4 boas razões para um homem bater numa mulher

Um recado para as mulheres vítimas de abuso do mundo: Não tomem nem mais um soco, tapa ou pontapé de qualquer homem. Não há NADA que torne isso aceitável.

Troy Dunn

  • Nota do editor: Este artigo foi escrito por Troy Dunn e publicado originalmente em sua página no Facebook, “Troy o Localizador”. Foi reproduzido aqui com permissão e traduzido por Stael Pedrosa Metzger.Ultimamente, tem havido muita discussão sobre a violência contra as mulheres por seus companheiros. Muitos dizem que nunca há uma boa razão para que um homem agrida uma mulher, mas eu discordo e hoje vou falar! Tenho seis filhos e eu ensinei-lhes o que meu pai ensinou a meus irmãos e a mim; existem quatro boas razões para um homem bater na mulher que ele ama:
  • 1. Fogo

    Se você olhar para a mulher que você ama e descobrir que as chamas estão engolindo sua garota, você deve absolutamente derrubá-la e começar a rolar seu corpo no chão.

  • 2. Aranha

    Se a sua princesa descobrir uma aranha errante no seu ombro e com puro terror em sua voz dizer “Tira, tira!”, você deve bater até que a ameaça de oito pernas esteja longe dela.

  • 3. Engasgo

    Se durante o jantar ela começa a rir de outra de suas histórias incrivelmente engraçadas e, no processo, reter um pedaço de bife em sua garganta, você tem o meu total apoio para saltar de sua cadeira, girar em torno dela e começar a apertar sua caixa torácica, até que ela cuspa!

  • 4. Trem

    Se enquanto aproveitam tranquilos momentos após o jantar em um passeio com sua amada, você percebe que ela se posicionou em frente a um trem que se aproxima rapidamente, agarre-a pelo braço e como o homem forte que você é, puxe-a para trás de forma agressiva.

    Sem a presença do fogo, das aranhas, do risco de asfixia ou de um trem, meu pai nos ensinou que, nunca, nunca, nunca, NUNCA há uma razão justificável para um homem atacar uma mulher. Ponto final. Ele disse que homens de verdade não fazem isso. Ele, então, acrescentou esta definição importante sobre o que é ser um “homem de verdade”, que eu quero compartilhar com todos os homens de hoje:

  • “Os homens de verdade não permitem que outros homens batam em mulheres também.”

    Apelo a meus irmãos de humanidade em todos os lugares para se juntarem a mim na tolerância zero à violência contra as mulheres. Não batam e não tolerem a violência de outros contra a mulher.

    Aquela mulher que você vê sendo agredida por seu “homem”, no clube ou no estacionamento ou até mesmo em um elevador; intervenha. Coloque-se entre o agressor e a vítima. Isso é perigoso? Pode ser. Mas é o que um homem de verdade faria.

    Lembre-se sempre, quando você testemunhar a violência contra a mulher, que ela é mãe, filha ou irmã de alguém. Só para que fique gravado em sua mente, sim, isto é assunto seu. Na minha casa, meus filhos sabem que considerar a segurança de outras mulheres é nossa obrigação pessoal, quer o abusador goste ou não.

    Por último, um recado para as mulheres vítimas de abuso do mundo: Não aceitem mais um soco, tapa ou pontapé de qualquer homem. Não há nada que torna isso aceitável ou certo. Pare de dar desculpas por ele. Ele tem um problema e precisa resolvê-lo completamente antes de ser digno de passar mais um segundo em sua presença. Insista nisso.

    5 Péssimas razões pelas quais as mulheres se deixam agredir:

    1. “Ele estava bêbado.”

    E daí? Ele vai beber de novo. E, embora eu pessoalmente nunca tenha bebido, eu conheço muitas pessoas que bebem ocasionalmente, e nenhum deles agrediu suas mulheres. Seu marido ou namorado não é normal. Pare de tentar se convencer de que ele é.

    2. “Ele está sob muito estresse.”

    Os homens de verdade lidam com o estresse lutando numa academia, batendo numa bola de golfe ou até mesmo se empanturrando num buffet. Eles não batem em mulheres. O estresse não é uma emoção que serve como porta de entrada para a violência em homens saudáveis e normais.

    3. “Eu merecia isso.”

