísa Gabriela de Sousa A Lei Áurea, que decretou o fim da escravidão legal, após três séculos de trabalho forçado, foi promulgada às pompas no dia 13 de maio de 1888 como a lei mais popular e a última do Brasil Imperial (1822-1889). Mesmo assim, o Brasil foi o último país do Ocidente a abolir a escravatura. A assinatura da Lei nº 3.353 pela princesa Isabel libertou e, ao mesmo tempo, abandonou pessoas em condições desumanas. Para o jornalista e escritor Oswaldo Faustino, a data não deve ser lembrada ou comemorada pela figura da filha de Dom Pedro II como ...

    Leia mais
    Mirts Sants, fundadora do projeto, afirma que a descoberta de novos talentos da literatura negra e o antirracismo são os principais objetivos do clube literário. (Foto: Instagram)

    Especialista em Direitos Humanos cria o primeiro clube literário antirracista do Brasil

    Fundado por uma quilombola, o intuito do projeto é promover a igualdade racial por meio da produção literária. Participantes receberão títulos escolhidos por uma curadoria especializada Por Iron Ferreira, do Heloisa Tolipan A especialista em Direitos Humanos e Relações Étnico-Raciais e Quilombolas, Mirts Sants, é fundadora da iniciativa Pretaria BlackBooks, um clube literário que visa a estimular a produção de livros e obras que promovam a igualdade racial no Brasil. Mirts explica que a iniciativa principal é difundir o lançamento de livros escritos por pessoas negras, bem como incentivar uma nova geração de autores: “O estopim para criar o projeto veio pelo fato de eu ser ativista quilombola e estudiosa das questões raciais, recebendo muitos pedidos de indicações de leitura sobre o tema. Essa demanda foi aumentando ao longo da minha trajetória e percebi que havia um interesse enorme por essas obras”. A partir de uma assinatura, os participantes irão receber mensalmente uma caixa ...

    Leia mais
    (Foto: Divulgação/ VII Seminário Agosto Para a Igualdade Racial)

    VII Seminário Agosto Para a Igualdade Racial : Homenagem à Marielle Franco e Wangari Maathai

      (Foto: Divulgação/ VII Seminário Agosto Para a Igualdade Racial) Programação na Universidade  Estadual da Paraíba  e Universidade Federal de Campina Grande: 7:30h\ Dia 13 de agosto Local: Auditório da  Faculdade de Psicologia  da Universidade Estadual da Paraíba. Abertura:  Jair Nguni- Historiador e  Coordenador do VII Seminário Agosto Para a Igualdade Racial. Cantor, Compositor e Ambientalista  Dido Voxon Homenageia Wangari Maathai com a canção “ Vestida de Ébano.” Desenhista  e Artista Plástico  Jailson Silva Homenageia Wangari  Maathai e Marielle Franco. Exposição de  Fotografias sobre   Mulheres Negras- Projeto Enegrecida- Coordenação Carolina  Brito. Mesa redonda: Cotas  Para Negros e Índios  na Graduação e Pós- Graduação  na Universidade Estadual da Paraíba. Debatedores: Erivaldo Oliveira da Silva- Presidente da Fundação Cultural Palmares do Ministério da Cultura  do Governo Federal. Nelson Aleixo da Silva Júnior-  Graduado em Psicologia pelo Centro Universitário de João Pessoa, Mestre em  Administração pela Universidade Federal de ...

    Leia mais
    blank

    “Apenas com mobilização social e mandatos será possível mudar o sistema eleitoral” diz Benedita da Silva

    A deputada Benedita da Silva (PT-RJ), ex-senadora e primeira vereadora negra do Rio de Janeiro, participa de um grupo de 16 parlamentares que apresentou neste mês ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) consulta para que metade da cota do chamado Fundo Eleitoral, e do tempo de propaganda eleitoral das candidaturas femininas seja destinada às mulheres negras. O Fundo Eleitoral foi criado em 2017 pelo Congresso Nacional para compensar o fim das doações por empresas, proibidas desde 2015. A iniciativa dos parlamentares foi encabeçada pela ONG Educação e Cidadania de Afrodescendentes e Carentes (Educafro). Em maio passado, o TSE determinou que 30% dos recursos desse fundo, estimado em R$ 1,7 bilhão neste ano, e do tempo de rádio e TV sejam para candidatas. A decisão veio graças à mobilização da bancada feminina que apresentou a proposta ao tribunal no ano passado. Segundo dados do TSE de 2014, apenas Benedita da Silva e Tia ...

