Ícaro Luis Vidal: Primeiro aluno de Medicina a entrar por cotas na Ufba recebe diploma

Icaro Luis Vidal 2

Fagner Abreu

Estudante Ícaro Luis Vidal, de 24 anos, morador do bairro da Liberdade, escreveu seu nome na história da Universidade Federal da Bahia na noite desta quinta-feira, 5, ao se formar em medicina. Tudo isso porque ele foi o primeiro estudande a ingressar pelo sistema de cotas no curso de medicina da UFBA.

Ícaro ingressou na universidade em 2005, ano que a UFBA implantou o sistema de cotas. Antes, ele havia passado no curso de Direito na UEFS, Universidade Estadual de Feira de Santana. O mais novo médico de Salvador pretende seguir especialização em oncologia.

Formado, Ícaro passou no concurso do Programa Saúde da Família e afirmou que vai lutar muito para alemejar outro sonho: estar no quadro dos médicos do Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo.

 

 

 

Matéria Relacionada:

As cotas para negros: por que mudei de opinião

 


Fagner Abreu

Repórter da Revista Bahia Acontece

 

Fonte: Revista Bahia

+ sobre o tema

Em Twitter, deputado pastor diz que africanos descendem de ancestral amaldiçoado

O deputado federal Marco Feliciano (PSC-SP), que é...

Notas sobre amor, afeto e solidão do gay negro

Diariamente, após o café da manhã, costumo navegar pelo...

Investigação aponta para suposto crime de racismo

FLORIANÓPOLIS - O Ministério Público Federal (MPF) avalia...

O racismo que mata por Carolina Trevisan

Maria Carolina Trevisan O homicídio de um jovem negro mobilizou...

para lembrar

Está tudo bem

Juro que esta não é uma daquelas colunas em...

O que a branquidade tem a ver com o caso de Marielle Franco?

Marielle Franco era uma jovem negra, além e acima...

Em São Paulo, policiais militares brancos matam mais jovens negros

  A colunista Mônica Bergamo, da Folha de São Paulo,...
spot_imgspot_img

Universidade, excelência e compromisso social

Em artigo publicado pelo jornal O Estado de S. Paulo, no dia 15 de junho, o professor de literatura geral e comparada da Unicamp, Marcos...

Mobilizações apontam caminho para enfrentar extremismo

As grandes mobilizações que tomaram as ruas das principais capitais do país e obrigaram ao recuo dos parlamentares que pretendiam permitir a condenação de...

Uma pessoa negra foi morta a cada 12 minutos ao longo de 11 anos no Brasil

Uma pessoa negra foi vítima de homicídio a cada 12 minutos no Brasil, do início de janeiro de 2012 até o fim de 2022....
-+=