Tag: masculinidade tóxica

    Adobe

    Homens gays, precisamos estar atento à nossa masculinidade tóxica

    Que a masculinidade tóxica sempre foi um problema todos nós sabemos. O que pessoas poucas sabem é que, assim como os heterossexuais, homens gays também podem ser machistas. Porque mesmo que a gente se aproxime, muitas vezes, muito mais das mulheres do que dos homens, por empatia, identificação ou por nos sentir mais confortáveis e aceitos, o machismo é uma norma na qual somos forjados e instruídos da pior forma, e ele não é seletivo ao ser perpetuar. Afinal, recebemos valores e ideias machistas desde a infância, muito antes da descoberta da nossa sexualidade, e crescemos reproduzindo esses comportamentos depois, inclusive, de descobri-la, posto que orientação sexual não é escudo para não reproduzir determinados comportamentos. E por mais que a gente tente conhecer e entender as pautas feministas, nossa masculinidade, enquanto construção social, sempre estará presente. Não estamos imunes da masculinidade tóxica, colegas, só porque somos gays, mesmo que isso ...

    Leia mais
    Foto- Guito Moreto : Agência O Globo

    Combate ao feminicídio passa pela reinvenção do masculino

    Desconstrução de padrões de masculinidade tóxicos está na ordem do dia para reduzir violência contra mulher e o feminicídio por Paula Ferreira no O Globo Foto- Guito Moreto : Agência O Globo - Curso aborda questões relativas à masculinidade e ao papel do homem perante a sociedade A transformação da "masculinidade hegemônica" entrou na ordem do dia do combate ao feminicídio no quinto país do mundo, de acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), com maior número de mortes violentas de mulheres. Grupos de discussão coordenados por Tribunais de Justiça país afora promovem rodas de conversa entre agressores e abordam temas relacionados a gênero para incentivar mudanças no comportamento. Neles, está em xeque o estereótipo do homem incapaz de demonstrar fragilidade, não chorar ou falar sobre seus sentimentos. Os padrões de masculinidade em que grande parte dos meninos são forjados carregam, dizem especialistas no tema, características ...

    Leia mais
    blank

    O Homem Negro Viril: apontamentos sobre a ideia de virilidade

    “Não se nasce viril, torna-se viril”  (Arnaud Bauberot)  Por Henrique Restier, do Medium Os estudos sobre masculinidades tem ganhado maior destaque tanto no debate público quanto no acadêmico. Além disso, o campo das relações raciais também tem percebido o tema como um lugar singular para o aprofundamento das discussões sobre raça e gênero. Este texto é um convite para que entremos por alguns momentos no “mundo masculino negro” pelo viés da virilidade. A Força Física Vamos começar esse diálogo através de uma expressão que grande parte dos homens já escutou: “Se tu voltar pra casa chorando vai apanhar aqui também”. A despeito de não ser a opinião corrente sobre ela, penso nessa expressão como uma forma sincera e séria de forjar um homem para enfrentar um mundo implacável. Não desprezo seu teor duro e ameaçador, mas há amor nela, às vezes um amor tão grande que é preciso dizê-la, volta e meia ...

    Leia mais
    blank

    Você sabe o que é masculinidade tóxica?

    Homem não chora, não expressa sentimentos, homem de verdade é bruto, não pode cuidar da aparência. Quantas vezes você ouviu como deveria se comportar? Quantas vezes outras pessoas te disseram como você deveria se sentir e se expressar? Quantas vezes você já não se sentiu preso em ideais impostos para se sentir mais homem? por Maria Confort no Manual do Homem Moderno Longe de mim dizer como um homem deve se portar, afinal, eu sou mulher. Mas nenhum outro homem deveria mandar em você. Não existe uma cartilha que todo homem deve seguir para ser considerado um homem. Você, e só você, sabe quem você é. Masculinidade é um conceito que vem mudando ao longo dos anos e antes de você torcer o nariz, bater na mesa e dizer que a ideia antiga de masculinidade é a certa, dê uma lida nessas 3 razões pelas quais você deveria mudar sua ideia ...

    Leia mais
    blank

    A masculinidade tóxica que matou 12 pessoas em uma noite de Réveillon

    A carta do autor da chacina em Campinas foi divulgada por um veículo importante de comunicação sem o cuidado de, ao menos, convidar uma especialista em feminicídio para explicar sobre o crime. Eu não sou especialista, mas sou mulher e tenho medo das consequências dessa carta. Alguns apontam que ser de direita foi uma das motivações para o crime. Eu não acho. Acredito, exclusivamente, que ser um homem machista que não teve suas vontades realizadas foi o suficiente para acabar com a vida de Isamara Filier e outras pessoas da sua família. Também não creio em loucura ao me deparar com esse tipo de crime. Creio em misoginia, machismo e a dificuldade de um homem aceitar que sua ex-mulher seguiu em frente sem ele. De qualquer forma, não me cabe analisar a sanidade do homem, mas suas palavras misóginas. Fonte: Huffpost Brasil por, Dany Santos O assassino acusa o feminismo ...

    Leia mais

    Últimas Postagens

    blank

    Artigos mais vistos (7dias)

    Instagram

    Twitter

    Facebook

    Welcome Back!

    Login to your account below

    Create New Account!

    Fill the forms bellow to register

    Retrieve your password

    Please enter your username or email address to reset your password.

    Add New Playlist