    Leia mais
    blank

    Conferência vai debater políticas de enfrentamento ao racismo

    Centenas de especialistas, pesquisadores negros e negras, representantes da sociedade civil e do governo vão se reunir esta semana na 4ª Conferência Nacional de Promoção da Igualdade Racial (Conapir) para discutir formas de enfrentamento ao racismo no Brasil. No bojo das atividades da Década Internacional do Afrodescendente (2015-2024), a conferência deste ano destacará os temas reconhecimento, justiça, desenvolvimento e igualdade de direitos. Por Débora Brito, da Agência Brasil Divulgação/Conapir A programação começa nesta segunda-feira (28), às 8h30, no Centro Internacional de Convenções do Brasil. Na abertura, haverá uma palestra com o representante do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud) no Brasil, Niky Fabiancic, e a relatora-geral da Conferência Mundial contra o Racismo sediada em 2001, na África do Sul, Edna Rolland. Ainda integram a programação painéis temáticos e discussões em grupos de trabalho sobre diversos temas, como acesso à justiça, sistema prisional, saúde, direito à moradia, questões de gênero e religiões tradicionais ...

    Leia mais
    blank

    Conferência debaterá políticas de igualdade racial

    O Ministério dos Direitos Humanos promoverá entre os dias 28 e 30 de maio, em Brasília, a IV Conferência Nacional de Promoção da Igualdade Racial (Conapir). Reunirá lideranças da sociedade civil e representantes de governos para dialogar sobre as políticas públicas para o enfrentamento do racismo no Brasil. Da Istoé Divulgação/Sinapir Desde o ano passado, já foram realizadas 24 conferências estaduais e a Plenária Nacional Quilombola com a eleição de 825 delegados de todo o país para a conferência nacional, a ser realizada através da Secretaria Nacional de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Seppir), do Ministério dos Direitos Humanos, e do Conselho Nacional de Promoção da Igualdade Racial. Segundo o secretário nacional da Seppir, Juvenal Araújo, o evento será um momento importante de discussão entre sociedade civil e órgãos governamentais para o fortalecimento do diálogo e da cooperação em políticas públicas de igualdade racial. Para ele, essa transversalidade é ...

    Leia mais
    blank

    Igualdade racial aumenta engajamento dos funcionários

    Pesquisa aponta que 54% da população brasileira é negra, no entanto, apenas 4,7% ocupam cargos executivos nas empresas Por  Karla Dunder, do R7   Engajamento dos colaboradores se reflete em aumento de produtividade (Dario Oliveira/03.02.2017/Estadão Conteúdo) O incentivo da empresa à diversidade racial influencia diretamente no engajamento dos colaboradores. É o que mostra a pesquisa “Black In – Como Engajar as Empresas com a Diversidade Racial”, realizada pela consultoria de engajamento Santo Caos. Esse engajamento dos colaboradores se reflete em aumento de produtividade e inovação, o que torna a empresa, em última análise, mais lucrativa. A pesquisa também mostra que 91% dos entrevistados afirmam admirar corporações que tenham políticas que incentivem a diversidade racial e 51% dos profissionais negros prefeririam trabalhar em empresas com políticas de diversidade racial. E por que a diversidade racial é tema de pesquisa? No Brasil, 54% da população é negra, no entanto, apenas 4,7% ocupam ...

    Leia mais
    blank

    Chega de conversa mole, o papo agora é reto!

