Mostra Mahomed Bamba exibe filmes nacionais e internacionais em parceria com Wolo TV

Enviado por / FonteEnviado ao Portal Geledés

Público poderá assistir às obras de 30 de outubro a 10 de novembro

A edição especial da Mostra de Cinemas Negros Mahomed Bamba exibe filmes nacionais e internacionais a partir do dia 30 de outubro, na plataforma de streaming Wolo TV. Os curtas brasileiros “Quantos Mais” e “O Último Grão de Areia” e o moçambicano “Nkwama” são algumas das obras que compõem a mostra. A programação completa estará disponível no site da MIMB.

O público poderá conferir as obras até o dia 10/11, gratuitamente, em www.wolo.tv.  Além da plataforma, primeira de streaming no Brasil e na América Latina com foco exclusivo para dramaturgia negra, são parceiros da edição Globo, VideoCamp, TVE Bahia, Hub Cultural, Olivieri Consultoria Jurídica, Rede Educare e Janela do Mundo.

A escolha da plataforma tem como objetivo a construção de pontes, como explica Daiane Rosário, diretora executiva da MIMB. “A hospedagem da MIMB Olhares Periféricos na Wolo TV representa o fortalecimento mútuo de iniciativas pretas. Nessa conexão construímos não só janelas de exibições para produções, mas potencializamos o consumo e o acesso a streamings gerenciados e exclusivos para conteúdo preto. A circularidade do mercado negro e visibilidade das nossas produções dependem de consumirmos os produtos dos nossos, seja ele uma pipoca ou a assinatura de uma plataforma virtual”, argumenta Daiane.

Divulgar e até apresentar o cinema preto brasileiro e da América Latina para o mundo é algo essencial para a cultura de maneira geral. “O movimento da MIMB é muito importante para a população negra em vários aspectos: primeiro porque a MIMB vem crescendo a cada ano e mostrando que o cinema realizado por pessoas negras, mesmo sendo tão pouco reconhecido e consumido, ele existe sim. Há um público buscando cada vez mais por conteúdo protagonizado e realizado por pessoas negras. Em segundo lugar, a conexão que a MIMB tem potencializado com outros países é muito importante para fortalecer os caminhos dos produtores do áudio visual negro no Brasil mundo a fora. Em particular tenho aprendido muito com esse movimento e é uma honra poder aprender que essas mulheres pretas que tanto admiro”, comenta Licinio Januário.

Com realização da produtora “Rosários Produções Artistícas”, a MIMB atravessa as barreiras sociais, raciais e do regionalismo que ainda estruturam a cadeia do cinema nacional e internacional. Cinco realizadoras negras seguem resistindo e protagonizando a cena do cinema, da Bahia para o mundo. Daiane Rosário, Loiá Fernandes, Kinda Rodrigues, Taís Amordivino e Júlia Moraes estão à frente de direção, produção, roteiro e programação, combatendo o racismo que promove a invisibilidade e a falta de incentivo.

A edição “MIMB – Olhares Periféricos” tem patrocínio da Lei de Incentivo à Cultura, do Fundo Nacional da Cultura por meio do Ministério do Turismo com apoio financeiro da Novelis.

** ESTE ARTIGO É DE AUTORIA DE COLABORADORES OU ARTICULISTAS DO PORTAL GELEDÉS E NÃO REPRESENTA IDEIAS OU OPINIÕES DO VEÍCULO. PORTAL GELEDÉS OFERECE ESPAÇO PARA VOZES DIVERSAS DA ESFERA PÚBLICA, GARANTINDO ASSIM A PLURALIDADE DO DEBATE NA SOCIEDADE.

+ sobre o tema

Ben Affleck pediu segredo sobre antepassados que eram donos de escravos

Segundo e-mail revelado pelo WikiLeaks, ator solicitou que programa...

Lázaro Ramos lança álbum para crianças

Em entrevista à CRESCER, nosso colunista Lázaro Ramos revela...

Alagoas prorroga estado de emergência e calamidade em cidades afetadas pela chuva

O governo de Alagoas publicou nesta quarta-feira um decreto...

KBELA é selecionada para Festival de Roterdâ

Kbela e mais 14 títulos brasileiros estarão na programação...

para lembrar

1º Prêmio Abdias Nascimento – Televisão – Vera Valério, Quilombola TV Educativa-AL

A TV Educativa de Alagoas (TVE), emissora do Instituto...

Revista New African designa 100 Africanos mais influentes

A New African, uma revista africana, divulgou no seu...

Beyoncé ganha parabéns de Diana Ross em show da Renaissance Tour e se declara: ‘Não existiria sem você’

Beyoncé completou 42 anos na última segunda-feira (4) e comemorou...
spot_imgspot_img

Dia 21, Maurício Pazz se apresenta no Instrumental Sesc Brasil

Maurício Pazz, paulistano, nos convida a mergulhar nos diferentes sotaques oriundos das diásporas africanas no Brasil. No repertório, composições musicais do próprio artista, bem...

Spcine marca presença no Festival de Cinema de Cannes 2024 com ações especiais

A Spcine participa Marché du Film, evento de mercado do Festival de Cinema de Cannes  2024 e um dos mais renomados e influentes da...

Inéditos de Joel Rufino dos Santos trazem de volta a sua grandeza criativa

Quando faleceu, em 2015, Joel Rufino dos Santos deixou pelo menos dois romances inéditos, prontos para publicação. Historiador arguto e professor de grandes méritos, com...
-+=