segunda-feira, novembro 28, 2022
InícioÁfrica e sua diásporaPatrimônio CulturalExposição «Luz Negra» em Cascais a partir de 6 de Setembro

Exposição «Luz Negra» em Cascais a partir de 6 de Setembro

Fugindo do caminho fácil do exotismo, equilibrando-se entre a magia étnica e a beleza dos contrastes gerados pelo embate entre a ancestralidade e a globalização, o fotógrafo brasileiro Robério Braga fez do Quénia, na África Oriental, o seu objecto de investigação. O resultado está patente na exposição de fotografia «Luz Negra», que depois de um grande sucesso no Museu da Imagem e do Som em São Paulo, inaugura no Centro Cultural de Cascais, no próximo dia 5 de Setembro.

As 20 imagens que compõem «Luz Negra», todas a preto e branco, revelam aspectos quotidianos e culturais de três tribos do Quénia e Tanzânia: Maasai, Pokot e Samburu.

Ao travar contacto com elas, entre 2011 e 2012, Robério Braga ficou impressionado com os seus costumes e crenças, verdadeiros símbolos de resistência na preservação de tradições ancestrais cheias de significados.

Nesta exposição, Robério Braga retrata o universo de signos num jogo de luz e sombra que obteve com a subexposição luminosa, fotometrando pelos adornos e não pela pele de cada um deles.

A inauguração da exposição está marcada para dia 5 de Setembro, às 21:30, e estará patente até 2 de Novembro.

 

Fonte: Diário Digital

Artigos Relacionados
-+=
PortugueseEnglishSpanishGermanFrench