    Não é de hoje que nos mobilizamos para convidar a sociedade a falar sobre branquitude. Em meio aos discursos amplamente difundidos de polarização da sociedade, sororidades, novas alianças e necessidade de reestruturação da luta política popular, não há caminho para chegar a tudo isso sem que se coloque o privilégio branco sobre a mesa. Se esses já não fossem motivos suficientes, a insuportável investida pública contra corpos, culturas, saberes, cosmovisões e formas de vida negras nos obrigam a subir o tom, marcar as incomensurabilidades e exigir que ao menos as instituições públicas comportem-se como constituídas sobre o Estado Democrático de Direito. Por Thula Pires e Andréa Gill Do Empório do Direito No início de junho deste ano foi divulgado o Atlas da Violência 2017. O estudo realizado pelo Ipea e pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública tornou pública a escalada genocida no território brasileiro. Chegou-se a cifras que revelam muito sobre as disparidades ...

    Leia mais
    blank

    Promoção da Igualdade Racial tem orçamento de mais de R$ 2 milhões

    A Subsecretaria de Políticas Públicas para a Promoção da Igualdade Racial e da Cidadania realizou nesta segunda-feira (16) o primeiro Encontro para a Promoção da Igualdade Racial. O objetivo principal, segundo o Governador Reinaldo Azambuja é fortalecer a as ações planejadas através da integração municípios, estado e governo federal. Por Katiuscia Fernandes, do A crítica Com um orçamento de mais de R$ 2 milhões, a rede de Promoção da Igualdade Racial está se fortalecendo no Mato Grosso do Sul. Segundo o subsecretário Leonardo de Oliveira Melo um dos principais pontos de discussão é a implantação nos municípios de Órgãos de Políticas de Igualdade Racial e dos Conselhos Municipais de Igualdade Racial. Entre outros temas estão: Políticas Culturais Africanas e Afrodescendentes; Acesso, ingresso a Educação; Acesso à terra; Vulnerabilidade do Jovem Negro;  Acesso a Programas Sociais; o  Sistema Nacional de Promoção da Igualdade Racial – SINAPIR; Programa Brasil Quilombola; Saúde da ...

    Leia mais
    blank

    Mulheres Negras Debatem Igualdade Racial e Empoderamento Feminino

    As convidadas para  ‘Conversa com Bial’ desta terça-feira, 23 de maio, foram cinco mulheres negras que realizaram o debate pela igualdade racial e empoderamento da mulher, no rap à política internacional: Karol Conka, Alexandra Loras, Yasmin Thayná, Eliane Dias e MC Soffia.   Do Monica Aguiar Souza No palco,  mostraram muito orgulho pela cor da pele e provaram que,  o povo negro as mulheres negras estão muito longe de exaltar  as conquistas contra o racismo e suas expressões existentes, faltando muito a ser alcançado e reparado. Ex-consulesa da França em São Paulo, Alexandra se licenciou do cargo ao decidir ficar na capital paulista. Além de palestras sobre discriminação racial, seus projetos incluem um novo livro, que discorre acerca de grandes inventores negros — como John Gorrie, o criador da geladeira, e Garrett Morgan, que concebeu o semáforo. "Muitos negros não entram na história como tal", afirma ela. Quanto à comparação ...

    Leia mais
    blank

    Filho de Tony Tornado e Mc Soffia exigem igualdade racial em “Sou Negro”

    No começo dos anos 1970, Tony Tornado levantou os braços com os punhos cerrados e cantou, "Sou Negro", uma das mais importantes músicas para o movimento em prol da igualdade racial no Brasil. Por Adriana de Barros, do UOL Mais de 40 anos depois, Lincoln Tornado - filho e herdeiro musical de Tony-, lança a música que traz fortes versos como "Você sempre me despreza/Sei que sou negro/E ninguém vai rir de mim/Sou negro sim/E Ninguém vai rir de mim". Para a nova versão, Lincoln convidou a rapper teen Mc Soffia para uma rima no final da faixa. "É um prazer resgatar esse momento de afirmação que meu pai empunhou há 45 anos. Ao mesmo tempo que sinto orgulho de cantar a expressão 'Sou Negro Sim', lamento por ainda ser necessário, nos dias de hoje, a continuação do refrão 'E ninguém vai rir de mim', disse à coluna. No videoclipe, ...

