Entretenimento

    O desafio que ganhou projeção à escala global não está isolado da atualidade noticiosa e está antes intimamente associado ao movimento "Black Lives Matter" que alcançou outra magnitude após a morte de George Floyd © Instagram

    #VogueChallenge. Este desafio é de todos e pede mais diversidade na indústria da moda

    Basta procurar pela hashtag #VogueChallenge no Instagram que em menos de nada surgem mais de 150 mil publicações. Por todo o mundo pessoas estão a recriar capas da Vogue com um objetivo claro: promover a diversidade na indústria da moda. O desafio foi originalmente criado no início de junho por uma estudante em Oslo, quando Salma Moor publicou nas redes sociais uma capa daquela que é considerada a bíblia da moda feita com uma fotografia sua. Na legenda estava a seguinte mensagem: “Ser negra não é um crime”. Click for a suprise, edit by me🖤 #BLM #BlackLivesMatter pic.twitter.com/aYxfis9uoo — S Λ L M Λ 🪐 (@capricornbbyy1) June 2, 2020 O desafio que ganhou projeção à escala global não está isolado da atualidade noticiosa e está antes intimamente associado ao movimento “Black Lives Matter” que alcançou outra magnitude após a morte de George Floyd às mãos da polícia no passado dia 25 de maio — os protestos...

    Leia mais
    A supermodelo Naomi Campbell é conhecida por quebrar barreiras na indústria da moda(Foto: PASCAL LE SEGRETAIN/GETTY IMAGES)

    Naomi Campbell comemora 50º aniversário rodeada de centenas de flores

    Naomi Campbell completou 50 anos na última sexta-feira (22) e celebrou em grande estilo: rodeada de centenas de flores. Em foto publicada hoje no Instagram, ela agradeceu fãs, amigos e familiares: "Primeiro, gostaria de dizer MUITO OBRIGADA por todo o amor, desejos e bênçãos de aniversário! Sou muito grata por ter pessoas incríveis na minha vida, e grata por todos os meus 50 anos neste belo mundo", escreveu a supermodelo. "Sinceramente não achei que chegaria aqui, e serei eternamente grata àqueles que me apoiaram no pior e no melhor, nos altos e baixos, e a minha família de recuperação, que me mantém focada, que fica discretamente ao meu lado. Até agora, minha jornada tem sido extremamente colorida, sempre me lembrando de que sou uma obra inacabada, crescendo e aprendendo todos os dias." Naomi completou: "Sem vocês eu não estaria aqui, não teria Naomi. E a vocês (vocês sabem quem são),...

    Leia mais
    Divulgação

    Festival reúne mulheres percussionistas para apresentações em casa

    O encontro musical que reúne mulheres percussionistas para apresentações artísticas, oficinas e diálogos sobre música, corpo e saúde, este ano propõe um xirê-virtual com percussionistas de várias cidades brasileiras. Realizada nos anos de 2018 e 2019 nas ruas e espaços culturais das cidades de Cachoeira e São Félix, no Recôncavo da Bahia, a edição 2020 acontece nos dias 28 e 29 de maio e as performances serão a partir da casa de cada artista convidada, transmitidas pelo perfil @yakurinxire nas redes sociais. Na programação deste ano estão nomes como Nânan Matos (The Voice Brasil), Mestra Janja, Mônica Millet, Mesta Jociara, Verônica Bonfim entre outras. Em iorubá, Yakurin significa ‘Mulheres que tocam’ e Xirê, ‘festa’. A promessa é de que este ano as entregas serão muitas: apresentação musical; história dos instrumentos percussivos; canto; performances múltiplas que expressam a relação corpo-música-percussão-saúde. As percussionistas, cantoras e pesquisadoras Emillie Lapa...

