sexta-feira, julho 23, 2021

Mercado de Trabalho

Contratações de estudantes negros aumenta em 2021 — Foto: Christina @ wocintechchat.com/Unplash

Contratação de estagiários negros cresce 197% no 1º trimestre, mostra levantamento

As iniciativas para reduzir a desigualdade racial no mundo corporativo já refletem na empregabilidade dos estudantes negros no país. É isso que mostra levantamento realizado pela Companhia de Estágios. As contratações de estagiários pretos e pardos praticamente triplicaram neste ano. Enquanto nos primeiros três meses de 2020, foram contratados 250 estagiários negros, no mesmo período deste ano o número saltou para 743, um aumento de 197%. “Ainda que a pandemia tenha desacelerado a média de efetivação de estagiários de modo geral no mercado, os resultados do primeiro trimestre de 2021 são satisfatórios quando olhamos para a taxa de contratação de jovens negros e mostra que o indicador aumenta ano a ano, assim como a procura das empresas”, explica Tiago Mavichian, CEO e fundador da Companhia de Estágios. Entre 2018 e 2019, o aumento na contratação de universitários negros foi de 96%. Quando o comparativo é feito com o biênio 2019-2020,...

Leia mais
Voluntários do Litro de Luz, organização que cria soluções para comunidades sem acesso a energia elétrica e iluminação pública (Foto: Renato Stockler)

Prêmio reúne parceiros de impacto social e inova com soluções comunitárias

O Empreendedor Social do Ano, que ganha uma segunda edição em resposta à Covid-19, é apoiado por uma série de parceiros que ajudam a torná-lo o principal concurso de empreendedorismo socioambiental na América Latina. Neste ano, são 32 atores do ecossistema de impacto e inovação social no país que se somam às realizadoras, Folha e Fundação Schwab, para reconhecer iniciativas que combatem os efeitos da pandemia do coronavírus e apontam para uma retomada econômica inclusiva. Em mais um ano de pandemia, com escalada da desigualdade social, da fome, do desemprego, o conselho consultivo do prêmio –formado por 16 representantes, entre patrocinadores, parceiros e integrantes da Rede Folha de Empreendedores Sociais– apontou para a necessidade de ampliar ainda mais a diversidade da premiação. “É fundamental valorizar experiências de resistência em um cenário de completo abandono social”, diz Sueli Carneiro, fundadora do Geledés. A fala foi corroborada por Adriana Barbosa, da Feira Preta: “Ribeirinhos, quilombolas e a periferia estão...

Leia mais
FREEPIK.COM/DIVULGAÇÃO/JC

Jornada visa acelerar negócios de moda da zona leste de São Paulo

A pandemia de Covid-19 causou impactos significativos para micro e pequenos empreendedores. Segundo levantamento do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) feito em parceria com a Fundação Getulio Vargas, 82% dos microempreendedores individuais (MEI) tiveram quedas de faturamento em virtude da pandemia de Covid-19. Profissionais da área da moda representam um caso emblemático. Ainda de acordo com o Sebrae, 85% dos pequenos negócios da moda reportaram queda no faturamento mensal nesse mesmo período. Ainda assim, esse setor mostra-se promissor: segundo a Agência São Paulo de Desenvolvimento (AdeSampa), a atuação nesse ramo é uma das vocações vistas na zona leste de São Paulo. É sobre esse panorama que pretende atuar o Modela, projeto organizado pela Emperifa, empresa especialista em gestão da criatividade para negócios periféricos da indústria criativa, e Casulo, consultoria de inovação e empreendedorismo atuante no desenvolvimento de empreendedores e negócios de impacto. O projeto, que conta...

