quarta-feira, setembro 22, 2021
InícioÁreas de AtuaçãoEducaçãoUnB abre 30 vagas em especialização gratuita para graduados em qualquer área

UnB abre 30 vagas em especialização gratuita para graduados em qualquer área

Profissionais graduados em qualquer área poderão se inscrever, a partir do dia 5 de julho, em um novo curso de especialização gratuito, que será ofertado pela Universidade de Brasília (UnB).

A Especialização em Estudos Amazônicos oferecerá 30 vagas para  graduados em qualquer área com interesse no tema. Delas, seis vagas serão destinadas exclusivamente a candidatos auto identificados como negros. Além disso, outras oito vagas serão divididas da seguinte maneira:

  • Indígenas: duas (2) vagas;
  • Membros de comunidades tradicionais: duas (2) vagas;
  • Quilombolas: duas (2) vagas;
  • Pessoas com deficiência: duas (2) vagas.

Inscrições para graduados em qualquer área

As inscrições poderão ser feitas a partir de 5 de julho de 2021 pelo site https://sig.unb.br/sigaa/public/home.jsf. Basta acessar esse link, clicar em “processos seletivos”. Depois em “Consulte os processos seletivos de nível lato-sensu abertos, inscreva-se ou gerencie suas inscrições” e, na sequencia, em “Especialização em Estudos Amazônicos”.  Serão computadas apenas as 300 primeiras inscrições.

Estrutura Curricular:

1º TRIMESTRE

HISTÓRIA DA AMAZÔNIA

O conceito de Amazônia: definições e concepções sobre a região, formação histórica do território, seu caráter continental – as fronteiras amazônicas do Brasil; arqueologia e ocupação pré-colombiana; a Igreja e as ordens missionárias; os colonos; os povos indígenas, seu trabalho e suas terras; a escravidão negra e a presença africana; a Cabanagem; o extrativismo e a agricultura; expansão e declínio da extração da borracha: suas consequências econômicas, sociais e culturais; exploração dos recursos naturais e crítica ambiental; a Amazônia entre a Era Vargas e a Ditadura Militar; o “colonialismo interno” – persistência dos métodos colonialistas durante o Império e a República.

GEOPOLÍTICA E SOCIOECONOMIA NA AMAZÔNIA

Formação do capitalismo mundial, com olhar para a atualidade da Globalização, do Neoliberal e da Geopolítica da Região Amazônica. Formação econômica, política e social da Amazônia. Os Ciclos produtivos regionais. A inserção da Amazônia no mercado nacional e mundial. A transição do modelo primário-exportador para a economia industrial. O modelo de desenvolvimento brasileiro e regional amazônico. Tratados e Planos Bilaterais, IIRSA, PAC I e II. Políticas Públicas, Planejamento Governamental e Estratégias de Desenvolvimento para a Amazônia.

POVOS ORIGINÁRIOS, POPULAÇÕES E COMUNIDADES TRADICIONAIS DA AMAZÔNIA

Território e Territorialidade. Povos originários, populações e comunidades Tradicionais. Povos indígenas na Amazônia, historicidade, língua e cultura. Lutas e estratégias de resistências dos povos originários. Diversidade de populações e comunidade tradicionais na Amazônia, histórias, práticas sociais e formas de expressão. Quilombos na Amazônia. Determinantes sociais e a saúde dos povos e comunidades na Amazônia.

2º TRIMESTRE

FUNDAMENTOS DE ECOLOGIA E CONSERVAÇÃO DA AMAZÔNIA

Conceitos de ecossistema, fluxos de energia e materiais, produção e produtividade aplicados a Floresta Amazônica; Comunidades biológicas, sua estrutura e dinâmica; Biodiversidade; História ecológica/ambiental da Amazônia; Principais ecossistemas amazônicos; Rios e o ciclo anual das águas; Interações de espécies e serviços ambientais; Amazônia e o ser humano; caça, pesca e coleta; Atividade humana e seus impactos; Mudança global e conservação; Clima, biodiversidade, normativas e tratados.

METODOLOGIA E TÉCNICAS DE PESQUISA CIENTÍFICA

Pesquisa cientifica, teoria e prática; metodologia do trabalho científico; principais fases e etapas do trabalho científico; estrutura da pesquisa científica; coleta e análise de dados; formas de elaboração de trabalho final do processo de pesquisa e normas técnicas.

ARTE E MANIFESTAÇÕES CULTURAIS

Expressões culturais amazônicas enquanto parte de um conjunto de fenômenos que compreendem as manifestações artísticas, tradicionais, os folguedos, os ritos espetaculares e ações da vida cotidiana. Articulação entre arte (visuais, teatro, música, performance e audiovisual) e as tradições culturais enquanto experiências estéticas criativas.

3º TRIMESTRE

QUESTÃO AGRÁRIA E AMBIENTAL NA AMAZÔNIA

Agriculturas e sistemas agrários; renda da terra; questão agrária brasileira e amazônica; estrutura fundiária; apropriação da terra; políticas públicas; unidades de conservação; relação entre a questão agrária e ambiental na Amazônia.

BENS COMUNS, DIREITOS DA NATUREZA E CONFLITOS NA AMAZÔNIA

Importância e abordagens sobre os bens comuns na Amazônia; acesso e uso dos bens comuns; políticas públicas; povos originários, comunidades tradicionais; bens comuns como sujeito de direito; paradigmas e teoria geral dos direitos da natureza; jurisprudências e marcos legal dos direitos da natureza; estado, territórios, conflitos e direitos; movimentos sociais, luta pela terra e bens comuns.

SEMINÁRIO I E II

Temas de interesse dos e das estudantes. Os temas e os períodos serão estabelecidos em conjunto com os e as estudantes.

Serviço

  • Período de inscrições: 05 a 30 de julho de 2021
  • Número de vagas: 30 vagas, assim distribuídas:
  • Ampla concorrência: 16 vagas
  • Negros: 06 vagas
  • Quilombolas: 02 vagas
  • Indígenas: 02 vagas
  • Membros de comunidades tradicionais: 02 vagas
  • Pessoas com deficiência: 02 vagas
  • As inscrições serão realizadas exclusivamente via internet através do site https://sig.unb.br/sigaa/public/home.jsf
  • Serão consideradas até o máximo de 300 (trezentas) inscrições, conforme a ordem de recebimento no site indicado.

RELATED ARTICLES