    Leia mais
    Laura Harrier é Camille em 'Hollywood' Imagem: Divulgação/Netflix

    Laura Harrier, a atriz que virou primeira protagonista negra em ‘Hollywood’

    Em "Hollywood", a minissérie de Ryan Murphy que conta outra versão da história do cinema, cabe à atriz Camille Washington a missão de quebrar barreiras, se tornando a primeira protagonista negra de um blockbuster, bem na Era de Ouro do cinema americano. Camille é uma personagem fictícia, mas a atriz que a interpreta, Laura Harrier, teve uma inspiração bem real —e achou poderosa a experiência de poder quebrar tantas barreiras na história. Em uma conversa exclusiva com o UOL, Harrier (que pôde ser vista recentemente em "Infiltrado na Klan", de Spike Lee) falou sobre seus exemplos e inspirações, o poder da representatividade e como foi unir verdade e ficção na minissérie de Murphy, que coloca personagens como Camille ao lado de figuras bem reais como Rock Hudson. Inspiração Dorothy Dandridge no filme 'Carmen Jones' (1954) Imagem: 20th Century-Fox/Getty Images A maior inspiração de Laura para Camille...

    Leia mais
    Reprodução

    Pela 1ª vez, quatro mulheres negras dominam o topo da Billboard Hot 100

    A música "Say So", de Doja Cat, chegou ao primeiro lugar na lista Hot 100 da Billboard. Na semana passada, o hit estava em 6º — o lançamento do remix com Nicki Minaj foi o que deu o impulso até o topo das paradas. Em segundo lugar, também está um remix: "Savage", de Megan Thee Stallion com Beyoncé. A ascensão dos dois hits representa um marco histórico: é a primeira vez desde a criação da Billboard que os dois primeiros lugares são ocupados por quatro mulheres negras. "Não consigo agradecer o suficiente por vocês se esforçarem tanto essa semana para nos ajudarem a fazer história. Eu vi tudo. Vocês nunca vão entender o quanto vocês me animam com todo o amor e apoio que sempre demonstram. Os amo tanto. Muito mesmo. Querida Doja Cat, obrigada por confiar em mim com o seu bebê. Espero ter atendido às suas expectativas. Você...

    Leia mais
    Foto: Nilma Roza

    Ator que fez o Buscapé, de ‘O cravo e a rosa’, tem sua própria escola de teatro, comprou casa e sítio

    Luiz Antônio do Nascimento foi um dos principais atores mirins da TV na pele do personagem Buscapé, na novela "O cravo e rosa", exibido no ano 2000. O ator hoje aos 31 anos e casado com a cineasta Lívia Santhiago, contou um pouco de sua trajetória nas novelas "A padroeira", " Malhação" e "Chocolate Com Pimenta" e como criou oportunidades nas dificuldades. "Fiz muitas novelas, durante muito tempo, e aí teve um determinado momento do déficit, da falta de trabalhos para o meu perfil. Foi quando o Pedrinho me pegou no colo e disse: 'Luizinho, o seu perfil é muito específico. Não adianta você achar que daqui a pouco as pessoas vão te achar lindão, que você vai ter altura, que você não vai ter. Então, vai estudar técnica, que isso vai ser a base que vai te manter dentro da sua arte'. Eu tinha uns 17 anos na época...

    Leia mais
    Teresa Cristina em show no Theatro Net Rio, no Rio dee Janeiro, em 2019, durante gravação do DVD (Foto: Marcos Hermes)

    Teresa Cristina reúne fãs todas as noites para cantar, conversar e paquerar

    Em meados de março, Teresa Cristina decidiu fazer sua primeira live nas redes sociais. Agora, a cantora e o público se acostumaram com o encontro diário, um novo hábito, como o uso de máscaras e lavar pacotes de arroz na chegada do mercado. As apresentações começam já tarde da noite e, por vezes, invadem a madrugada, atraindo centenas de fãs, anônimos e famosos, como a atriz Maria Ribeiro, a escritora Conceição Evaristo e as cantoras Simone e Anitta. Enquanto o "Big Brother Brasil" estava no ar, Teresa Cristina começava a cantar só depois do reality, e o horário se manteve. “Eu comecei a ficar com um quadro muito próximo do de depressão, muito preocupada com a saúde da minha mãe, que é grupo de risco, e com a falta de trabalho, pois vivo de fazer show. Botar a cabeça no travesseiro e dormir é muito difícil”, diz a cantora. Como...

