Racismo e ressentimento dos brancos pobres – Silvio Almeida

O filósofo do direito Silvio Almeida, responsável pela revisão técnica do livro “A nova segregação: racismo e encarceramento em massa”, de Michelle Alexander, reflete neste segundo vídeo sobre o livro sobre a delicada e necessária questão do ressentimento dos brancos pobres frente às políticas de ações afirmativa. Para ele, o livro, escrito antes da eleição de Donald Trump, fornece um instrumental precioso para compreender como sua campanha logrou mobilizar um sentimento de ressentimento entre as classes baixas brancas (o chamado “white trash”). Além de profética, a análise serve de poderosa advertência para pensar a realidade atual.

“A NOVA SEGREGAÇÃO: racismo e encarceramento em massa” de Michelle Alexander ☛ http://bit.ly/2ATrzTt

“A nova segregação” revelou os alicerces do racismo estrutural no coração da democracia liberal moderna. A obra desafiou a noção de que o governo Obama assinalava o advento de uma nova era pós-racial, e é considerada por muitos a “bíblia laica” do movimento Black Lives Matter. Com prólogo de Cornel West, a edição brasileira vem acrescida de uma apresentação escrita por Ana Flauzina, orelha de Alessandra Devulsky e conta com tradução de Pedro Davoglio, revisão técnica e notas de Silvio Almeida e edição de Isabella Marcatti.

◢ ONDE ENCONTRAR?

Saraiva Online – http://bit.ly/2hFEDa1
Livraria Martins Fontes – http://bit.ly/2mw2R8A
Livraria da Travessa – http://bit.ly/2hw79Hm
Livraria Cultura – http://bit.ly/2zLOx0w
Cia dos Livros – http://bit.ly/2AVdwfZ
Livraria 30porcento – http://bit.ly/2j18hDA
Livros & Livros – http://bit.ly/2AT6gRZ
Amazon – http://amzn.to/2jxOEXr
Boitempo – http://bit.ly/2ATrzTt

 

+ sobre o tema

ONU diz que Alemanha deve fazer mais para combater racismo

De acordo com relator especial das Nações Unidas, Alemanha...

Novos Estudos: racismo e insulto racial na sociedade brasileira

Programa Do Sesc São Paulo Condições especiais de atendimento, como tradução...

Não é mentira: nossa ditadura militar também foi racista

Em meio às comemorações da primeira e mais longeva Constituição...

Quatro teses contra a acusação de vitimismo de negros, mulheres e LGBT

Para Aristóteles, o termo falácia significa um raciocínio falso...

para lembrar

OAB/RJ fará seminário sobre racismo e ato de desagravo

      Na terça-feira, dia 8, a Comissão...

Mais 1,34 milhão de pessoas se autodefinem de cor preta

Participação sobe de 6,3% para 6,9%; especialistas vêem influência...

Nota de solidariedade da CUT a Luiza Bairros

Secretaria de Mulheres e Secretaria Nacional de Combate ao...
spot_imgspot_img

Maurício Pestana: escola de negros e o Terceiro Vagão

Em vários artigos já escritos por mim aqui, tenho apontado como o racismo no Brasil utiliza a via da questão econômica e educacional para...

Tragédia no RS apaga pessoas negras e escancara racismo ambiental

No início dos anos 2000, viajei a Mato Grosso do Sul para participar de um evento universitário. Lembro que na época eu causei espanto...

Racismo em escolas de Niterói: após reunião com mãe de dois adolescentes vítimas de insultos, deputada vai oficiar MP, polícia e prefeitura

Após uma reunião com Renata Motta Valadares, mãe de dois adolescentes de Niterói que foram vítimas de racismo em duas diferentes escolas particulares, a deputada estadual...
-+=