Não há noivo? Mulheres casam-se com elas próprias

A ideia nasceu na semana passada e já há uma mulher interessada em fazer uma cerimônia em agosto

Do DN

Não falta nada: há vestido de noiva, aliança, bolo, buquê de flores. Só não há noivo nem beijo. Em Vancouver, no Canadá, há agora um serviço exclusivo para as mulheres que, não tendo um compromisso com outra pessoa, querem casar-se consigo mesmas.

Alexandra Gill fundou um novo produto de casamentos para mulheres solteiras, que querem celebrar a independência e um compromisso com elas próprias. A ideia nasceu na semana passada e já há uma mulher interessada em fazer uma cerimónia em agosto.

Embora não tenha valor jurídico, dizem as fundadoras, os casamentos permitem que as mulheres realizam os seus sonhos de infância e sejam princesas durante um dia. Da China à Austrália, os autocasamentos estão a tornar-se uma tendência.

+ sobre o tema

Mulheres indígenas criam agência de notícias

A comunicação tem se mostrado um campo de batalha...

Vereador do PSB sugere segregar gays em uma ilha

Sérgio Nogueira (PSB), vereador de Dourados (MS), afirmou que os...

para lembrar

Mulher é decapitada pelo namorado por causa de troca de mensagens no celular

Uma mulher foi assassinada a facadas pelo namorado, na...

Morre a prefeita de São Francisco do Conde, Rilza Valentim

Morreu na tarde desta quinta-feira (24), em Salvador, a prefeita...
spot_imgspot_img

ONGs LGBTQIA+ enfrentam perseguição e violência política no Brasil, diz relatório

ONGs de apoio à causa LGBTQIA+ enfrentam perseguição e violência política para realizar seu trabalho no Brasil, mostra um relatório produzido pela Abong (Organizações Brasileira de ONGs) em...

Menstruação segura ainda é desafio no Brasil, indica Unicef

Uma enquete do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), concluiu “que o direito de menstruar de maneira digna, segura e com acesso...

Mulher tem aborto legal negado em três hospitais e é obrigada a ouvir batimento do feto, diz Defensoria

A Defensoria Pública de São Paulo atendeu ao menos duas mulheres vítimas de violência sexual que tiveram o acesso ao aborto legal negado após o Conselho...
-+=