Boaventura Sousa Santos coordena projecto europeu

Analisar os discursos e políticas anti-racistas nos diversos contextos é o tema de um projecto europeu de investigação que agora se inicia, coordenado pelo português Boaventura de Sousa Santos e que incide sobre sete países.

Portugal, França, Itália, Reino Unido, Espanha, Alemanha e Dinamarca são os países onde serão analisadas as formas como é concebida hoje a ideia de racismo, sobretudo nos domínios de emprego e educação, disse à Lusa uma das coordenadoras executivas do projecto, Sílvia Rodriguez Maeso.

O projecto parte da hipótese de que as políticas europeias de integração não incorporam de forma suficiente medidas anti-racistas, resultando em modos de integração precários e tornando as estruturas sociais vulneráveis ao racismo. Procura também analisar até que ponto sociedades europeias culturalmente diversas estão a testemunhar a racionalização das relações sociais e a diferenciação de um conjunto de tipologias mais ou menos recentes de racismos, registados a nível regional, e as suas implicações para as “culturas público-políticas”.

Hoje e amanhã, os cerca de 20 investigadores envolvidos no projecto “The semantics of tolerance and  in Europe: public bodies and civil society in comparative perspective”, de Portugal, Espanha, Alemanha, Reino Unido e Dinamamarca, reúnem-se no Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra, entidade coordenadora dirigida por Sousa Santos. A investigação teve início a 1 de Março e prolonga-se até 28 de Fevereiro de 2013, sendo financiada pela Comissão Europeia.

 

Fonte: Jornal de Notícias

+ sobre o tema

para lembrar

E as crianças no casamento? Por que isso não deve ser um impasse

Este é um tema polêmico, eu sei. Em geral,...

Tom Morello: “o racismo é tão americano quanto a torta de maçã e o beisebol”

O guitarrista Tom Morello falou sobre racismo e sua relação com...

Tripulantes que jogaram camaronês em alto mar vão a júri popular

Camaronês estava clandestino em navio e foi torturado, segundo...
spot_imgspot_img

Senado aprova prorrogação e ampliação da política de cotas para concursos públicos

O Senado aprovou, nesta quarta-feira (22), o projeto de lei (PL) 1.958/2021, que prorroga por dez anos a política de cotas afirmativas para concursos...

Morte de senegalês após ação da PM em SP completa um mês com investigação lenta e falta de acesso a câmeras corporais

Um mês após a morte do senegalês Serigne Mourtalla Mbaye, conhecido como Talla, que caiu do 6º andar após ação policial no prédio em que morava...

Maurício Pestana: escola de negros e o Terceiro Vagão

Em vários artigos já escritos por mim aqui, tenho apontado como o racismo no Brasil utiliza a via da questão econômica e educacional para...
-+=