Leia mais
(Getty Images)

45 CEOs se comprometem com 10 mil vagas para pessoas negras na liderança

Após inúmeros casos de racismo no Brasil, o MOVER, Movimento pela Equidade Racial, anuncia suas primeiras iniciativas de combate à discriminação contra pretos e pardos. A iniciativa que reúne 45  grandes empresas tem um plano de ação que ambiciona gerar 10 mil novas posições de liderança para pessoas negras e gerar oportunidades para 3 milhões de pessoas até 2030 por meio de ações práticas. "Essas empresas, que juntas têm 1.2 milhão de funcionários, possuem uma enorme capacidade de promoção e desenvolvimento de pessoas para que elas estejam prontas para o mercado de trabalho e, mais do que isso, para as posições de liderança", diz  Liel Miranda, presidente da Modelez Internacional no Brasil e um dos porta-vozes do MOVER em entrevista exclusiva à EXAME. Formado por Alcoa, Aliansce Sonae, Align, Ambev, Americanas, Arcos Dorados, Atento, Bain & Company, BRF, Cargill, Coca-Cola Brasil, Colgate-Palmolive, CSN, Danone, Descomplica, DHL, Diageo, Disney, EF, General Mills, Gerdau, GPA, Grupo...

Leia mais
Foto: Divulgação/ Conectas Direitos Humanos

Processo Seletivo: Coordenador(a) programa fortalecimento do espaço democrático

Programa: Fortalecimento do Espaço DemocráticoLocal: São Paulo, escritório da Conectas (remoto durante a pandemia covid-19) Cargahorária: 40 horas semanaisRegime de contratação: CLT + benefícios (VT, VR, plano de saúde e odontológico)Início: julho de 2021Data do edital: 02/06/2021 Política de ação afirmativa: A Conectas adota uma política de ações afirmativas e preza pela igualdade de oportunidade e diversidade da equipe. Por isso, este edital está aberto apenas para pessoas negras. Sobre o Programa de Fortalecimento do Espaço Democrático O Programa de Fortalecimento do Espaço Democrático atua para barrar ameaças a direitos e tentativas de reduzir o espaço de atuação da sociedade civil. Atua também na defesa de ações afirmativas raciais, direitos dos migrantes e refugiados e nas discussões sobre liberdade religiosa e agenda de direitos. Formação e Experiência Formação superior em Relações Internacionais, Direito, Ciências Sociais e Humanas, Políticas Públicas (outras áreas podem ser consideradas a depender da experiência profissional do/a...

Leia mais
Foto: Divulgação

Novo Matchfunding Enfrente busca recuperar empregos e renda nas periferias

O financiamento coletivo é uma modalidade que estrutura projetos sociais e negócios. Pouco usada no Brasil para o segundo grupo, ela ganha agora uma nova chamada voltada para os micro e pequenos negócios periféricos, com o lançamento do Matchfunding Enfrente Geração de Trabalho e Renda, pela Fundação Tide Setubal e Benfeitoria, em parceria com Galo da Manhã, Instituto Humanize e Fundação Arymax. Pelo terceiro ano consecutivo, o Matchfunding Enfrente tem se adaptado às demandas. Lançado em 2019 para apoiar iniciativas sociais das periferias, em 2020 a plataforma ganhou destaque no primeiro semestre em virtude das ações de combate aos efeitos da pandemia de Covid-19. Já no segundo semestre, as ações foram direcionadas aos projetos estruturantes com soluções de longo prazo para o enfrentamento de problemas urbanos, sociais e econômicos. “A novidade agora é falar com os empreendedores da força do financiamento coletivo para fortalecer os seus negócios. Essa nova onda...

Leia mais
Reprodução/Facebook

IPO Instituto assessora a Oxfam Brasil nesta contratação: Assistente Administrativo Financeiro de Projetos

Objetivo da Área A Área de Operações é central para o funcionamento da Oxfam Brasil, pois é responsável pela gestão administrativa e financeira da organização, incluindo orçamento, recursos humanos, administração de projetos de fontes financiadoras e administração do escritório, implantação e aperfeiçoamento de sistemas, processos e procedimentos, gestão da tecnologia da informação, execução de suporte logístico para eventos, e pelo desenvolvimento e implantação do ciclo de planejamento da organização. Objetivo do Cargo O(A) Assistente Administrativo Financeiro de Projetos terá como principais objetivos: Executar e monitorar os processos de aquisição de bens e serviços das seguintes áreas da organização: Programas, Incidência e Campanhas / Mobilização, Comunicação Captação de Recursos; Zelar e contribuir para o aperfeiçoamento das políticas e procedimentos já existentes na Oxfam Brasi; Apoiar as atividades operacionais financeiras e contábeis, em conformidade com as políticas e procedimentos organizacionais e a legislação vigente. Principais Responsabilidades / Atribuições do Cargo Preparar os...