    Como???? Não, não há nada que você ou qualquer mulher possa fazer para justificar a violência. Talvez você tenha feito algo tão ruim que ele a deixe, mas a violência não está na lista de opções dele quando estiver chateado. NUNCA É UMA OPÇÃO.

    4. “Seu pai abusou de sua mãe. É a vida que ele conhece.”

    Quando ouço essa afirmação, eu quase vomito. E daí que ele testemunhou abuso quando criança?? Mais que ninguém, ele conhece a mágoa e a dor que nasce do abuso. Na vida nós testemunhamos muitas coisas que são ruins, mas nós não as incorporamos a nossas próprias vidas. Se o seu homem abusa de você porque ele testemunhou abusos, deixe-o ir testemunhar uma terapia. Deixe-o ir testemunhar um grupo de apoio. Deixe-o ir testemunhar a vida sozinho sem você e as crianças.

    5. “Foi só uma vez. Ele pediu desculpas.”

    As estatísticas dizem que onde existe uma “primeira vez”, há uma segunda vez. Sua resposta para a “primeira vez” precisa enviar uma mensagem incrivelmente clara ao seu “homem” de que não haverá segunda vez. Envie essa mensagem de forma tão clara que ela o assombre. Faça isso e junte uma ação à mensagem. É a “ação” que vai sinalizar o nível de sua gravidade. Pode ser chamar a polícia, sair de casa por uma semana ou duas, pode ser mandá-lo sair por uma semana ou buscar aconselhamento imediato. Suas palavras devem ser seguidas por medidas imediatas para reforçar o verdadeiro nível de intolerância que você tem com a violência contra si mesma.

    Você pode ficar chocada ao saber que alguém em sua vida é um abusador, mas isso significa que alguém em sua vida é uma vítima. Em vez de adivinhar quem poderia ser, apenas compartilhe este artigo com todos, para que ele atinja alguém que realmente precisa ouvir isso.

    Abusadores, estou de olho em vocês. Meus filhos também estão. E milhões de outros homens de verdade estão observando vocês. Vamos defender e proteger sua esposa, sua mãe e sua irmã… ainda que seja protegê-las de você.

    4 boas razões para um homem bater numa mulher
    4 boas razões para um homem bater numa mulher

    Troy Dunn

    Troy é autor, personalidade de TV e um palestrante popular inspiracional. Ele é autor de diversos best-sellers, incluindo o mais recente: “Família: A BOA palavra com F”. Você pode encontrar seu livro na Amazon:
    http://www.troythelocator.com/

     

    Fonte: Família

+ sobre o tema

Taís Araújo relembra preconceito na adolescência

Tais Araújo comemora a boa fase profissional e pessoal. Protagonista...

20 mil mulheres negras marcham para Brasília 18 de novembro.

Marcha das Mulheres Negras 2015 –  20 mil mulheres...

O único medo de Nury, uma mulher negra que cresceu em Montevidéu, no Uruguai

Numa calçada de uma rua não muito movimentada, pelo...

Deborah Riley Draper, cineasta: ‘É estúpido julgar uma pessoa pela cor da pele’

Americana veio ao Rio a convite do consulado dos...

para lembrar

Mulheres Digitais (4ª edição) – O poder feminino no mercado digital

No próximo dia 1 de abril, sábado, o Teatro...

Paternidades, gênero e a democracia constitucional

O triunfo de uma “revolução paternal”, tomando de empréstimo...

Atriz de Jogos Vorazes assume ser bissexual e deve isso a filha de Will Smith

Amandla Stenberg, mais conhecida pelo papel de Rue em...

Corpos Negros Ainda Estão na Mira #LegadoMarielle

Desde muito pequena aprendi sobre o assédio feminino, abordagem...
spot_imgspot_img

Como poluição faz meninas menstruarem precocemente

Novas pesquisas mostram que meninas nos EUA estão tendo sua primeira menstruação mais cedo. A exposição ao ar tóxico é parcialmente responsável. Há várias décadas, cientistas ao redor do...

Leci Brandão recebe justa homenagem

A deputada estadual pelo PC do B, cantora e compositora Leci Brandão recebe nesta quarta (5) o Colar de Honra ao Mérito Legislativo do...

Mais de 11 milhões de mulheres deixam o mercado de trabalho no Brasil

Pesquisa inédita do Centro de Pesquisa em Macroeconomia das Desigualdades (Made), da USP, sobre o custo da maternidade no Brasil mostra que 6,8 milhões...
-+=