segunda-feira, setembro 28, 2020

    África e sua diáspora

    Foto: Reprodução/Change.org

    Em vídeo, liderança e influencers narram drama de quilombolas do MA

    Mais de 10 mil vidas pretas, ameaçadas pelas obras de duplicação de uma rodovia federal no Maranhão, podem ser “expulsas” de seus territórios. Numa tentativa de barrar a violação dos direitos do povo quilombola, militantes do movimento negro juntaram-se a lideranças para denunciar violações e pedir o engajamento da sociedade na luta. A ação consta de um vídeo divulgado pela plataforma Change.org na última terça-feira, dia 22. O vídeo, que está publicado nas redes sociais da organização, faz parte de uma campanha que visa ampliar a visibilidade de mobilizações que tratam da temática antirracista. Participam da peça importantes ativistas e influenciadores do movimento negro do país na atualidade, como a rapper e historiadora Preta Rara, a militante do movimento por moradia Preta Ferreira e a transfeminista e educadora decolonial Maria Clara Araújo. “Se a duplicação da BR-135 acontecer, a gente tá falando da expulsão de mais de 10 mil pessoas,...

    Leia mais
    Jalil Muntaqim (The Guardian)

    Ex-Pantera Negra será libertado após mais de 49 anos na prisão

    Um ex-Pantera Negra que está na prisão há quase meio século finalmente venceu sua batalha de décadas pela liberdade depois que um conselho de liberdade condicional de Nova York ordenou sua libertação. Jalil Muntaqim, também conhecido como Anthony Bottom, está sob custódia ininterrupta há mais de 49 anos, tendo sido preso e posteriormente condenado pelos assassinatos de dois policiais em 1971 no Harlem. De acordo com os termos de sua liberdade condicional, ele deve ser libertado da penitenciária de segurança máxima de Sullivan no interior do estado de Nova York até 20 de outubro. Em uma audiência no início deste mês – pelo menos sua 10ª participação em um painel desde que se tornou elegível para liberdade condicional em 1998 – Muntaqim expressou seu remorso pelas mortes de Joseph Piagentini e Waverly Jones. Os policiais responderam ao que acreditaram ser uma chamada de disputa doméstica, mas foram emboscados e fuzilados....

    Leia mais
    Foto de Lauryn Hill via Shutterstock

    Lauryn Hill tem o melhor disco de Rap da história segundo a Rolling Stone

    A incrível Lauryn Hill acaba de ser coroada como a artista que tem o melhor disco de rap da história. Com a atualização da lista dos 500 maiores álbuns de todos os tempos divulgada pela revista Rolling Stone americana nesta semana, a ex-vocalista do Fugees teve seu trabalho citado entre as dez primeiras posições do ranking. The Miseducation of Lauryn Hill ficou justamente na décima colocação da tabela, inclusive à frente do disco dos Beatles que liderava a lista original feita em 2003, atualizada em 2012 e agora novamente. O material lançado em 1998 contou com composições e produção da artista e chegou a ganhar o Grammy. Com fortes traços do Hip Hop, também incorpora elementos de Soul e R&B. Lauryn Hill Justificando sua escolha, a publicação escreveu que o trabalho de Lauryn Hill deixou um legado profundo por ter sido feito numa época em que pop estava se tornando...

    Leia mais
    Imagem retirada do site Racismo Ambiental

    Antônio Bento de Souza e Castro: O Chefe dos Caifazes

    Escrita por Luiz Antônio Muniz de Souza e Castro, seu bisneto, e por Debora Fiuza de Figueiredo Orsi, “A Redenção de Antônio Bento” (Reality Books) é a primeira biografia do juiz branco abolicionista que ajudava negros escravizados a fugirem do cativeiro em São Paulo. No texto abaixo, o autor fala um pouco sobre ele: “Sem dúvida alguma somos, Débora e eu, hoje no Brasil as pessoas mais habilitadas a falar sobre Antônio Bento, meu bisavô, depois de mais de uma década de pesquisas sobre a obra e vida deste herói tão pouco valorizado pela historiografia do Brasil. Podemos garantir que os leitores e estudiosos ficarão encantados com o que encontrão na biografia, pois nem só conhecerão detalhes que até hoje permaneceram sepultados em documentos da época, como também vem de forma definitiva esclarecer equívocos sobre sua vida que por falta de pesquisa foram sendo repetidos ao longo dos anos. “Esse descuido, perdoável...

