Deputados denunciam Diogo Mainardi ao Ministério Público

O jornalista deu declarações preconceituosas contra nordestinos no programa Manhattan Connection, da Globo News; parlamentares argumentam que comentários de Mainardi incitaram o ódio e o racismo

na Revista Fórum

Na manhã desta quinta-feira (6), seis deputados federais apresentaram uma denúncia à Procuradoria Geral da República contra o jornalista Diogo Mainardi, de acordo com nota do Poder Online. Durante apresentação do programa Manhattan Connection, na Globo News, Mainardi fez declarações preconceituosas em relação aos nordestinos, a quem atribuiu a responsabilidade pela reeleição da presidenta Dilma Rousseff (PT).

De acordo com a representação, a atitude poderia “incitar posições discriminatórias e racistas na sociedade”. Após a divulgação do resultado do segundo turno, no último dia 26, o apresentador afirmou que “o Nordeste sempre foi retrógrado, sempre foi governista, sempre foi bovino, sempre foi subalterno em relação ao poder durante a ditadura militar, depois com o reinado do PFL, e agora com o PT”. “É uma região atrasada, pouco educada, pouco instruída, que tem uma grande dificuldade de se modernizar, e se modernizar na linguagem”, completou. Após ver a repercussão negativa de sua fala, Mainardi pediu desculpas e disse que não teve a intenção de ofender ninguém.

A representação dos deputados é assinada por Luciana Santos (PCdoB-PE), Henrique Fontana (PT-RS), Alice Portugal (PCdoB-BA), Erika Kokay (PT-DF), Pedro Eugênio (PT-PE) e Luiz Couto (PT-PB), além do Fórum Nacional pela Democratização da Comunicação. No texto encaminhado, o grupo afirmou que os comentários incentivaram ataques contra os nordestinos nas redes sociais e citou que, naquele período, a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) contabilizou 90 denúncias sobre o assunto.

+ sobre o tema

Nova identidade tem CPF como número principal, QR code e abriga dados de outros documentos

O governo federal quer acelerar a corrida para digitalizar...

ONU pede que Brasil legalize aborto e denuncia ‘fundamentalismo religioso’

Alertando sobre o avanço do que chamou de "fundamentalismo...

Trump se torna 1º ex-presidente condenado em ação criminal na história dos EUA

Donald Trump se tornou o primeiro ex-presidente considerado culpado pela...

Um compromisso nacional

Alfabetizar todas as crianças foi colocado desde o início...

para lembrar

III Relatório Luz da Sociedade Civil Agenda 2030 de Desenvolvimento Sustentável

Que pesem os fatos. Esta terceira edição do Relatório...

Hamilton Assis no debate dos candidatos a vice presidentes

  Questionado pela jornalista Christina Lemos se o PSOL pretende...

Há coragem para um novo pacto racial?

"É um momento histórico de unidade para derrubar Bolsonaro. Unidade...

Chauí: Qualquer coisa que diga sobre a mídia será obscena

Chauí: Qualquer coisa que diga sobre a mídia será...

Mapa aponta que quase meio milhão de cariocas passam fome

A insegurança alimentar grave é realidade em 7,9% das casas na capital fluminense. Em números absolutos, são 489 mil pessoas que passam fome. Cerca de 2 milhões de cariocas convivem...

STF intima governo de SP a se manifestar em ação sobre edital de câmeras

O presidente do STF, Luís Roberto Barroso, intimou o governo de São Paulo a se manifestar em até 72 horas sobre ação que questiona edital que...

Alfabetização de crianças retoma nível pré-pandemia, mas quase metade de alunos no 2º ano ainda não sabe ler e escrever

O governo federal afirmou nesta terça-feira que 56% das crianças alcançaram em 2023 o patamar de alfabetização registrado no período pré-pandemia, em 2019. Com...
-+=