    Leia mais
    Niles Fitch (Foto: Vince Bucci/Invision for the Television Academy/AP Images)

    Niles Fitch vai interpretar o primeiro príncipe negro em live action da Disney

    A Disney terá o seu primeiro príncipe negro em um filme live action: o príncipe Tuma no longa Secret Society of Second Born Royals, ainda sem tradução para o português. O ator Niles Fitch, da série This is Us, vai interpretar o papel. O filme deve estrear ainda em 2020 na plataforma de streaming Disney+.  Niles Fitch compartilhou em seu perfil no Twitter que está orgulhoso do pioneirismo e postou fotos do filme: "Deem as boas vindas ao primeiro príncipe negro da Disney", escreveu o ator. Welcome Disney’s first Black prince @disneyplus pic.twitter.com/IuwbkvRVlq — Niles Fitch (@nilesfitch) April 18, 2020 Na trama de Secret Society of Second Born Royals, o príncipe Tuma será um dos colegas da protagonista Sam, interpretada por Peyton Elizabeth Lee, que entra para um programa de treinamento para jovens membros de famílias reais ao redor do mundo, cuja missão é salvar o mundo. A Disney já teve um príncipe negro na animação, o príncipe Naveen...

    Leia mais
    Reprodução/Instragram

    BBB 20: Thelma supera famosos e vence edição histórica com 44,10% dos votos

    Ilustração: C r i c a  M o n t e i r o Thelma Assis, 35, é a grande vencedora do Big Brother Brasil 20. Com 44,10% dos votos, a médica venceu a disputa, na noite desta segunda-feira (27), contra a influenciadora digital Rafa Kalimann, que teve 34,81%, e contra a cantora Manu Gavassi, com 21,09%. Ela levou para a casa o prêmio de R$ 1,5 milhão. O resultado já tinha sido apontado em enquete com leitores do F5. A médica era a única sobrevivente do jogo entre aqueles que se inscreveram para participar do BBB –Rafa e Manu entraram como convidadas. “Uma temporada histórica como essa não podia terminar sem uma vitória histórica. Esse prêmio só pode ser seu, esse prêmio tem que ser seu, Thelma", disse Tiago Leifert ao anunciar a vitória. O apresentador se emocionou algumas vezes durante o último programa,...

    Leia mais
    Taís Araujo e Lázaro Ramos em 'Mister Brau'; e Octavia Spencer em 'Self made' (Foto: Divulgação TV Globo e Netflix)

    Especial quarentena: séries com protagonistas negros

    Octavia Spencer protagoniza brilhantemente a obra que mostra a história de Madam C.J. Walker, primeira mulher negra a se tornar milionária nos EUA, no início do século 20. A produção inspira essa lista com obras protagonizadas por personagens que lutaram contra o racismo em suas diversas áreas de atuação. Pioneirismo História verdadeira que aconteceu no início do século XX, "Self made" mexe com antigas batalhas que seguem atuais: aborda a segregação, o racismo, o colorismo e o feminismo. Entre os méritos da série estão: a dimensão humana da personagem central, figurinos e cenografia de qualidade, um formato agradável (quatro episódios de menos de uma hora) e um elenco que, por si, já vale a viagem. Cotação: Ótima Onde: Netflix Crime e História Em “Quem matou Malcolm X?”, de seis episódios curtos (cerca de 40 minutos), o espectador acompanha uma trama de investigação misturada a um enredo sobre crimes da vida...