Leia mais
Foto: Fábio Vieira/FotoRua

Mais mulheres e negros na liderança: iFood anuncia metas para os próximos 2 anos

O iFood anunciou metas para aumentar, desenvolver e reter talentos diversos na empresa. O objetivo do aplicativo de delivery é ter uma equidade de gênero em cargos de liderança, alcançando os 50/50 até 2023, no máximo —atualmente, 37% dos líderes são mulheres. Na alta liderança, a ideia é partir de 26% para 35%, também em dois anos. Em relação às pessoas negras, a companhia quer sair dos 19% na liderança para chegar a 30% em 2023. Em cargos gerais, a meta é ter uma representatividade de 40% de pessoas negras em cargos gerais, em vez dos atuais 19%. "Quando você olha a nossa plataforma iFood, tentamos desenvolver uma plataforma para todas as pessoas. Por isso, pensamos que precisávamos ter essa pluralidade também dentro de casa", disse Gustavo Vitti, vice-presidente de Pessoas e Soluções Sustentáveis da empresa. Conscientização Para alcançar a meta, segundo Vitti, são necessários quatro passos: conscientização, desenvolvimento, processo...

Leia mais
Flávia Oliveira (Foto: João Cotta)

Podemos ter uma geração que não se preparou para o mercado de trabalho por falta de oportunidade

Flávia Oliveira repercute um estudo da FGV sobre o cenário dos jovens brasileiros de 15 a 29 anos sob efeitos da pandemia. O foco foi na inserção no mercado de trabalho e nos chamados "nem-nem" (nem estudam, nem trabalham). "É um grupo de altíssima vulnerabilidade no presente e na perspectiva de futuro, por isso a gente precisa criar políticas para esse grupo", defende. "Está forte no Nordeste, periferias e no Rio de Janeiro, onde 24% da população integra o grupo. No fim do ano passado esse número aumentou para 27% só na capital fluminense", destaca. Ouça

Leia mais
Divulgação

Enfrentar – Afroemprendedorismo

O SEBRAE e seus parceiros promovem este Programa 100% digital que tem como objetivo apresentar soluções de gestão direcionadas especificamente para o mercado afroempreendedor. Cronograma: 09hs00 às 11hs00 Garanta sua vaga Parceiros desta ação: Integrare, Dos Afros pro Mundo, Coisa de Preto, Reafro, Funafro, Clube da Preta, Meninas Mahin, Marketing Digital, Ana Minuto, Geledés - Instituto da Mulher Negra. DATA TEMA MINISTRANTE 24/05/2021 Abertura – Contextualização do Afroempreendedorismo Jorgete Lemos / Fernanda João 25/05/2021 Planejamento Trabalhista Sebrae 26/05/2021 Negociação Sebrae 27/05/2021 Inove nas Vendas Sebrae 28/05/2021 Proteja o Caixa da Sua Empresa Sebrae 31/05/2021 Conhecendo o crédito certo para sua empresa Sebrae 01/06/2021 Compras Públicas Sebrae   Imagem retirada do site Sympla Jorgete Lemos. Pioneira na abordagem da dimensão social corporativa em nivel estratégico. Founder e head da Jorgete Lemos Pesquisas e Serviços, consultoria organizacional, há 30 anos,atuando em todo o país. Docente em cursos de pós-graduação e MBA , escritora...

