Dandara: esposa, mãe e guerreira

Enviado por / FonteDo Portal Capoeira

Herói negro conhecido pela luta contra a opressão negra no Brasil, Zumbi dos Palmares é lembrado por sua luta e sua coragem no Dia da Consciência Negra, celebrado no próximo sábado.

Diz a sabedoria popular que por trás de todo grande homem, existe uma grande mulher. Prefiro dizer “ao lado”, mas o fato é que com Zumbi não foi diferente. Esposa de Zumbi e mãe de seus três filhos, Dandara foi muito além do papel de esposa, se tornando uma verdadeira guerreira.

Conforme informações do professor de história Kleber Henrique, no blog Cuca Livre, Dandara, como todos no quilombo, plantava, trabalhava na produção de farinha de mandioca, aprendeu a caçar, e, além disso, aprendeu a lutar capoeira, empunhar armas e liderou as falanges femininas do exército palmarino.

Dandara participou de todos os ataques e defesas da resistência de Palmares e não tinha limites para defender a liberdade e a segurança do Quilombo.

A esposa de Zumbi compartilhava a posição do marido contra o tratado de paz assinado por Ganga-Zumba. Entre outras negociações, o acordo requeria a mudança dos habitantes de Palmares para as terras no Vale do Cacau. Dandara, assim como Zumbi, via o tratado como a destruição da República de Palmares e a volta à escravidão.

Dandara morreu em 6 de fevereiro de 1694, após a destruição da Cerca Real dos Macacos, uma batalha sangrenta que deixou centenas de mortos. Ainda assim, acredita-se que ela se suicidou para não voltar a ser escrava, atirando-se da da pedreira mais alta de Palmares. Zumbi, que sobreviveu ferido a esta batalha, morreu no ano seguinte em 20 de novembro, data em que atualmente é celebrado o Dia da Consciência Negra.

 

 

+ sobre o tema

O Vasco contra o Racismo

Em homenagem ao Dia da Consciência Negra comemorada no...

Pantera Negra 2 irá surpreender e ‘homenagear’ Chadwick Boseman, afirma Danny Sapani

Danny Sapani, intérprete de M’Kathu, líder de uma das tribos...

As políticas públicas e a desigualdade racial no Brasil 120 anos após a abolição – Mário Theodoro (Org.)

Mário Theodoro (Org.) - IPEA - PREFÁCIO .................................................................................................................

Usain Bolt

Usain St. Leo Bolt (Trelawny, 21 de agosto de 1986) é um velocista jamaicano, multicampeão olímpico e mundial,...

para lembrar

BAHIA capacita agentes e operadores em seminários

  De olho no mercado turístico afro descendente,...

Documentário emocionante questiona qual é o significado da vida humana

O cineasta Yann Arthus-Bertrand passou três anos viajando o...

A luta de um homem negro pela liberdade entre Caribe, Brasil, África e Europa

Foi a culminação de uma saga: João José, um...

Coleção Literatura e Afrodescendencia no Brasil é lançada em São Paulo

O lançamento ocorreu na última terá feira, 06 de...
spot_imgspot_img

Sambista ligada ao rap, Leci Brandão rebate críticas de Ed Motta: ‘Elitista’

Leci Brandão, 79, rebateu com estilo as recentes declarações de Ed Motta, que chamou de "burros" os fãs de hip hop, "sem exceção". Sem citar...

‘Bad Boys 5’ já está sendo discutido, afirma produtor

‘Bad Boys: Até o Fim‘ estreou há apenas uma semana, mas um 5ª filme para a franquia estrelada por Will Smith e Martin Lawrence já está sendo discutido. A...

Jay-Z e Alicia Keys apresentam ‘Empire State of Mind’ no Tony Awards de 2024

Jay-Ze Alicia Keys se uniram para apresentar o sucesso “Empire State of Mind” ao vivo no na cerimônia de premiação de 2024 do Tony Awards no último domingo,...
-+=