    Leia mais
    Rachel Murray/Getty Images

    Viola Davis fala sobre despedida de ‘How to Get Away with Murder’

    Com a segunda parte da última temporada já lançada nos Estados Unidos (e com previsão de sair este semestre na Netflix do Brasil), “How to Get Away with Murder” se despede de seus seguidores após seis anos de televisão. Em Pasadena, na Califórnia, o Metro Jornal teve a oportunidade de conversar com Viola Davis, atriz que demonstrou nesses últimos anos seu imenso talento de atuação na série produzida por Shonda Rhimes. No  Metro Internacional Viola DavRachel Murray/Getty Images Na série, ela interpreta Annalize Keating, uma sofisticada e inteligente professora de direito. Quando seus alunos a envolvem em um assassinato, ela tem que usar seu talento para desmascará-los. Confessando que Keating foi uma alegria e um desafio – devido à profundidade da personagem –, Davis admite que esse foi o tipo de papel que uma mulher da idade dela (54 anos) geralmente não tem chance de interpretar....

    Leia mais
    Imagem retirada do site Rap Mais

    Snoop Dogg posta vídeo ouvindo Alcione e cantora manda mensagem para o rapper

    Ele escolheu a música 'Você me vira a cabeça'. Outros famosos também comentaram na publicação; veja VÍDEO Do G1 Depois de Cardi B ouvindo Zezé di Camargo e Luciano, mais um rapper americano surpreendeu os fãs ao colocar para tocar um clássico da música brasileira. Snoop Dogg apareceu nesta terça-feira (21) em um vídeo ouvindo Alcione. Ele escolheu a música "Você me vira a cabeça".   Ver essa foto no Instagram   Uma publicação compartilhada por snoopdogg (@snoopdogg) em 20 de Abr, 2020 às 8:26 PDT A própria cantora comentou no post do Instagram do cantor. Ela mandou vários emojis de beijo. Outros famosos também deixaram recados na publicação. Entre eles, Maria Gadu, Duda Beat, Alice Caymmi e Mano Brown, que escreveu: "Viva! Grande Alcione". Anitta, que trabalhou em parceria com Snoop na música "Onda diferente", também comentou: "Eu não acredito que você está ouvindo a rainha Alcione".

    Leia mais
    Teresa Cristina

    Lives da cantora Teresa Cristina proporcionam samba, alegria e flertes virtuais

    A expressão “o samba cura’’ nunca fez tanto sentido quanto neste momento de isolamento social. Teresa Cristina é um exemplo disso. Durante a quarentena, a cantora tem realizado lives todas as noites no seu Instagram e proporcionado ao público momentos intimistas e calorosos. Calorosos mesmo! Além de um repertório diversificado, a sambista também tem possibilitado aos seus seguidores a chance de ganhar um dengo virtual. A brincadeira surgiu a partir de um trocadilho feito por um internauta, que enviou por mensagem: “Eu vou dormir com você hoje, com todo respeito”. Na mesma hora, Teresa respondeu: “Pode ser sem respeito também”. Foi o suficiente para atiçar os ânimos de quem assistia e transformar o momento em meme, que rendeu mais de 700 mil visualizações. Por Amanda Pinheiro, do Extra  Teresa Cristina Imagem retirada do site Extra — Foi muito engraçado e inesperado. Eu me emocionei, porque tinha terminado de...

    Leia mais
    Divulgação/Sipad

    De quarentena em casa? Videoteca da UFPR permite conhecer intelectuais negros e temáticas raciais

