‘Acho que é um exemplo para a raça negra’ – Janaina Melo vence O Aprendiz e leva R$ 1,5 milhão

A amazonense Janaina de Melo, de 28 anos, venceu o programa O Aprendiz, na madrugada desta quarta (21). Ela levou o prêmio de R$ 1,5 milhão. Além disso, também ganhou um quadro de US$ 50 mil do artista plástico brasileiro radicado nos Estados Unidos Romero Britto.

Emocionada, ela contou ao R7 o que pretende fazer com tanto dinheiro.

– Quero montar um negócio. Em 2012 ou 2013 vou abrir. Ainda não sei o que será, porque quero estudar muito o mercado antes.

Janaína, que morou nos Estados Unidos por oito anos, vai voltar para o Brasil.

– Sofria muito lá com a falta que sentia da minha família. Agora, isso não será problema.

Ela ainda ressaltou o fato de ser mulher e negra e vencer o reality empresarial.

Acho que é um exemplo para a raça negra. As negras não precisam sonhar em ser só dançarinas. Podem também ser empresárias, advogadas ou médicas se quiserem. Eu tenho a cara do Brasil.

Ela ainda destacou uma qualidade sua que ficou marcante no reality.

– Com humildade a gente sempre chega lá. Meu maior herói é Deus.

O programa começou com João Doria Jr. surgindo do meio da plateia de 1.600 pessoas, no auditório Simón Bolívar, no Memorial da América Latina, em São Paulo, de onde a grande final foi transmitida ao vivo para todo o Brasil.

Doria celebrou o resultado final desta edição.

– Estou feliz porque todos os participantes saíram muito melhores do que entraram.

Carla Pernambuco, uma das conselheiras, que votou pela vitória de Janaina, ficou feliz com resultado.

– A Janaina chegou ao final com muita criatividade. Ela se sobressaiu sobre os outros.

Sobre a perdedora, Renata Tolentino, Carla disse que ela “foi a zebra dessa edição” e que não imaginava que ela conseguisse chegar até a final. Claudio Forner, o outro conselheiro, afirmou que o resultado “só confirmou o que aconteceu nos últimos três episódios, nos quais Janaína se destacou, enquanto que Renata se estagnou”.

Fonte: R7

+ sobre o tema

Eventos promovem feminismo negro com rodas de samba e de conversa

"Empoderadas do Samba" ocupa espaço ainda prioritariamente masculino e...

Dandara: ficção ou realidade?

Vira e mexe, reacende a polêmica sobre a existência...

Michelle Obama está farta de ser chamada “mulher revoltada de raça negra”

“Uma mulher revoltada de raça negra”. Michelle Obama está...

A banalização da vida diante da cultura do abandono e da morte

O ano de 2017 expondo as vísceras da cultura...

para lembrar

Mortalidade materna de mulheres negras é o dobro da de brancas, mostra estudo da Saúde

Assim como outros indicadores de saúde, a mortalidade materna é...

Racismo institucional e ensino da cultura africana são debatidos entre governo e movimento negro

 A presidenta Dilma Rousseff recebeu nesta sexta-feira (19),...

Igreja continuará satanizando direitos das mulheres? por Fátima Oliveira

O papa Francisco, num mesmo dia, 20 de setembro,...

O fascínio de Summerhill, uma escola democrática e instigante – Por: Fátima Oliveira

Criar filhos em uma sociedade cada vez mais individualista...
spot_imgspot_img

“Dispositivo de Racialidade”: O trabalho imensurável de Sueli Carneiro

Sueli Carneiro é um nome que deveria dispensar apresentações. Filósofa e ativista do movimento negro — tendo cofundado o Geledés – Instituto da Mulher Negra,...

Comida mofada e banana de presente: diretora de escola denuncia caso de racismo após colegas pedirem saída dela sem justificativa em MG

Gladys Roberta Silva Evangelista alega ter sido vítima de racismo na escola municipal onde atua como diretora, em Uberaba. Segundo a servidora, ela está...

Uma mulher negra pode desistir?

Quando recebi o convite para escrever esta coluna em alusão ao Dia Internacional da Mulher, me veio à mente a série de reportagens "Eu Desisto",...
-+=