Ri Happy, Estrela e Fundo Baobá lançam coleção de bonecas negras

Coleção Adunni traz três bonecas negras em projeto que procura educar crianças sobre respeito e diversidade

Por Guilherme Dearo, do Exame 

A marca Estrela, em parceria com as lojas Ri Happy e o Fundo Baobá (Fundo para Equidade Racial), acaba de lançar no Brasil uma coleção exclusiva com três bonecas negras.

A coleção foi batizada de Adunni. A palavra, em nígero-congolês Yorubá, quer dizer “a doçura chegou ao lar”.

Os brinquedos contam com uma boneca de bebê e também dois modelos de mulheres adultas (“fashion doll”), cada um com uma roupa diferente.

Segundo a Estrela, as cores vibrantes das roupas e das embalagens trazem influência de elementos de origem afro-brasileira

As bonecas podem ser encontradas nas lojas Ri Happy espalhadas pelo Brasil. Os valores são R$ 79,99 (boneca Bebê) e R$ 89,99 (Fashion Doll).

Segundo a Ri Happy, a ideia da coleção é quebrar preconceitos e educar as crianças sobre o respeito à diversidade.

De fato, bonecas de pele negra vão na contramão de um mercado dominado por bonecas brancas e loiras.

Recentemente, a Mattel também anunciou a criação de novos formatos de corpo e cor de pele e cabelo para suas bonecas, em uma medida inédita para ir contra padrões estéticos impostos (bonecas brancas, loiras, altas e muito magras).

A Ri Happy irá contribuir com um percentual de cada boneca vendida para o Baobá.

Confira as bonecas:

adunni-1-bonecaadunni-2-bonecaadunni-3-bonecaadunni-2016-fashion-dolladunni-2016-fashion-doll-1

Leia Também: 

‘Neguinha do Espanador’ Boneca da Estrela fere dignidade das crianças negras

+ sobre o tema

Ministério da Saúde vai criar instância para gestão da Política Nacional de Saúde da População Negra

Ministra Luiza Bairros, da SEPPIR, e ministro Alexandre Padilha,...

O debate e o embate sobre as cotas para parlamentares negros – Por: Fátima Oliveira

Em 30 de outubro passado, a Comissão de Constituição...

Fragmentos do descobrir-se negra – Por: Gabriela Pires

Ser mulher negra é uma construção diária de identidade....

A polícia bate, espanca, mata muito mais a minha cor do que a sua – Por: Gabi Porfírio

Do que vocês estão falando? Com que direito lamentam...

para lembrar

Lélia Gonzalez: Mulher Negra na História do Brasil

Neste ano de 2009, já contamos 15 anos que...

Como seria se a história fosse contada por nós?

Você já se perguntou qual o nome da "tia"...

Por que amontoar pessoas como animais não é crime?

Investimento mais visível parece ser a ambulancioterapia Por Fátima Oliveira   As soleiras...

‘Queria ler uma história com a qual eu me identificasse, diz a escritora N.K. Jemisin

Premiada por sua trilogia 'A Terra Partida', autora trouxe...
spot_imgspot_img

Tina Turner: 10 dos maiores sucessos da lenda da música

A cantora Tina Turner, que morreu nesta quarta-feira (24/05) aos 83 anos, criou muitos clássicos com sua combinação de R&B, funk, rock e pop,...

Morre Tina Turner, cantora considerada a rainha do rock’n’roll, aos 83 anos

Morreu nesta quarta-feira, dia 24, a cantora Tina Turner, aos 83 anos. A morte foi confirmada por um assessor da cantora. A cantora morreu em casa,...

Livro de Sueli Carneiro mostra que racismo opera pelo Estado e por práticas sociais

Sueli Carneiro inicia sua obra do lugar de escrava. Do espaço reservado aos negros excluídos da "rés(pública)", que vivem na condição de não cidadãos. É...
-+=