Leia mais
Economista Luana Ozemela, fundadora de fundo para ajudar empreendedores - Imagem: Divulgação

Brasileira cria fundo para financiar empreendedor negro, mulher e LGBTQIA+

A economista Luana Ozemela se apresenta como uma ativista do movimento negro gaúcho que se tornou tecnocrata, depois empresária e, agora, investidora de empresas fundadas por empreendedores negros. Ela está à frente de uma das primeiras iniciativas globais de criação de um fundo de investimento o Roots Funding, voltado exclusivamente para colocar recursos em empresas criadas por negros, mulheres, LGBTQIA+ e indígenas da América Latina. Ela é CEO e fundadora da Dima, empresa que faz a ponte de negócios entre América Latina e o mercado árabe a partir do Qatar, e investidora em múltiplas áreas em empresas de tecnologia, turismo, agricultura e mercado imobiliário. Agora, se dedica a impulsionar negócios criados por grupos diversos. Focado em negros no Brasil O Brasil deve ser o principal mercado do fundo por ter o maior ambiente de negócios da região. Por aqui, o recorte racial será dominante porque, apesar de 56% dos brasileiros...

Leia mais
Em meio a desemprego recorde e pior fase da pandemia, as duas principais estatísticas do mercado de trabalho brasileiro apresentam problemas, apontam economistas (Foto: AGÊNCIA SINDICAL)

Pnad e Caged: No auge do desemprego, Brasil enfrenta falhas nas estatísticas do mercado de trabalho que confundem e desorientam

Num momento em que o país tem registrado números diários de mortes por covid-19 que ultrapassam 4 mil e diversos Estados e municípios reforçam medidas de distanciamento social, na tentativa de conter a propagação do vírus, as duas principais estatísticas do mercado de trabalho brasileiro apresentam problemas, apontam economistas. O Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), levantamento sobre o mercado de trabalho formal divulgado mensalmente pelo Ministério da Economia, passou por uma mudança de metodologia em 2020, que tornou impossível a comparação dos dados recentes com a série histórica mais longa. Além disso, o saldo positivo de 400 mil vagas com carteira assinada em fevereiro deste ano, mês com menor número de dias, feriado de Carnaval, queda na produção industrial e em que a pandemia já dava sinais de piora, acendeu um sinal de alerta para os analistas, de que o Caged está bastante descolado do desempenho da atividade...

Leia mais
Imagem: rawpixel.com/nappy.co

Potências Negras Summit: evento gratuito e inédito traz debate urgente e aulas online contra a desigualdade racial nas empresas

Os últimos acontecimentos e o cenário pandêmico escancararam a desigualdade, o preconceito e a violência, muitas vezes velados. Está, mais do que nunca, evidente que precisamos agir. Quando falamos em oportunidades para pessoas negras e brancas, o cenário brasileiro ainda é de um enorme abismo social. A falta de representatividade nas empresas é, entre outros fatores, um dos motivos para tornar essa disparidade tão grande. Para se ter uma ideia, de acordo com os dados da Síntese de Indicadores Sociais (SIS), divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), trabalhadores negros, mesmo quando possuem as mesmas competências, recebem salário até 31% menor do que brancos que ocupam o mesmo cargo. Por questão social, estratégica, mas principalmente de sobrevivência em se falar sobre o tema, o Summit Potências Negras, realizado por Ana Minuto e Escola Profissas, traz um dia inteiro de aulas e painéis para empoderar a comunidade negra e...

Leia mais
Foto: Enviada ao Portal Geledés

IPO Instituto assessora o ITTC – Instituto Terra, Trabalho e Cidadania na contratação de uma Gerência Executiva

O ITTC é uma organização brasileira que tem se dedicado, desde a sua criação, à defesa dos direitos das mulheres em situação de cárcere, em especial estrangeiras, abrangendo suas ações aos familiares e a todos aqueles em situação de vulnerabilidade. Acesse nossa página para melhor conhecer a nossa organização. http://ittc.org.br/ Objetivo do cargo: Fazer a gestão da operação do ITTC e ser a conexão das áreas com o Conselho Deliberativo no sentido de manter a integridade e sustentabilidade da organização seguindo os preceitos e propósitos que a rege. De modo a garantir a transparência e a devida prestação de contas da organização frente ao público interno e externo. Estendemos o prazo de candidaturas até 09/04/2021, esperamos por sua aplicação Conhecimentos exigidos • Formação superior em Direito, Administração de Empresas, Economia e áreas afins; • Desejável Pós graduação em Projetos Sociais e Direitos Humanos; • Afinidade com as causas de Direitos...

