Martin Luther King – Defensor dos direitos dos negros e Prêmio Nobel ganha monumento grandioso em Washington

Enviado por / FonteDo R7

Milhares de americanos, com o presidente Barack Obama à frente, são esperados no próximo domingo (16), em Washington, para homenagear o defensor dos direitos dos negros e Prêmio Nobel da Paz, Martin Luther King, que terá um monumento inaugurado em sua memória.

A cerimônia deveria ter ocorrido no dia 28 de agosto, no 48º aniversário de seu famoso discurso “Eu tenho um sonho”, mas foi adiada devido ao furacão Irene, que atingiu a costa leste dos Estados Unidos.

Cerca de 50 mil pessoas são esperadas neste domingo, em vez das 300 mil aguardadas em agosto.

Já aberto ao público, o memorial Martin Luther King está localizado perto do National Mall, a imensa e prestigiada esplanada ao sul da Casa Branca, e vizinho aos memoriais erguidos em homenagem a Lincoln, Jefferson e Roosevelt.

Este é o primeiro monumento que honra uma pessoa negra e o único desta importância a ser dedicado a uma personalidade que não tenha sido um presidente dos Estados Unidos.

Obama, o primeiro presidente afro-americano eleito para ocupar a Casa Branca, pronunciará um discurso aos presentes, que, além da família King, incluirá diversas personalidades da política e da cultura, como a cantora Aretha Franklin e o estilista Tommy Hilfiger. Música, leitura de poemas e discursos marcarão a homenagem.

Martin Luther King é símbolo de luta pelos direitos civis

Martin Luther King, figura emblemática da luta pelos direitos civis e contra a segregação racial nos Estados Unidos, militante pacifista, foi assassinado no dia 4 de abril de 1968 aos 39 anos.

O memorial, dedicado ao pastor e a sua mensagem de “democracia, justiça, esperança e amor”, é um espaço aberto de 1,5 hectares a alguns metros do Lincoln Memorial, onde King pronunciou seu discurso mais famoso no dia 28 de agosto de 1963.

O espaço tem o formato de um arco margeando um lago, alimentado pelas águas do rio Potomac. Adornado com vários chafarizes, é dotado de um muro de 140 m de comprimento, no qual estão gravadas 14 frases de discursos pronunciados por Martin Luther King entre 1955 e 1968.

Um portal em forma de penhasco permite ingressar no espaço arborizado, em meio ao qual se levanta a “Pedra da esperança”. Desta pedra de granito branco emerge uma estátua de 9 m de altura que representa o pastor, com seus braços cruzados e olhando o horizonte, concebido pelo escultor chinês Lei Yixin.

O pastor de Atlanta nasceu no dia 15 de janeiro (de 1929), uma data lembrada a cada ano nos Estados Unidos desde 1986 com um feriado.

 

+ sobre o tema

Estado de saúde de Mandela se agrava e presidente sul-africano cancela viagem

O estado de saúde do ex-presidente da África do...

Após pesquisa, Fifa afirma que Copa 2010 foi “um sucesso”

Uma pesquisa realizada pela Fifa sobre a Copa...

Dona Jacira: “Pelo preconceito que sofri, cresceu uma fera dentro de mim”

Em Café, livro recém-publicado, a artista de 54 anos...

para lembrar

“Deusa da melanina”: senegalesa conquista a internet

Dona de uma cor impressionante, a modelo Khoudia Diop...

Milton Nascimento recebe título de doutor da Berklee College of Music

A cerimônia acontece neste sábado (7/5). Berklee, em Boston,...

Igrejas negras americanas crescem e figuram como referência na evangelização

Atualmente a importância da igreja negra americana tem crescido...

“Defrontamo-nos com a feroz urgência do agora” – Luther King é bom para a Humanidade

Na última terça-feira, 4 de abril, celebrou-se e problematizou-se...
spot_imgspot_img

Carnaval 2025: nove das 12 escolas do Grupo Especial vão levar enredos afro para a Avenida

Em 2025, a Marquês de Sapucaí, com suas luzes e cores, será palco de um verdadeiro aquilombamento, termo que hoje define o movimento de...

Dia 21, Maurício Pazz se apresenta no Instrumental Sesc Brasil

Maurício Pazz, paulistano, nos convida a mergulhar nos diferentes sotaques oriundos das diásporas africanas no Brasil. No repertório, composições musicais do próprio artista, bem...

iAMO lança seu programa de residência artística audiovisual durante Festival de Cannes

O Instituto Audiovisual Mulheres de Odun (iAMO), presidido pela cineasta Viviane Ferreira, anuncia na sexta-feira, 17 de maio, o lançamento do seu Programa de...
-+=