Real: Adebayor denuncia cânticos racistas

O avançado Emmanuel Adebayor, do Real Madrid, diz ter sido vítima de cânticos racistas por parte de adeptos do Tottenham durante o jogo da Liga dos Campeões, disputado terça-feira no Santiago Bernabéu.

«Fizemos tudo o que estava ao nosso alcance para mostrar um cartão vermelho ao racismo. Parece fazer parte das nossas vidas, está sempre presente. Samuel Etoo e outros grandes jogadores já falaram sobre isto, e melhor do que eu, mas o racismo continua aí. Talvez não possamos fazer nada para o contrariar», lamenta Adebayor, citado pelo Daily Mirror.

O avançado togolês apontou dois dos quatro golos da goleada merengue, que deixa a equipa de José Mourinho em boa posição para atingir as meias-finais da Champions.

 

Fonte: Abola

+ sobre o tema

Caco Barcellos: ‘O matador brasileiro é o cidadão de bem’

O jornalista Caco Barcellos abriu o ciclo de palestras...

Cuidado: você pode ter cara de bandido

A quantidade de seguranças particulares legalmente registrados e informais...

para lembrar

Fabricante investiga acusação de “racismo” em software

Um “bug” no programa de facial-tracking (detecção de movimentos...

Itália ameaça parar os jogos se Balotelli for alvo de racismo

Se o avançado Mario Balotelli for alvo de...

MP-BA lança aplicativo para mapear casos de racismo

Ferramenta estará disponível para download no próximo dia 19 Do...
spot_imgspot_img

Como o diabo gosta

Um retrocesso civilizatório, uma violência contra as mulheres e uma demonstração explícita do perigo que é misturar política com fundamentalismo religioso. O projeto de lei...

Homens, o tema do aborto também é nossa responsabilidade: precisamos agir

Nesta semana, a escritora Juliana Monteiro postou em suas redes sociais um trecho de uma conversa com um homem sobre o aborto. Reproduzo aqui: - Se liberar o...

A falácia da proteção à vida

A existência de uma lei não é condição suficiente para garantir um direito à população. O respaldo legal é, muitas vezes, o primeiro passo...
-+=