Leia mais
PepsiCo quer formar líderes negros (Foto: Dellon Thomas por Pixabay)

PepsiCo quer 30% de pessoas negras em cargos de liderança até 2025

A PepsiCo reforça o compromisso global em prol da equidade racial firmado no ano passado e, com gancho no Dia Internacional Contra a Discriminação Racial, comemorado em 21 de março (domingo), anuncia a meta brasileira de atingir 30% de pessoas negras em cargos de liderança até 2025. A empresa, que foi reconhecida como Top Employer em 2020 e 2021 por conta de suas melhores práticas de RH, incluindo Diversidade, Equidade e Inclusão, ampliará os investimentos em programas de incentivo e políticas internas voltadas para a atração e desenvolvimento de profissionais negros e negras no país. “Temos como valores o respeito e o incentivo à diversidade ao promover um ambiente inclusivo, que garanta a representatividade da sociedade e dos consumidores dentro da companhia. Sabemos que temos um longo caminho a percorrer em prol da diversidade racial, mas reforçamos o nosso compromisso traçando uma jornada que seguirá em ritmo acelerado, a partir...

Leia mais
Reprodução/Facebook

IPO Instituto apoia a Oxfam Brasil na contratação de Coordenador(a) de Captação de Recursos Pessoa Física

Nome do Cargo: Coordenador(a) de Captação de Recursos Pessoa Física Subordinado a: Gerente de Mobilização e Captação de Recursos Funcionários subordinados a esse cargo: Inicialmente dois funcionários: Líder de programa de diálogo direto e Assistente de captação de recursos. Responsabilidade orçamentária: Monitorar execução do orçamento definido Área: Mobilização, Comunicação e Captação de Recursos Interface: Área de Operações e Área de Programas, Incidência e Campanhas Tipo de contrato: CLT Horário: 40 horas semanais Salário: a combinar Objetivo da Área A equipe de Mobilização, Comunicação e Captação de Recursos tem o desafio de arrecadar fundos e apoiadores para a Oxfam Brasil, dando visibilidade para a causa da organização no país bem como para o seu trabalho internacional no enfrentamento da pobreza e das desigualdades. Para alcançar esse objetivo, a Oxfam Brasil vem investindo na construção de uma base de apoiadores(as) e ativistas engajados(as), com vistas à sustentabilidade financeira. Objetivo do Cargo O(A)...

Leia mais
Fabiana Farias foi demitida na pandemia e começou a vender roupas: “Temos que nos mostrar muito mais eficazes que os demais” Foto: Custodio Coimbra

Abismo salarial entre negros e brancos é o maior desde 2012

Na pandemia, a diferença salarial entre brancos e negros atingiu o maior patamar já registrado. No terceiro trimestre, a distância chegou ao pico de R$ 1.492, o maior valor desde 2012, início da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad), do IBGE. Apesar da ligeira melhora no fim do ano, quando o intervalo caiu para R$ 1.405, isso não foi suficiente para mudar o quadro de crise severa para os negros, aumentando a desigualdade racial que já era alta. O cruzamento de informações foi feito pelo pesquisador Bruno Ottoni, do IDados. Na mesma linha vai o estudo dos pesquisadores Ian Prates e Márcia Lima, do Afro (núcleo de pesquisa e formação em raça, gênero e justiça racial do Cebrap), que mostra perda de emprego mais forte em vagas com carteira, sem carteira, entre trabalhadores domésticos e outras categorias de emprego. — Os negros são mais prejudicados por serem mais...

Leia mais

Últimas Postagens

Artigos mais vistos (7dias)

No Content Available

Twitter

Welcome Back!

Login to your account below

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Add New Playlist