Lupita Nyong’o faz importante doação a estudantes

Enviado por / FontePor Rita García, do Fuxico

Lupita Nyong’o decidiu fazer uma boa ação na noite de 17 de julho, durante os prêmios “ACT-SO Awards” da NAACP (Associação Nacional para o Avanço das Pessoas Negras), em Atlantic City, Nova Jersey, quando surpreendeu 40 estudantes mulheres com bolsas de estudo de US$ 10 mil (R$ 54 mil)!

De acordo com a rede ABC, as bolsas foram concedidas a alunos que fizeram parte do ACT-SO, que é um programa de um ano para estudantes do ensino médio de todo o país, que promove seu crescimento em disciplinas como artes visuais, negócios, artes cênicas e artes culinárias.

Em seu discurso no palco, Lupita se emocionou e disse:

“Desde criança, sempre tive grandes sonhos, e minha educação teve um papel importante em me ajudar a realizá-los. Sempre adorei aprender e acredito que os alunos mudam o mundo”, comentou.

As bolsas de estudo proporcionadas por Nyong’o foram financiadas por meio de uma parceria com a marca de cosméticos Lancôme, da qual a atriz é embaixadora.

“Estou muito empolgada em me juntar à Lancome, em nome do Write Her Future Scholarship Fund, para premiar esse incrível grupo de mulheres com essas bolsas de estudo revolucionárias”, acrescentou ela.

COVID-19

Lupita Nyong’o contraiu o coronavírus durante as festividades de Ano Novo. A própria atriz, de 38 anos, revelou o diagnóstico nas redes sociais na terça-feira, 04 de janeiro.

“Eu também testei positivo para Covid-19. Estou totalmente vacinada e me cuidando de forma isolada, então confio que vou ficar bem. Por favor, faça tudo o que puder para manter a si mesmo e aos outros protegidos de doenças graves”, ela escreveu, acrescentando a hashtag #FiquedeMáscaraeVacinado. Lupita precisou então cancelar seus próximos compromissos enquanto se livra da doença.

Ela deveria se juntar a Jessica Chastain, Penelope Cruz, Diane Kruger, Fan Bingbing, Sebastian Stan e o diretor Simon Kinberg para uma rodada de entrevistas virtuais promovendo seu novo filme juntos, The 355, que foi lançado em janeiro. No filme, ela interpreta Khadijah, uma ex-aliada do MI6 e especialista em computação de ponta.

+ sobre o tema

Parem de dizer às mulheres negras que sejam fortes!

Já há algum tempo que me encantei pela intervenção...

Data internacional celebra negritude feminina

Estudantes, servidoras e terceirizadas da Universidade de Brasília dão...

Este aplicativo conta quantas vezes as mulheres são interrompidas por homens

No primeiro debate das eleições presidenciais, Donald Trump interrompeu...

para lembrar

Descolonizando o Conhecimento: uma palestra-performance de Grada Kilomba

06/03, das 16h às 18h|Local: CCSP – Centro Cultural...

Era uma vez, em Irajá

A recomendação de uma professora mudou o destino de...

O homofóbico dentro de cada um

Sobretudo e fundamentalmente, o atentado em Orlando é um...
spot_imgspot_img

Como poluição faz meninas menstruarem precocemente

Novas pesquisas mostram que meninas nos EUA estão tendo sua primeira menstruação mais cedo. A exposição ao ar tóxico é parcialmente responsável. Há várias décadas, cientistas ao redor do...

Leci Brandão recebe justa homenagem

A deputada estadual pelo PC do B, cantora e compositora Leci Brandão recebe nesta quarta (5) o Colar de Honra ao Mérito Legislativo do...

Mais de 11 milhões de mulheres deixam o mercado de trabalho no Brasil

Pesquisa inédita do Centro de Pesquisa em Macroeconomia das Desigualdades (Made), da USP, sobre o custo da maternidade no Brasil mostra que 6,8 milhões...
-+=