    Leia mais
    Ativista congolês Mwazulu Diyabanza, em Paris Foto: ELLIOTT VERDIER / NYT

    Para protestar contra o colonialismo, ativista congolês retira artefatos de museus

    No início de uma tarde de junho, o ativista congolês Mwazulu Diyabanza visitou o Museu Quai Branly, que guarda tesouros das antigas colônias da França. Acompanhado de quatro pessoas, caminhou pelas coleções africanas do museu parisiense, admirando os tesouros expostos. Mas o que começou como uma visita comum logo se transformou numa demonstração ruidosa, quando Diyabanza começou a denunciar o roubo cultural da era colonial, enquanto um de seus colegas filmava o discurso e o transmitia ao vivo via Facebook. Com a ajuda de outro membro do grupo, ele pegou uma peça funerária de madeira do século 19, de uma região que agora está no Chade ou Sudão, e se dirigiu para a saída. Os guardas do museu o pararam antes que ele pudesse sair. No mês seguinte, na cidade de Marselha, no sul da França, Diyabanza pegou um artefato do Museu de Artes Africanas, Oceânicas e Nativas Americanas em...

    Leia mais
    Representantes de religiões de matriz afrobrasileira comemoram transferência de acervo apreendido ao Museu da República Foto: Cleber Rodrigues/CNN (21.set.2020)

    Acervo religioso apreendido há 130 anos é transferido para museu no Rio

    O Museu da República, no Rio, recebeu nesta segunda-feira (21) mais de quinhentas peças de religiões de matriz afro-brasileiras. O acervo, que inclui atabaques, pedras e imagens sacras, havia sido apreendido por forças policiais entre os anos de 1889 e 1945, durante invasões do estado, como repressão contra as comunidades de terreiro. As peças foram tombadas pelo Iphan (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional) e estavam sob tutela da Secretaria de Polícia Civil do Rio até agosto de 2020, quando o Ministério Público Federal, assinou um acordo com o governo do estado para a transferência do acervo para o Museu da República, no bairro do Catete, na zona sul do Rio. “Essa cessão é fundamental. É um capítulo relevante na reparação em relação a realidade das religiões de matrizes africanas no Brasil. É inadmissível que, em pleno o século 21, a gente ainda convivesse com essa situação de ter...

    Leia mais
    Uzo Aduba ganhou prêmio de Melhor Atriz Coadjuvante em Minissérie por 'Mrs. America' Reprodução/TNT

    Emmy 2020 bate recorde de mais vitórias por atores negros

    O Emmy Awards 2020 bateu o seu próprio recorde nesta premiação. Sete artistas negros levaram estatuetas para casa, superando o recorde anterior de seis há dois anos. Regina King, Yahya Abdul-Mateen II (ambos de "Watchmen"), Uzo Aduba (de "Mrs. America" ) e Zendaya (de "Euphoria") foram premiados durante a cerimônia de hoje. Eles se juntam a Eddie Murphy, Maya Rudolph e Ron Cephas Jones, que foram premiados no último sábado (19). A vitória de Regina King como Melhor Atriz em Minissérie registrou um marco importante: ela empatou o recorde de maior número de Emmys ganhos por um artista negro, com quatro. Agora compartilha a marca com Alfre Woodard. Seus Emmys são acumulados desde 2015 e são de diferentes funções. Já Zendaya, que conquistou a estatueta de Melhor Atriz em Série Dramática, atingiu a marca de atriz mais jovem a vencer a categoria e a segunda artista negra desta seleção a...

