PLANO DE EDUCAÇÃO DA CIDADE DE SÃO PAULO

Por: Suelaine Carneiro

 

 

 

 

ETAPA 2 – Plenárias por Subprefeituras

 

Prezadas/os companheiras/os dos fóruns de educação e movimentos sociais da cidade de São Paulo

Após um processo de quase dois anos de discussão entre a sociedade civil organizada e a Secretaria Municipal de Educação, o Plano de Educação da Cidade de São Paulo será construído entre março e junho de 2010, em um processo participativo, ainda que em um tempo mais curto do que desejávamos.

 

A participação de todos os fóruns e movimentos de Educação, através da realização de plenárias livres e da participação nas plenárias nas subprefeituras, é fundamental para fazer valer as propostas de educação que temos discutido e que definirão as metas para a educação em nossa cidade para os próximos dez anos!

 

Além da discussão e elaboração das propostas e reivindicações dos fóruns e movimentos ao longo das etapas, é muito importante a participação na etapa 2, em que se elegerão nas subprefeituras as/os delegadas/os para a Conferência de Educação da Cidade de São Paulo – conferência que ocorrerá em 18 de junho (à noite), 19 e 20 de junho (dia todo) de 2010. Os locais dessas plenárias estão na listagem a seguir.

 

É fundamental que os fóruns e movimentos participem para tirarem suas/seus delegadas/os para o processo, garantindo a efetiva discussão de suas propostas. Pelo segmento fóruns/movimentos sociais de educação, seremos cerca de 10 delegadas/os por subprefeitura.

As bases para as discussões e formulação de propostas são as nossas próprias experiências e reflexões sobre a educação em nossa cidade e o texto de subsídios (em especial a parte sobre a metodologia – p.80 a 87). O texto de subsídios está disponível no portal da Secretaria de Educação, http://portalsme.prefeitura.sp.gov.br (e também no site das organizações, fóruns e movimentos) e está sendo distribuído nas escolas da cidade. A ficha para sistematização das discussões também se encontra no portal de SME.

 

Plenárias nas subprefeituras:

Subprefeitura

DRE

Local

Data

Horário

Aricanduva/Formosa/Carrão

Itaquera

CEU Aricanduva

7/mai

19h

Butantã

Butantã

CEU Butantã

22/mai

8h30 as 12h30

Campo Limpo

Campo Limpo

CEU Campo Limpo

8/mai

9h as13h

Capela do Socorro

Capela do Socorro

CEU Cidade Dutra

22/mai

9h às 13h

Casa Verde/Cachoeirinha

FO/Brasilandia

Rosas de ouro

20/mai

19h

Cidade Ademar

Santo amaro

CEU Alvarenga

19/mai

19h às 23h

Cidade Tiradentes

Guaianases

CEU Inácio Monteiro

22/mai

13h30

Ermelino Matarazzo

Penha

CEU Quinta do Sol

13/mai

18h às 21h

Freguesia /Brasilandia

FO/Brasilandia

Peruche

14/mai

18h às 23h

Guaianases

Guaianases

CEU Jambeiro

15/mai

13h30

Ipiranga

Ipiranga

CEU Meninos

12/mai

18h às 21h

Itaim Paulista

São Miguel

CEU V.Curuçá

18/mai

19h

Itaquera

Itaquera

CEU Azul da Cor do Mar

21/mai

22/mai

19h

9h30

Jabaquara

Santo Amaro

Aud.Seicho-no-ie

14/mai

19h

Jaçanã/Tremembé

Jaçanã/Tremembé

CEU Jaçanã

10/mai

19h às 22h

Lapa

Pirituba

Emei Santos Dumont

8/mai

9h às 13h

M’Boi Mirim

Campo Limpo

CEU Casa Blanca

22/mai

8h30 as 12h30

Mooca

Penha

Fac.São Judas

20/mai

19h as 21 h

Parelheiros

Capela do socorro

Subprefeitura Parelheiros

15/mai

9h as 13 h

Penha

Penha

CEU Quinta do Sol

18/mai

18h às 21h

Perus

Perus

CEU Perus

22/mai

9h às 13h

Pinheiros

Butantã

Subprefeitura de Pinheiros

15/mai

8h30 as 12h30

Pirituba

Pirituba

CEU V.Atlantica

15/mai

9h as13h

Santana/Tucuruvi

Jaçanã/Tremembé

X-9 paulistana

12/mai

19h

Santo Amaro

Santo Amaro

Teatro Unitalo sala Paulo Autran

20/mai

19h

São Mateus

São Mateus

CEU São Mateus

4/mai

18h às 21h

São Miguel

São Miguel

CEU São Carlos

11/mai

19h às 22h

Ipiranga

Auditório CPP

17/mai

18h às 21h

Vila Maria/Vila Guilherme

Jaçanã

Expo Center norte

17/mai

19 h

Vila Mariana

Ipiranga

Clube Escola Mané Garrincha

10/mai

18h às 21h

Vila Prudente

Ipiranga

CEU Rosa da China

5/mai

18h às 21h

 

