Ativista da Rocinha ironiza Panelaço da Elite

Davison Coutinho, morador da Rocinha, publicou artigo no Jornal do Brasil sobre o panelaço realizado na noite de ontem (5), em bairros nobres do Rio de Janeiro, durante fala do ex-presidente Lula da TV. “Onde estavam ‘elles’ para protestar contra a redução da maioridade penal, contra a desigualdade social, contra a pobreza nas favelas, contra o descaso do governo nas favelas, contra a PEC da terceirização?”, questionou, para concluir: “Bater panela em São Conrado e Leblon tomando champanhe é mole. Quero ver carregar água na cabeça na favela e acordar cedo pra ir trabalhar no ônibus lotado”

Por Davison Coutinho No brasil247

Elles fizeram panelaço, mas na Rocinha a nossa luta é outra

Enquanto a elite carioca e de outros 21 estados fizeram de seus luxuosos apartamentos avaliados em milhões de reais um “ato” que consideram de protesto, nós da Rocinha continuamos empenhados na luta pelos direitos à cidadania e inclusão.

Elles fizeram o showmício nas janelas.

Elles têm filhos em escolas particulares.

Elles viajam para compras no exterior.

Elles que moram nos apartamentos de 10 a 30 mil reais o metro quadrado.

Elles que andam em carro de luxo.

Elles que se aproveitaram da mão de obra dos favelados e construíram seus impérios.

Elles que tratam o pobre e a favela como seres invisíveis e inferiores.

Elles que escolheram o presidente em 1990.

Onde estavam elles para protestar contra a redução da maioridade penal, contra a desigualdade social, contra a pobreza nas favelas, contra o descaso do governo nas favelas, contra a PEC da terceirização?

Bater panela em São Conrado e Leblon tomando champanhe é mole. Quero ver carregar água na cabeça na favela e acordar cedo pra ir trabalhar no ônibus lotado.

Vem pra favela ver como se vive!
*Davison Coutinho, 24 anos, é morador da Rocinha, Bacharel em desenho industrial pela PUC-Rio, Mestrando em Design pela PUC-Rio, membro da comissão de moradores da Rocinha, Vidigal e Chácara do Céu, professor, escritor, designer e liderança comunitária na Comunidade.

+ sobre o tema

O Brasil deveria comercializar o que tem de melhor: o seu povo

Ouvi no rádio um moço – que falava muito...

Em carta a Dilma, MPL lembra de índios e pede diálogo com movimentos sociais

Convidado para reunião com a presidenta, Passe Livre pediu...

Movimento negro cobra auxílio emergencial de R$ 600 e vacina para todos pelo SUS

Nesta quinta feira (18), a Coalizão Negra por Direitos,...

para lembrar

Os 10 maiores micos da Copa do Mundo do Brasil

Najla Passos Na Copa do Mundo do Brasil, foram embora...

Eleonora de Lucena: elite deu tiro no pé com o golpe

Editora da Folha entre 2000 e 2010, a jornalista...

Marginalzinho: a socialização de uma elite vazia e covarde

Parada em um sinal de trânsito, uma cena capturou...

Países do Brics partilham sistema de mídia que defende interesses da elite, diz pesquisadora

Raquel Paiva, coordenadora de estudo que mapeia a mídia...

Abolição da escravidão em 1888 foi votada pela elite evitando a reforma agrária, diz historiador

Em 13 de maio de 1888, há 130 anos, o Senado do Império do Brasil aprovava uma das leis mais importantes da história brasileira,...

“Estamos assistindo a uma espécie de revanche das elites”

O dominicano Xavier Plassat, um dos líderes da luta contra o trabalho escravo na Comissão Pastoral da Terra, fala sobre o governo Temer Por Leneide Duarte-Plon...

“Brasil tem elite que se considera superior e que, por isso, acha que tem direito a saquear a coisa pública”, diz historiador

Em entrevista à DW Brasil, historiador diz que é preciso combater uma sociabilidade que se baseia em tratar o público como o privado: "Há...
-+=