    Leia mais
    Imagem retirada do site IAB

    IAB aprova em sessão histórica parecer favorável à reparação da escravidão

    A advogada encaminhará o parecer aos presidentes do Senado, Davi Alcolumbre, da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, e do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (CFOAB), Felipe Santa Cruz; ao ministro da Justiça e Segurança Pública, André Mendonça, e ao ministro-chefe da Casa Civil, general Braga Netto. Conforme o documento, “o objetivo da reparação da escravidão é reconstruir o modo de funcionamento da democracia brasileira e garantir a igualdade étnica-racial no exercício da cidadania, tendo como base o respeito à dignidade humana e o reconhecimento dos traumas da escravidão negra”. Os membros da comissão realizaram uma profunda análise jurídica da causa e das consequências do racismo estrutural e institucional. Eles discutiram a adoção de medidas que possam extinguir os resquícios da escravidão do cotidiano do País. Segundo Humberto Adami, “o parecer apresenta os fundamentos que legitimam a reparação da escravidão e destaca importantes ações afirmativas já adotadas, como...

    Leia mais
    LeBron James, do Los Angeles Lakers, contra o Portland Trail Blazers no quinto jogo da série nos playoffs da NBA-2020 Imagem: Kevin C. Cox/Getty Images/AFP

    LeBron James bate recorde e é selecionado para time da NBA pela 16ª vez

    O astro LeBron James estabeleceu uma nova marca na NBA. O jogador foi selecionado para a equipe da temporada da competição pela 16ª vez, superando Kareem Abdul-Jabbar, Kobe Bryant e Tim Duncan, todos com 15 eleições. Ao todo, LeBron soma 13 seleções para o primeiro time, duas para o segundo e uma para o terceiro. No primeiro time da temporada 2019/2020, LeBron foi eleito de forma unânime, assim como Giannis Antetokounmpo, do Milwaukee Bucks. James Harden (Houston Rockets), Anthony Davis (Lakers), Luka Doncic (Dallas Mavericks) completam o quinteto. LeBron James earns his NBA RECORD 16th All-NBA Team [email protected] passes 15-time All-NBA Team selections Kareem Abdul-Jabbar, Kobe Bryant and Tim Duncan. pic.twitter.com/WPyLXq7gFD — NBA (@NBA) September 16, 2020 O segundo time conta com: Kawhi Leonard (Los Angeles Clippers), Nikola Jokic (Denver Nuggets), Damian Lillard (Portland Blazers), Chris Paul (Oklahoma City Thunder) e Pascal Siakan (Toronto Raptors).   Ver essa foto no...

    Leia mais
    Estátua do ex-rei belga Leopoldo II é coberta por tinta vermelha com uma marca do movimento Black Lives Matter em Bruxelas, na Bélgica. (Foto: FRANCOIS WALSCHAERTS / AFP)

    Europa reluta em indenizar a África pela colonização

    Em plena fúria global contra o racismo sistêmico, Burundi, um pequeno país na região dos Grandes Lagos africanos, anunciou que solicitará a seus antigos colonizadores, Alemanha e Bélgica, uma indenização de 36 bilhões de euros ― cerca de 225 bilhões de reais ― e a devolução de objetos roubados. Um grupo de especialistas composto por historiadores e economistas trabalhou desde 2018 para avaliar os danos econômicos sofridos pelo país durante o período colonial (1890-1962) e, com base nesse relatório, o Governo burundês prepara uma queixa formal, conforme anunciou o presidente do Senado local, Reverien Ndikuriyo. Os acadêmicos burundeses levaram em conta não só “os trabalhos forçados” e as penas “desumanas, cruéis e degradantes” impostas à população local durante a colonização mas também consideraram as consequências das políticas colonizadoras em longo prazo, com efeitos posteriores à independência. Especialmente, o decreto de 1931, que classificou a população em três grupos étnicos e...

