“Eu africanizo São Paulo”

VEJA A GALERIA

Festival WAPI BRASIl 2011

A Soweto Organização Negra promoverá nos dias 12, 13 e 14 de Agosto no CEU-Inácio Monteiro a 1º edição do Festival WAPI BRASIL que é uma plataforma cultural para poetas, designers, MCs, dançarinos, grafiteiros, desenhistas, cartunistas, cantores e artistas envolvidos em qualquer arte visual e verbal, com ênfase na cultura afro-diasporica.
A 1ª edição do Festival Wapi Brasil será lançada oficialmente no dia 02 de Julho na Ong Ação Educativa das 14h00 às 19h00. Nesta atividade Pré-Wapi, haverá a apresentação do evento ,exposição de fotografias da Campanha “Eu africanizo São Paulo”, Pocket-show com Amanda Negrasim, Raphao Alafim e Bukassa e na Pilulas de Cultura Feira Preta Edição de Hip-Hop no dia 17/Julho
com Poket Shows: Banda Aláfia com participação especial de Panikinho (Hip-Hop de Câmara) e Machado Saruê (Saruê Zambi) , D’na Hill e o Mc mais elegante da atualidade, Rincon Sapiência – Exposição: Fotos Campanha Wapi Brasil 2011 “Eu africanizo São Paulo” – Local: Casa das Caldeiras – 17/07 | Horário: 16hs ás 21hs

O Festival WAPI BRASIL objetiva fomentar o intercambio cultural com organizações de hip-hop do Brasil e do Continente Africano. Acredita-se que este intercâmbio cultural e a promoção da plataforma sociocultural possam abarcar e assim, solidificar um conjunto de significados compartilhados e símbolos específicos que expressam sentidos e constrói identidades.

WAPI é a abreviação de “words and pictures”, isto é, palavras e imagens. O WAPI é um festival que objetiva fomentar a divulgação de artistas ligados à linguagem visual e verbal.
Neste contexto, o festival busca envolver as juventudes em questões pertinentes a esfera social, politica e cultural. O festival ocorre em terras africanas, tendo surgido no Quênia há seis anos e se espalhado por outros países como Tanzânia, Gana, Nigéria, Senegal, Sudão, Malawi, Nova York-Brooklyn e agora em solo brasileiro, tendo sua 1ª edição na Cidade de São Paulo.

O WAPI BRASIL 2011, cujo tema é “Eu africanizo São Paulo” é a primeira edição do Festival realizado em um país de Língua Portuguesa. Em sua essência, o objetivo primordial do Wapi Brasil é construir intercambio cultural com os coletivos de juventude e as organizações ligadas a Cultura Hip-Hop de países africanos e de Cultura afro-diasporica.

O WAPI BRASIL, assim como o Wapi Africano é um festival que tem como pano de fundo a Cultura Hip-Hop e caracteriza-se por ser temático, ou melhor, todas as edições do festival realizado em África seguem um tema especifico que envolve todas as atividades desenvolvidas.
Em dialogo com as edições do Wapi Africano, pensou-se em construir as atividades da 1ª edição do Festival WAPI BRASIL sob a temática “Eu africanizo São Paulo”. O tema do Festival objetiva dialogar com todas as atividades propostas para o evento, desde a exposição de artigos ligados a estética afro-brasileira e africana à apresentações artísticas.
O Festival WAPI BRASIL em sua perspectiva temática construiu a versão publicitária do Festival que visa dialogar com o tema do evento e suscitar discussões pertinentes à contribuição em todos os âmbitos dos afro-descendentes na Cidade de São Paulo e também dar visibilidade a contribuição efetiva destes homens e mulheres, negros e não-negros, jovens e adultos que africanizam a Cidade por meio da militância politica, estudantil, artística ou simplesmente citadina.

Nessa 1º edição, o Festival WAPI BRASIL estrutura-se na proposição de Seminários, Debate-papos, apresentações artísticas de vários gêneros musicais, oficinas, saraus, exposições e mostra de videos.
A entrada é franca e todas as atividades são gratuitas.

Gildean Silva “Panikinho” e Janaina Machado
Coordenadores do WAPI BRASIL
7459-6102 vivo / 8526-1072 tim / 6315-6732 claro

WAPI BRASIL 2011
Soweto Organização Negra
Endereço: Rua Silveira Martins, 131-conj.22 – Se
E-mail: [email protected]
E-mail: [email protected]
Realização: Soweto Organização Negra

Apoio: Prefeitura da Cidade de São Paulo- Secretaria de Participação e Parceria
Coordenadoria dos Assuntos da População Negra,Governo do Estado de São Paulo, Secretaria Especial de Hip-Hop, CAMPOMARE Produções e Eventos, CEABRA, Ação Educativa, Instituto Cultural Feira Preta, Afroeducação, Divas Hair Style, Ebony Inglish, Comunidade Cultural Quilombaque.

+ sobre o tema

Provas do Enem 2024 serão em 3 e 10 de novembro; confira o cronograma

O cronograma do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem)...

Da proteção à criação: os pós-docs negros da USP nas fronteiras da inovação

Desenvolvimento de produtos, novas tecnologias para a geração de...

Programa Erasmus oferece bolsas integrais na Europa

O Erasmus, programa promovido pela União Europeia para fomento a...

para lembrar

Estudante da UFRJ comove a internet com declaração do pai semianalfabeto

Por Daniel Silveira Do G1 Ela criticou quem debocha das pessoas...

Estudante de 11 anos é admitido em universidade do Texas

Estudante de 11 anos é admitido em universidade do...

Professora grevista diz que classe virou “depósito de aluno”

Enquanto mães reclamam da paralisação de docentes em São...

Capes vai bloquear 6,05% das bolsas de pós-graduação

A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior...
spot_imgspot_img

Taxa de alfabetização chega a 93% da população brasileira, revela IBGE

No Brasil, das 163 milhões de pessoas com idade igual ou superior a 15 anos, 151,5 milhões sabem ler e escrever ao menos um...

Provas do Enem 2024 serão em 3 e 10 de novembro; confira o cronograma

O cronograma do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2024 foi divulgado nesta segunda-feira (13). As provas serão aplicadas nos dias 3 e 10...

Da proteção à criação: os pós-docs negros da USP nas fronteiras da inovação

Desenvolvimento de produtos, novas tecnologias para a geração de energia, manejo ecologicamente correto na agricultura e prevenção à violência entre jovens nativos digitais. Essas...
-+=