Não, não vou esconder meu absorvente de você

Não demorou para que eu percebesse que o melhor jeito de levar meu absorvente para o banheiro é na mão.

Por , do Brasil Post 

Parece óbvio – tipo, por que você não levaria um absorvente na mão, em vez de escondido na manga da camisa, no bolso da calça ou dentro da bolsa, junto com carteira, celular, chaves e tudo o mais?

A maioria das mulheres menstrua uma vez por mês, e o ciclo menstrual dura em média 28 dias, segundo o Departamento de Saúde e Serviços Humanos do governo americano. Menstruar é saudável e mostra que seu corpo está funcionando direito.

Mas, se eu menstruar antes do esperado e não tiver um absorvente comigo, por que tenho de falar baixinho para pedir um para uma amiga? Por que tanta vergonha? Por que tenho de escondê-lo?

Talvez a pergunta certa seja: de quem estou escondendo o absorvente Na adolescência, lembro da vergonha do sangue escorrendo pela minha perna porque o absorvente era pequeno demais. As meninas da minha classe entendiam, mas os meninos achavam bizarro. Na faculdade e depois de me formar, minhas amigas e eu contávamos histórias embaraçosas sobre caras e sexo. Falávamos dos caras que perdiam o tesão por causa da menstruação. Aí caiu a ficha – eu estava escondendo os absorventes dos homens.

A sociedade tende a tratar as mulheres como objeto e as colocar em situações questionáveis na publicidade. Mas, assim que vaza um pouco de sangue, todo mundo vai à loucura. A mulher não é mais desejada. Muitos homens sentem nojo. Sei disso por experiência própria; Max*, um cara com quem estava saindo um tempo atrás, aceitou transar comigo quando eu estava menstruada, mas depois sentiu nojo do sangue no lençol. Fiquei mortificada. Pedi mil desculpas, mas ele mal olhava para mim. Estava irritado. Nunca mais nos falamos.

A menstruação é parte da vida e não deveria ser associada a vergonha – mas infelizmente não é o caso. As mulheres têm de lidar com a menstruação, a despeito do que pensem os outros. Por que uma função normal e saudável do corpo é tão rejeitada?

Se você não para de ouvir que os caras não gostam de menstruação, que ela é nojenta, vai acabar acreditando nisso. Mas, se conhecer um cara que não liga pra isso, as coisas mudam. A opinião de um cara sobre o corpo feminino não deveria ter importância. Mas, nessa sociedade em que a mulher é constantemente sexualizada e só existe nas telas para agradar aos olhares masculinos, a opinião dos caras sobre o corpo das mulheres têm mais importância do que deveria, infelizmente.

Voltando para casa de metrô depois daquela noite com Max, só conseguia pensar no lençol manchado. Tentei entender por que meu rosto ardia e por que sentia tanta vergonha. Por que era tão difícil falar com um cara sobre minha menstruação? Por que tive de me desculpar por algo que acontece todo mês com as mulheres? Por que pedia desculpas pelo meu corpo?

Algumas semanas atrás, estava super nervosa porque tinha de contar para um cara que estava menstruada. Rolava uma química, as conversas eram ótimas. Contei e perguntei: “Hm, será que você se importaria de transar comigo mesmo menstruada?” Ele disse que não tinha importância. Já tinha passado por isso com namoradas. Não era uma questão, estava tudo bem. Claro que estava.

Esse conforto e aceitação me ajudaram a entender que tudo estava realmente bem. Ser mulher não é motivo de vergonha e definitivamente não há vergonha em estar menstruada. Também não há vergonha em querer transar menstruada.

Não me importo se você me vir segurando um absorvente. Não me importo se você ver eu passando um absorvente para uma amiga ou para uma desconhecida. Deveria ser normal ir pro banheiro segurando um absorvente, mas não é. Tenho orgulho do meu corpo. Tenho orgulho de ser mulher.

Então, não, não vou esconder meu absorvente nem vou sentir vergonha de estar menstruada. E você também não deveria.

* nome trocado para proteger a identidade

+ sobre o tema

Caravana da Mulher chega ao Alto Dois Carneiros

A sexta edição da Caravana da Mulher, realizada no...

Mulheres do PT debatem feminismo, políticas e construção partidária

Cerca de 700 delegadas de todo o Brasil reuniram-se...

Na Rio+20, governo brasileiro e ONU Mulheres firmam cooperação Sul-Sul em igualdade de gênero

Serão investidos três milhões de dólares, doados pelo governo...

Salvador registrou 234 casos de abusos em 234 dias do ano

A Bahia lidera o ranking de denúncias de violência...

para lembrar

Homens e mulheres concordam: o preconceito de gênero interfere no salário

De 13 perguntas da pesquisa Mitos & Verdades, feita...

Gênero nos espaços públicos e privados

O estudo "Mulheres brasileiras e gênero nos espaços públicos...

Diálogos Feministas: Análise de conjuntura e desafios para a defesa da democracia

Esta publicação traz uma síntese do debate realizado: uma...

Gisele, eu tenho um cérebro!

Algum tempo atrás eu escrevi um artigo intitulado "E...
spot_imgspot_img

Homens ganhavam, em 2021, 16,3% a mais que mulheres, diz pesquisa

Os homens eram maioria entre os empregados por empresas e também tinham uma média salarial 16,3% maior que as mulheres em 2021, indica a...

Escolhas desiguais e o papel dos modelos sociais

Modelos femininos em áreas dominadas por homens afetam as escolhas das mulheres? Um estudo realizado em uma universidade americana procurou fornecer suporte empírico para...

Ministério da Gestão lança Observatório sobre servidores federais

O Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos (MGI) lança oficialmente. nesta terça-feira (28/3) o Observatório de Pessoal, um portal de pesquisa de...
-+=