    Leia mais
    Frederick 'Toots' Hibbert (Foto: DOUGLAS MASON/GETTY IMAGES)

    Morre Frederick ‘Toots’ Hibbert, pioneiro do reggae, aos 77 anos

    Lenda do reggae, Frederick 'Toots' Hibbert, cantor fundador da banda Toots And The Maytals, morreu na última sexta-feira (11), aos 77 anos. O músico estava internado com coronavírus em um hospital em Kingston, na Jamaica. Em um comunicado, a família do artista anunciou: "É com com o coração pesado que anunciamos que Frederick Nathaniel 'Toots' Hibbert faleceu pacificamente esta noite (sexta-feira, dia 11), cercado por sua família, no Hospital Universitário das Índias Ocidentais, em Kingston, Jamaica". Pioneirismo Ao incorporar elementos de ska jamaicano, gospel, soul, R&B e rock and roll, Hibbert foi reconhecido como um dos criadores do reggae. A música "Do the Reggay", do Toots And The Maytals, de 1968, foi a primeira música a usar a palavra "reggae" e acabaria por batizar o gênero musical. No início dos anos 1960, Hibbert formou The Maytals ao lado de seus colegas vocalistas Henry “Raleigh” Gordon e Nathaniel “Jerry” Mathias e...

    Leia mais
    Will Smith anuncia que versão dramática de 'Um maluco no pedaço' vai ter 2 temporadas — Foto: Reprodução/YouTube/Will Smith

    Will Smith anuncia em vídeo que versão dramática de ‘Um maluco no pedaço’ vai ter 2 temporadas

    Will Smith anunciou nesta terça-feira (8) que a versão dramática de "Um maluco no pedaço", chamada de "Bel-Air", vai ter pelo menos duas temporadas. Em vídeo um publicado em seu canal no YouTube, o ator afirmou que o projeto, criado a partir de um trailer falso de 2019, foi comprado pela plataforma de vídeos americana Peacock. O vídeo original, dirigido por Morgan Cooper, mostrava uma versão mais séria e dramática da história estrelada por Smith nos anos 1990, com um jovem da Filadélfia que é mandado para a casa dos tios ricos em Los Angeles após se meter em apuros. A publicação já tem mais de 6 milhões de visualizações no YouTube. Cooper deve repetir seus cargos como roteirista e diretor da nova série. Smith vai ser um dos produtores executivos. "Um Maluco no Pedaço" foi exibido nos EUA por seis temporadas, entre 1990 e 1996, tornando-se um sucesso global....

    Leia mais
    Spike Lee recebe seu primeiro Oscar por ‘Infiltrado na Klan’, na 91ª edição do prêmio, em 24 de fevereiro de 2019, em Los Angeles. Lee boicotou a cerimônia de 2016 devido à falta de diversidade da premiação.MIKE BLAKE / REUTERS

    Oscar adota critérios mínimos de inclusão em busca de premiação mais diversificada

    Sete meses se passaram desde que um thriller sul-coreano ganhou o Oscar de melhor filme, mas o caminho para transformar a Academia de Cinema de Hollywood em uma instituição global ainda parece estar pela metade. O próximo passo é exigir certas condições mínimas de diversidade dos filmes que disputem essa categoria. As exigências afetam tanto o que se vê em tela como as equipes de produção, para “refletir melhor a diversidade do público do cinema”, conforme anunciou a Academia na terça-feira. Nos prêmios de 2025, ou seja, para os longas produzidos em 2024 que quiserem disputar o Oscar de melhor filme, alguma destas condições terá de ser atendida: pelo menos um protagonista que não seja branco; pelo menos 30% de personagens secundários mulheres, minorias, LGBTQ ou deficientes; ou que o tema principal aborde um destes grupos sub-representados na tela. A trajetória da Academia para se transformar em uma instituição global e...

