Obama convoca conselho para discutir abusos a privacidade

O presidente dos EUA, Barack Obama, vai se reuniu na sexta-feira (21) com membros do Conselho de Supervisão da Privacidade e das Liberdades Civis para tentar tranquilizar cidadãos preocupados com as revelações sobre os programas governamentais de espionagem na Internet e nas comunicações telefônicas.

O conselho, formado por cinco integrantes, está praticamente inerte desde 2008, e na quarta-feira (19) realizou sua primeira reunião plena desde que o Senado confirmou David Medine como seu presidente, no mês passado.

A tarefa do conselho é rever as ações que o governo adota para proteger a segurança nacional, mas equilibrando-as com a necessidade de proteger a privacidade e as liberdades civis.

Obama, em entrevista na segunda-feira (17) ao jornalista Charlie Rose, do canal público PBS, defendeu com veemência o programa de vigilância, que ele disse ser necessário para proteger contra possíveis ataques terroristas, mas se comprometeu em assegurar que os americanos preservaram seu direito à privacidade.

O índice de aprovação de Obama despencou em algumas pesquisas de opinião, e as revelações sobre os programas de espionagem da Agência de Segurança Nacional foram citadas como uma das razões.

Medine disse à Reuters na quarta-feira que o conselho pretende realizar um evento público por volta de 9 de julho para receber orientações jurídicas de especialistas, acadêmicos e ativistas.

“Com base no que ficamos sabendo até agora, o conselho acredita que novas questões são justificadas”, disse Medine, que foi sócio do escritório de direito WilmerHale e diretor-associado da Comissão Federal de Comércio.

A Casa Branca já anunciou medidas para tentar revelar mais informações sobre ações realizadas pela Corte de Vigilância da Inteligência Estrangeira, tribunal secreto que supervisiona solicitações para mandados de vigilância contra suspeitos estrangeiros dentro dos EUA.

 

 

Fonte: R7

+ sobre o tema

Marieta Severo fala de papel na novela, racismo e dos ataques que sua família recebe nas redes

Atriz cita retrocessos na sociedade, celebra ressurgimento do feminismo...

Marina diz em NY que não mudará a economia

Por: CRISTINA FIBE Candidata do PV pede fim de...

Às agressões humanas, a Terra responde com flores

Mais que no âmago de uma crise de proporções...

Lula chega a 47% na Vox Populi; maioria considera prisão injusta

“A prisão de Lula, da forma como ocorreu, parece...

para lembrar

Divisão racial também nas mortes

Por: Débora Álvares Ipea revela que, entre as...

Salário mínimo de R$ 880 vale a partir de hoje

O salário mínimo passa a valer R$ 880 a...

Ubuntu: Umuntu ngumuntu nagabantu

"Uma pessoa é uma pessoa por causa das outras...

Fim da saída temporária apenas favorece facções

Relatado por Flávio Bolsonaro (PL-RJ), o Senado Federal aprovou projeto de lei que põe fim à saída temporária de presos em datas comemorativas. O líder do governo na Casa, Jaques Wagner (PT-BA),...

Barack Obama elege seus filmes favoritos de 2023; veja lista

Tradicionalmente, o ex-presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, escolhe seus filmes, músicas e livros favoritos do ano. Nesta quarta-feira (27), Obama compartilhou em suas...

Morre o político Luiz Alberto, sem ver o PT priorizar o combate ao racismo

Morreu na manhã desta quarta (13) o ex-deputado federal Luiz Alberto (PT-BA), 70. Ele teve um infarto. Passou mal na madrugada e chegou a ser...
-+=