    Leia mais
    ????????????????????????????????????

    Intelectuais e artistas negros destacam avanços e obstáculos no combate ao racismo nas artes, na academia e no Direito

    Discursos, narrativas, formas e estratégias de identificar e, principalmente, combater e superar o racismo nas instituições jurídicas, científicas, literárias e artísticas da sociedade foram pauta do debate realizado na tarde de ontem, dia 21, no auditório da sede do Ministério Público estadual, em Nazaré. As discussões abordaram questões do racismo no ordenamento jurídico, no meio acadêmico, no musical e no mercado editorial. Por George Brito Do MP Para o advogado e professor da Ufba Samuel Vida, o “racismo no Direito é um das problemáticas mais difíceis do processo de enfrentamento”. Ele demarcou, sinteticamente, três fases da relação entre Direito e racismo – legitimação do racismo pelo Direito (escravidão), criminalização do racismo (Constituição de 1988) e instituição das políticas de reparação, a partir dos anos 90. Ele acredita que urge a necessidade de um quarto momento, que desloque o esforço de criminalização e de reparação, importantes mas já insuficientes, para uma “revisão ...

    Leia mais
    blank

    Sim à Igualdade Racial do ID_BR? Dá um Google!

    O ID_BR - Instituto Identidades do Brasil foi a primeira organização sem fins lucrativos convidada pelo Google através do Black Google Network para contar sua proposta e experiência na sede global da empresa, em Mountain View, Califórnia, EUA. enviado para o Portal Geledés por SalveID_BR A fundadora e diretora executiva do Instituto, Luana Génot, acompanhada pelo diretor de Parcerias, Roberto Andraus, contou sobre o trabalho que vêm desenvolvendo e engajando empresas através do selo Sim à Igualdade Racial, assim como o objetivo e o posicionamento de empresas em prol de práticas que visem a inserção, retenção e ascensão da população negra no mercado de trabalho. Esperamos que seja o início de uma longa parceria. Trata- se de uma pauta urgente e que tem ganhado destaque em várias empresas no Brasil e no mundo. Precisamos falar sobre! Precisamos agir! A Igualdade Racial é uma causa de todos! Da esq. p/ dir. Roberto ...

    Leia mais
    Foto: Jose Manuel Gelpi Diaz

    Abertas inscrições para curso de enfrentamento ao racismo

    Aulas ocorrerão de 20 a 24 de fevereiro, na Escola de Governo do DF. Interessados devem preencher formulário on-line até o dia 15 DA AGÊNCIA BRASÍLIA, COM INFORMAÇÕES DA SECRETARIA DO TRABALHO, DESENVOLVIMENTO SOCIAL, MULHERES, IGUALDADE RACIAL E DIREITOS HUMANOS Com o objetivo de melhorar o acesso a informações pertinentes à questão racial no Brasil, servidores, empregados públicos e militares do governo de Brasília participarão do curso Promoção da Igualdade Racial e Enfrentamento ao Racismo, de 20 a 24 de fevereiro. A iniciativa é fruto da articulação entre a Secretaria do Trabalho, Desenvolvimento Social, Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos e a Escola de Governo do Distrito Federal. O curso tem por objetivo apoiar a capacitação continuada de servidores dos diversos órgãos e entidades do governo do Distrito Federal para a implementação da Lei nº 12.288, de 20 de julho de 2010, que institui o Estatuto da Igualdade Racial. A matéria ...

    Leia mais
    Página 1 de 4 1 2 4

    Últimas Postagens

    Artigos mais vistos (7dias)

    Twitter

    Facebook

    Welcome Back!

    Login to your account below

    Create New Account!

    Fill the forms bellow to register

    Retrieve your password

    Please enter your username or email address to reset your password.

    Add New Playlist