    Leia mais
    Reproução/Facebook/@joaoboscoterapeuta

    João Bosco Borba morreu nesta quarta por complicações da covid-19

    Presidente da Associação Nacional dos Coletivos de Empresários afro-brasileiros (Anceabra), João Bosco Borba, morre por complicações do novo coronavírus na noite desta quarta-feira (9/9), em São Paulo. A confirmação da morte foi dada pelo diretor da entidade, Mário Nelson Carvalho. Nas redes sociais, várias mensagens de carinho ao brasiliense que teve forte participação em movimentos negros no Distrito Federal e militante pelo Partido dos Trabalhadores (PT). "As pessoas são insubstituíveis em sua existência, e quando são especiais, além da falta que fazem àqueles que as amam, deixam o mundo mais pobre. Sem o nosso amigo, o mundo perde um pouco do seu brilho, alegria e cor. Não temos palavras para expressar os nossos sentimentos. Pedimos a Deus que conforte o coração dos familiares e amigos neste momento de dor", diz uma das publicações. "Agradecemos a sua dedicação às causas sociais e pela luta incansável em defesa de uma sociedade digna, fraterna e...

    Leia mais
    Foto: Ignácio Ferreira/ Agência O Globo

    Para que não se deixe de cantar: Jovelina Pérola Negra e o seu samba de sorriso aberto

    Ahhhhh, o samba! Manifestação popular em forma de oração que veio dar no Brasil enquanto expressão de canto e dança para se louvar a esperança de um novo viver, de novos cotidianos livres de toda dor, sofrimento e preconceito. Expressão cultural de resistências e sobrevivências afro-brasileiras ante ao nosso racismo secular, além de memorial vivo de ancestralidades e saberes afro em uma sociedade historicamente estruturada para negar e, em último caso, destruir – física e psicologicamente – toda importância e qualquer virtude de sociabilidades negras.  Muito mais do que uma “simples” forma de canção, é uma oração que portanto visa o reconectar dos seus a algo maior do que as agruras do mundo material, possibilitando-lhes o ato de religar com as suas origens e com a sua potencialidade de sujeito transformador do mundo que o cerca, sendo Jovelina Pérola Negra, nesse sentido, uma de suas maiores vozes e intérpretes, uma...

    Leia mais
    Ilustração de Jairo Malta

    Com diferenças políticas, movimento negro no Brasil luta contra apagamento histórico

    A onda de protestos antirracistas que tomou os EUA e o mundo desde maio, quando imagens da execução de George Floyd por um policial branco viralizaram globalmente, ganhou novo capítulo dentro das quadras da maior liga de basquete do planeta, a NBA. Jogadores do Milwaukee Bucks boicotaram uma partida dos playoffs no final de agosto em protesto contra um outro episódio de violência. Em efeito cascata, outras equipes e ligas esportivas aderiram à greve, que se tornou um novo marco na longa história de luta por igualdade racial nos EUA. “Imagina o impacto que teria Pelé, o maior atleta do século, discutindo racismo no Brasil em pleno auge da sua carreira?”, devaneia Douglas Belchior, ativista negro da Uneafro Brasil e articulador da Coalizão Negra por Direitos, ao comentar o impacto da atuação política de LeBron James, supercraque do Los Angeles Lakers, que passou a usar as quadras como plataforma do...

    Leia mais
    Shuri em pôster do primeiro 'Pantera Negra' (Foto: Divulgação/ Marvel)

    Após morte de Chadwick Boseman, ‘Pantera Negra 2’ pode ter Shuri como protagonista

    Pouco depois de saber da morte de Chadwick Boseman, astro de “Pantera Negra”, aos 43 anos, os fãs pediram que a Marvel Studios não reformulasse o papel. A demanda criou um dilema para o estúdio que planeja uma sequência do primeiro grande filme de super-herói de Hollywood com um elenco predominantemente negro. Escritores, acadêmicos e ativistas falaram à agência Reuters sobre o impacto cultural do filme e o desempenho de Boseman. Eles acreditam que a Marvel e sua empresa-mãe, Walt Disney Co, deveriam honrar o legado de Boseman com um enredo que consagre uma nova Pantera Negra do elenco existente do filme ou em outro lugar no Universo Marvel. “Eles realmente deveriam considerar seguir o enredo da história em quadrinhos e levar Letitia Wright (que interpreta Shuri, a irmã gênio da tecnologia do personagem de Boseman) nesse papel central”, disse Jamil Smith, escritor sênior da revista Rolling Stone. “Nós a...

