Decisões do STF contra censura em escolas é tema de campanha nas redes sociais

Enviado por / FonteAção Educativa

Em 2020, o Tribunal decidiu em diversas ações pela inconstitucionalidade de leis municipais que vetam a abordagem de gênero nas escolas e de outras leis inspiradas no Escola sem Partido

A Ação Educativa, em articulação com diversas entidades que atuam na defesa dos direitos humanos, lançou nesta quarta o primeiro vídeo de uma campanha que visa disseminar as decisões do Supremo Tribunal Federal de 2020, que afirmaram a inconstitucionalidade de leis que proibiam a abordagem de gênero nas escolas e de leis inspiradas no Escola sem Partido. Com o lema “Escola que cuida e protege fala de igualdade de gênero”, a campanha reafirma a liberdade e o pluralismo no ensino, a proteção de crianças e adolescentes e o dever do Estado de enfrentar todas as formas de discriminação baseadas em gênero e orientação sexual.

A campanha será composta por quatro vídeos, além de outros materiais para serem compartilhados nas redes sociais. A iniciativa visa também enfrentar o pânico moral e a desinformação promovida por movimentos ultraconservadores, acirrados em anos eleitorais, e disseminar o Manual de Defesa Contra a Censura nas Escolas, publicação lançada por Ação Educativa e mais 80 entidades de educação e direitos humanos em fevereiro deste ano. A publicação apresenta orientações jurídicas e estratégias político-pedagógicas em defesa da liberdade de aprender e de ensinar, baseadas em normas nacionais e internacionais e na jurisprudência brasileira. 

Sobre a Ação Educativa

Criada em 1994, é uma organização de direitos humanos, sem fins lucrativos, com uma trajetória dedicada à luta por direitos educativos, culturais e da juventude. Desde a sua fundação, integra um campo político de organizações e movimentos que atuam pela ampliação da democracia com justiça social e sustentabilidade socioambiental, pelo fortalecimento do Estado democrático de direito e pela construção de políticas públicas que superem as profundas desigualdades brasileiras, bem como pela garantia dos direitos humanos para todas as pessoas. Desde 2018, a Ação Educativa é apoiada pelo Fundo Malala. 

 

+ sobre o tema

MEC abre edital para inscrição de tecnologias educacionais para zona rural

O  Ministério da Educação recebe, até 12 de março, inscrições...

Índios entregam Projeto de Lei que cria carreira de professor indígena

Etnias querem estruturação do magistério nas aldeias DO Portal do Meio...

PLANO DE EDUCAÇÃO DA CIDADE DE SÃO PAULO

Por: Suelaine Carneiro         ETAPA 2 - Plenárias por Subprefeituras   Prezadas/os companheiras/os...

SISU: Ainda desconhecida, 2ª edição de seleção via Enem começa amanhã

5 instituições aderiram ao Sisu, das quais 8 novas;...

para lembrar

Educação e saúde: Será que é a hora de reabrir nossas escolas?

Esta semana, no Rio de Janeiro, fomos surpreendidas com...

Folha estreia projeto sobre liberdade de expressão

A Folha estreia nesta semana, em parceria com a ONG Artigo...

‘Sou cuidadora e não tenho quem cuide dos meus filhos’: 3 milhões de crianças não têm vaga no ensino infantil

"Sou uma trabalhadora doméstica explorando outra doméstica." Assim Valdirene Boaventura...

Escola de elite, a R$ 8 mil por mês, será inaugurada em São Paulo

Alunos de 5 anos são fluentes em mandarim e...
spot_imgspot_img

Lei do ensino de História da África nas escolas completa 20 anos e escancara lacunas na formação de professores antirracistas

Após ler em sala o poema O Pequeno Príncipe Preto, de Marcelo Serralva, para seus alunos da educação infantil, Luciana Deus, professora da rede pública,...

‘Escravo’, ‘urubu’: crianças são vítimas de racismo; denúncias passam de 3 mil em escolas estaduais em SP em 2023

Mais de 3 mil denúncias de discriminação em escolas estaduais de São Paulo foram registradas somente em 2023. Os casos aumentaram 500% nos últimos 5...

Comitê SP da Rede da Campanha repudia políticas antipedagógicas da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo

Nota Pública do Comitê SP em repúdio às políticas preocupantes recém-divulgadas pela Secretaria da Educação do Estado de São Paulo (PDF) O Comitê São Paulo da Campanha...
-+=