    Conhecer as temáticas étnico-racionais do Brasil está no alcance das mãos com a videoteca virtual indicada pelo Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros (Neab) e da Superintendência de Inclusão, Políticas Afirmativas e Diversidade (Sipad) da Universidade Federal do Paraná (UFPR). A programação com dez vídeos foi elaborada para ajudar em uma campanha da superintendência em defesa da quarentena durante a pandemia do novo coronavírus. Na Universidade Federal do Paraná (UFPR) Imagem: Divulgação/Sipad A lista pode ser acessada neste link. A programação conta com entrevistas de personalidades negras ao programa Persona, da UFPR TV, entre as quais estão intelectuais da área de educação, como Petronilha Beatriz Gonçalves e Silva, e Nilma Lino Gomes; e escritores, como Oswaldo de Camargo. Pesquisa Também foram selecionados edições do programa Em Tese, no qual são entrevistados pesquisadores. São abordados temas como educação infantil, literatura infanto-juvenil e interseccionalidade com questões de gênero. Há ainda vídeos...

    Leia mais
    blank

    Sambista da Vez – Websérie para tempos de isolamento

    SEGUNDA TEMPORADA DA WEBSÉRIE SAMBISTA DA VEZ - RICARDO BARRÃO Em tempos de isolamento social para conter a pandemia do coronavírus, muita gente anda carente das rodas de samba e dos sambistas de Belo Horizonte e região metropolitana. Para aliviar um pouco a barra e matar a saudade, o Almanaque do Samba - A Casa do Samba de Minas Gerais lança nesta segunda-feira (6), em seu canal no Youtube, a segunda temporada da websérie SAMBISTA DA VEZ. O convidado é o cantor e compositor Ricardo Barrão, um dos grandes nomes do samba de Minas Gerais. por Zuzileison Moreira para o Portal Geledés Como compositor, Barrão tem músicas gravadas por Agepê, Neguinho da Beija Flor, Salgadinho, Almir Guineto, Almirzinho, Eliana de Lima, entre outros artistas . Irmão de outro bamba, Fabinho do Terreiro, compôs com Toninho Geraes o Samba na Veia. A gravação da websérie contou com vários convidados em 2019,...

    Leia mais
    Rihanna (foto: François Mori/ AP)

    Rihanna explica atraso para do novo disco: “Vou lançar quando estiver afim”

    A diva pop também disse que quer ter de 3 a quatro filhos na próxima década Na Rolling Stone Rihanna (Foto: François Mori/ AP) Rihanna falou recentemente em uma entrevista ao site British Vogue sobre a antecipação para o nono disco que ela não irá lançá-lo até que esteja satisfeita. A cantora de "Work", cujo último álbum foi Anti, de 2016, disse que "não há regras" e "não há formato" no que diz respeito a fazer seu novo disco. "Não quero que meus álbuns pareçam temas", disse Rihanna. "Não há regras. Não há formato. Há apenas boa música e vou lançar quando estiver afim. ” Ela confirmou com o entrevistador que haverá músicas influenciadas pelo reggae no disco, mas sugeriu que não seria totalmente dedicado a esse gênero, como relatado anteriormente. “Sinto que não tenho limites. Fiz tudo - fiz todos os hits, tentei todos os...

    Leia mais
     Advogada, ativista do movimento de mulheres negras e de direitos humanos e ensaísta nas horas vagas.

    Madam C.J Walker e os cabelos crespos : de tetos oprimidos a reinveções de si.

    “ Fazer as pazes conosco parece-se, penso para comigo, com fazer as pazes com a nossa ascendência, como se estarmos bem na nossa pele adviesse do apaziguamento de termos uma família. Separam-se então as forças — à estética o que é da estética, à moral o que é da moral — para no instante seguinte nos depararmos com a maneira como tal separação de forças não pode ter lugar.” (Djamila Almeida , Esse Cabelo , 2017) Por Allyne Andrade e Silva, enviado para o Portal Geledés   Elenco Yabá: Mulheres Negras (Foto: Nathália dos Anjos) Ontem, assisti de uma tacada só a minissérie do Netflix da Madame CJ Walker. O seriado conta a brilhante história de CJ Walker e entremeia temas como colorismo, machismo, lesbofobia, solidão da mulher negra, racismo, ética no empreendedorismo, alcoolismo, liberdade. A série me trouxe algumas reflexões e desejos de provocações. A...

