Guest Post »

Travesti gaúcha consegue inédita mudança de nome na certidão de nascimento

A travesti Marcelly Malta Schwarzbold, 60 anos, presidenta do Conselho Municipal de Direitos Humanos da Prefeitura de Porto Alegre e Presidenta da Igualdade – Associação de Travestis e Transexuais do Rio Grande do Sul conseguiu um feito inédito para as travestis brasileiras, a alteração do nome de batismo pelo nome social na certidão de nascimento.

A retificação foi autorizada pelo Juíz Antônio Carlos Nascimento e Silva da Vara de Registros Públicos de Porto Alegre, após um pedido dos advogados Gustavo Bernardes e Bernardo Dall´Olmo de Amorim, do Grupo Somos. “Neste caso a Marcelly demonstra que é possível ser reconhecida legalmente como uma pessoa do gênero feminino, mesmo que se mantenha como sexo masculino na certidão de nascimento”, afirmou Dall´Olmo de Amorim.

Feliz com a conquista, Marcelly afirmou: “parece que nasci novamente. Fico muito orgulhosa de poder saber que daqui pra frente outras travestis poderão evitar constrangimentos e humilhações e conseguirão o mesmo direito de alterar seus prenomes nas identidades”, comemorou.

 

Fonte: Revistaladoa

Related posts