sexta-feira, setembro 17, 2021
InícioÁreas de AtuaçãoComunicação“Através do olhar da representação”: Sobre o estereótipo e a comunicação

“Através do olhar da representação”: Sobre o estereótipo e a comunicação

Resumo: O presente texto toma como ponto de referência e modelo metodológico “O espetáculo do ‘outro’”, de Stuart Hall, um capítulo de um manual da Open University. Esse capítulo ensina teorias da diferença e do estereótipo, traz uma seleção de imagens do corpo negro, compondo uma sequência histórica dessas imagens, e conclui com formas de contestar o estereótipo. Na busca de contribuir para pesquisas e ensino em cultura e comunicação que se realizam desde uma perspectiva decolonial, este texto faz um close reading do texto de Hall com vistas a entender como pode ser lido longe de seu contexto cultural original. Revê teorias do estereótipo lidos no Brasil e examina, especialmente, a de Homi Bhabha, que entende o estereótipo em termos do fetichismo; discute a foto que fecha o artigo de Hall como ilustração da forma mais eficaz de contestar o estereótipo, “ver através do olhar da representação”. Adicionalmente, lê-se o texto de Hall a partir de seu encaixe e desencaixe da história cultural brasileira e sugere a inclusão das exposições etnográficas ou “zoológicos humanos” na história da cultura de massa que embasa nossas discussões de mídia e comunicação e do racismo. São frutos dessa discussão a exploração do modelo de estética decolonial sugerido por Hall e uma releitura da história cultural brasileira que, ao preencher uma lacuna, convida a uma releitura de teóricos clássicos da comunicação desde essa nova perspectiva. Suas conclusões são relevantes para o ensino em Comunicação e Estudos Culturais e a pesquisa e crítica a estereótipos racistas.

 

Leia o texto completo 

“Através do olhar da representação”: Sobre o estereótipo e a comunicação

RELATED ARTICLES