    Leia mais
    Beyoncé (Getty images)

    No aniversário de 39 anos de Beyoncé, relembre 5 vezes em que a cantora revolucionou a indústria musical

    Beyoncé Giselle Knowles-Carter, ou simplesmente Beyoncé, completa 39 anos nesta sexta-feira, 04 de setembro de 2020. Diva pop, mãe e ativista social, a cantora tem um legado simbólico para o show-business que vai além da música! O POPline preparou uma matéria especial mostrando 5 momentos em que Beyoncé revolucionou a indústria musical! 1. Ao ser a mulher mais premiada em uma única edição do Grammy Beyoncé fez história em 2010 quando foi a vencedora em 6 categorias do Grammy em 2010 pelo álbum “I Am… Sasha Fierce“. Até hoje, nenhuma outra cantora superou esse número de prêmios em uma só noite. Porém, isso é muito simbólico para além da quantidade de Grammies. Beyoncé é uma mulher negra norte-americana e nos Estados Unidos até 1957 existia o regime de segregação racial, em que negros não poderiam frequentar os mesmos locais que brancos. O preconceito racial era tão grande que a atriz Hattie McDaniel, vencedora do Oscar de melhor...

    Leia mais
    Marvvila - Foto: Guto Costa

    Com apenas 21 anos, Marvvila é a representação feminina que o pagode precisava: “Quero levar essa força”

    Se o Pop o Sertanejo contam com personalidades femininas fortes, já era hora do pagode e o samba terem sua própria estrela! Marvvila, de 21 anos, é a nova aposta da gravadora Warner Music BR para trazer representatividade para o estilo musical. Nascida em Bento Ribeiro, subúrbio do Rio de Janeiro, a cantora acaba de lançar o seu primeiro single, Dizendo por Dizer, que estreou na última terça-feira (1°) nas principais plataformas de streaming. Para ficarmos por dentro da trajetória dela, a todateen bateu um papo exclusivo com a cantora. Confira! onde tudo começou Marvvila começou cantando aos cinco anos de idade na igreja, mas foi só na sua adolescência que percebeu que tinha o sonho de trabalhar com música. “Principalmente depois da minha participação no The Voice Brasil, em 2016. Demorei para encarar a música como uma profissão.”, conta. A artista ainda lembra com carinho da experiência de participar...

    Leia mais
    Reprodução/Instagram

    Ludmilla se torna 1ª mulher negra latina com 1 bilhão de streams no Spotify

    Ludmilla quebrou um novo recorde ao se tornar a primeira cantora negra latina com 1 bilhão de streams em suas músicas no Spotify. Ao anunciar a nova marca, na manhã de hoje, a artista relembrou o início da carreira e destacou a representatividade por trás do feito. "Quando comecei a cantar, aos 15 anos, fazendo shows em cima de cadeiras — porque não tinha palco para me apresentar — jamais poderia imaginar que eu teria milhões de visualizações, muito menos que chegaria a um BILHÃO", escreveu Ludmilla no post comemorativo, com um vídeo compilando alguns de seus maiores sucessos. "Pra uma mulher preta, que veio da Baixada, isso é muito. E saber que sou a primeira negra latina a fazer isso só me impulsiona e me lembra que, sim, somos possíveis e cada vez mais estamos sendo mais e mais possíveis", continuou a cantora carioca, de apenas 25 anos. Ela...

    Leia mais

    Últimas Postagens

    Artigos mais vistos (7dias)

    Twitter

    Welcome Back!

    Login to your account below

    Create New Account!

    Fill the forms bellow to register

    Retrieve your password

    Please enter your username or email address to reset your password.

    Add New Playlist