Família real britânica terá seu primeiro casamento gay

Primo da rainha Elizabeth II será conduzido no altar pela ex-esposa

Do Correio24horas

© Murray Sanders/Daily Mail

Parece que o príncipe Harry e sua esposa, Meghan Markle, estão, de fato, incentivando mudanças importantes e impactantes para a família real. Após o casamento dos dois – que quebrou diversas das regras britânicas, sem incluir votos de obediência, por exemplo, e tendo a primeira mulher negra como noiva em um casamento real –, agora a realeza terá mais um marco de ruptura nas suas tradições. Isso porque o lorde Ivar Mountbatten, primo da rainha Elizabeth II, vai formular o primeiro casamento homossexual da história da família real. Ele vai se casar com o diretor de serviços aéreos James Coyle. A cerimônia deve acontecer em setembro, na capela em Devon, no sudoeste da Inglaterra.

De acordo com o jornal britânico Daily Mail, o lorde não queria se casar “porque já fez isso uma vez e já tinha seus lindos filhos”, mas recebeu incentivos para a cerimônia e resolveu fazê-la, principalmente, porque queria muito poder “fazer isso por James”, o outro noivo. “Ele não teve uma vida estável como a minha, então quero poder dar isso a ele”, explicou, ainda fazendo uma postagem no Instagram para confirmar a união:

 

“Futuro e ex-cônjuge. Minhas filhas decidiram que era justo que a mãe delas me acompanhasse até o altar e me entregassem a James. Esperamos que ele não diga não no último minuto”, disse o lorde na legenda da foto em que aparece com sua ex-esposa e seu atual noivo.

Ivan se declarou gay publicamente depois de ter se divorciado amigavelmente de Penny, em 2016. Com a ex-mulher, ele tem três filhas: Ella, de 22 anos, Alix, de 20, e Luli, de 15 anos. Sobre o casório que vem por aí, a mãe das meninas declarou: “Eu me sinto muito emocionada, muito tocada”, disse, garantindo que eles seguem se dando bem separados.

+ sobre o tema

Pai denuncia estupro da filha após ouvir áudio de padrasto pedindo foto íntima

Além do padastro da menina, amigo dele, personal trainer,...

Mulheres negras e indígenas celebram o 25 de julho na capital paulista – SP, 25/07/2017

Mulheres negras de várias regiões da cidade e indígenas...

No país das mulheres fortes

Islândia conquista o cume da igualdade com o impulso...

Exposição no Smithsonian revela a força de Oprah Winfrey

Mostra revela carisma e empatia da apresentadora que chegou...

para lembrar

Joseane Borges: 1ª mulher trans do Piauí com título de bacharel em Serviço Social

Joseane Gomes Santos Borges é a primeira mulher transexual...

Monica Benicio: “Mulher negra resiste”

A ABL, composta por 40 membros efetivos e perpétuos...

Simone Biles é gigante no compromisso contra cultura de violência sexual

Os Jogos Olímpicos têm resgatado a emoção do brasileiro....

Viola Davis sobre racismo em Hollywood: ‘Ou você é branca ou a versão negra do ideal branco’

Viola Davis saiu da pobreza para se tornar a primeira pessoa negra...
spot_imgspot_img

‘Abuso sexual em abrigos no RS é o que ocorre dentro de casa’, diz ministra

A ministra das Mulheres, Cida Gonçalves, considera que a violência sexual registrada contra mulheres nos abrigos que recebem desalojados pelas enchentes no Rio Grande...

ONU cobra Brasil por aborto legal após 12 mil meninas serem mães em 2023

Mais de 12,5 mil meninas entre 8 e 14 anos foram mães em 2023 no Brasil, num espelho da dimensão da violência contra meninas...

Após um ano e meio fechado, Museu da Diversidade Sexual anuncia reabertura para semana da Parada do Orgulho LGBT+ de SP

Depois de ser interditado para reformas por cerca de um ano e meio, o Museu da Diversidade Sexual, no Centro de São Paulo, vai reabrir...
-+=