    Leia mais
    Foto de Donald Glover via Shutterstock

    Donald Glover lança disco surpresa com nomes como Ariana Grande

    "Donald Glover Presents" é o nome do álbum secreto liberado por Childish Gambino Por Tony Aiex, do Tenho Mais Discos Que Amigos Foto de Donald Glover via Shutterstock Eita que Donald Glover resolveu agraciar o mundo em quarentena com canções inéditas. O ator que na música atende pelo nome de Childish Gambino disponibilizou um site chamado “Donald Glover Presents”, e por lá está apresentando novas canções em loop. De acordo com a Pitchfork, estão no álbum nomes como Ariana Grande, 21 Savage e, segundo informações de fãs, a talentosa SZA. “Feels Like Summer”, lançada por Gambino em 2018, também está sendo tocada. Donald Glover e Childish Gambino Vale lembrar que em um passado recente Donald disse que iria aposentar a persona de Childish Gambino, mas não o fez oficialmente. Seu último disco é o mega elogiado “Awaken, My Love!”, de 2016, e depois disso ele lançou...

    Leia mais
    (foto: Juliana Barbosa Pereira/Editora Nova Fronteira/Divulgação)

    ‘O pequeno príncipe preto’ traz menino negro ao protagonismo da narrativa

    Obra literária infantil, de Rodrigo França, coloca a criança negra no papel de protagonista do clássico Por Adriana Izel, do Correio Braziliense  (foto: Juliana Barbosa Pereira/Editora Nova Fronteira/Divulgação) Um dos livros mais lidos e conhecidos do mundo, o clássico O pequeno príncipe, de Antoine de Saint-Exupéry, foi o ponto de partida para a obra O pequeno príncipe preto, que ganhou uma versão literária em 2020 pela Editora Nova Fronteira após dois anos em cartaz nos palcos de teatro e ter sido assistido por 60 mil pessoas. Escrito pelo ator, diretor, dramaturgo, artista plástico e articulador cultural Rodrigo França, o livro nasceu da necessidade de colocar uma criança negra no papel de protagonista. “É difícil encontrar personagens na literatura infantil de meninos e meninas negros. É uma provocação, porque não há príncipes e princesas negros”, conta em entrevista ao Correio. O pequeno príncipe preto tem três pontos...

    Leia mais
    Cenas da rapper Lena Silva e sua mãe durante o vídeo clipe "Solidão Mãe".

    Relação ancestral entre mãe e filha é tema do novo clipe da rapper Lena Silva

    "Solidão Mãe" retrata o amor de mãe, filha e a vida de muitas mulheres negras e nordestinas, que sozinhas, lutam para criar seus filhos. Por Thais Siqueira, do Desenrola E Não Me Enrola Cenas da rapper Lena Silva e sua mãe durante o vídeo clipe "Solidão Mãe". (Foto: Jordan Fields) Com muito amor, dedicação e ancestralidade envolvida no desenvolvimento de uma composição autoral, a rapper Lena Silva lança nesta quinta-feira, (12), no mês que é celebrado o dia internacional das mulheres, o videoclipe "Solidão Mãe", para homenagear sua mãe, Marilene Pereira da Silva, 60 anos, mulher preta, nordestina e periférica que carrega consigo as marcas da deficiência auditiva, fator que segundo Silva nunca interferiu na comunicação entre mãe e filha. "Solidão Mãe" retrata o amor de mãe, filha e a vida de muitas mulheres negras e nordestinas, que sozinhas, lutam para criar seus filhos. A rapper...

    Leia mais

    Últimas Postagens

    blank

    Artigos mais vistos (7dias)

    Instagram

    Twitter

    Facebook

    Welcome Back!

    Login to your account below

    Create New Account!

    Fill the forms bellow to register

    Retrieve your password

    Please enter your username or email address to reset your password.

    Add New Playlist