 

Retomando as etapas de discussão e elaboração do Plano:

I – Etapa 1 (local): até 19 de abril de 2010
a) discussões em todas as escolas, envolvendo a comunidade escolar e a comunidade local;
b) plenárias livres, protagonizadas por um mínimo de dez atores comunitários sobre temas que possam ser relacionados à agenda educacional.
As escolas poderão ordenar suas propostas por critério de prioridade.
Essa etapa não definirá representação para a etapa seguinte.

II – Etapa 2 (por subprefeitura): reuniões nas subprefeituras (31) – até 22 de maio de 2010.

a)   Esta etapa será desenvolvida por meio de reuniões por subprefeitura e serão definidas prioridades por subprefeitura (no mínimo dez prioridades) e encaminhadas propostas gerais para o Plano da Cidade. Nessa etapa, serão eleitas/os as/os delegadas/os para a etapa seguinte, municipal. Também será garantida a possibilidade de realização de plenárias livres protagonizadas por um mínimo de dez atores da microrregião ou distrito, sobre temas que possam ser relacionados à agenda educacional. Nestas plenárias não serão eleitas/os delegadas/os para a etapa seguinte.

b)  Também está prevista a realização de Encontros Temáticos em nível municipal. Esses encontros poderão ser realizados por organizações ou fóruns – ou propostos pela Comissão Organizadora, visando a contemplar temas estratégicos que não contem com um ator articulador – envolvendo um mínimo de 80 participantes. Os Encontros Temáticos também elegerão delegadas/os (1 a cada 40 participantes) para a etapa municipal. A realização dos Encontros Temáticos deve ser informada à Comissão Executiva.

III – Etapa 3 (municipal): Conferência de Educação da Cidade de São Paulo – 18 (à noite), 19 e 20 de junho (dia todo) de 2010. A Conferência terá como referência para a discussão o documento de sistematização, produto das etapas anteriores de construção do Plano de Educação da Cidade de São Paulo. Este documento deverá ser discutido, aprimorado, votado e definido pela plenária. Além do Plano de Educação da Cidade de São Paulo, a ser encaminhado à Câmara Municipal e à Assembléia Legislativa do Estado, será gerado um documento com toda a memória do processo, que não será submetido à Plenária da Conferência, mas poderá ser disponibilizado em site e devolvido para as escolas para possíveis ajustes.

GT Educação do Movimento Nossa São Paulo

+ sobre o tema

Conae SP: Delegados criticam falta de tempo para discussão em etapas municipais e intermunicipais

Em segunda cobertura especial sobre a Conae, o Observatório...

Crítica: Marilena Chaui terá sua obra publicada em nove volumes

  Os "Escritos de Marilena Chaui" começam agora a ser...

Violência é o maior problema para pais, alunos e professores da escola pública

Pesquisa conclui que, no estado de São Paulo, progressão...

para lembrar

Estudante da USP é eleita presidente da UNE

Filiada ao PCdoB, Virgínia Barros quer aumentar a pressão...

Menino chamado de ‘Félix’ por professora vai mudar de escola

A mãe do menino de 11 anos que foi...

USP, UFSC e VEDUCA lançam 1º MBA on-line e gratuito

A USP (Universidade de São Paulo), a UFSC (Universidade...

UFRB abre concurso para contratar mais de 60 professores

A Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) está...
spot_imgspot_img

Faculdade de Educação da UFRJ tem primeira mulher negra como diretora

Neste ano, a Faculdade de Educação da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) tem a primeira mulher negra como diretora. A professora Ana...

O que a proibição de livros nos diz sobre o futuro que nos aguarda

Reportagem da Agência Pública mostrou que existe um movimento coordenado para barrar a entrada de determinados livros no sistema prisional de Minas Gerais. Apenas títulos...

Encontro anual do SETA definiu ações e estratégias para uma educação antirracistae emancipatória.

Geledés - Instituto da Mulher Negra participou do planejamento anual Projeto SETA  (Sistema de Educação Por Uma Transformação Antirracista) em Paraty, Rio de Janeiro....
-+=