#SerGayÉ: Vídeo com trechos de ‘Orações para Bobby’ alerta sobre intolerância de pais que acreditam em ‘cura gay’

Com a repercussão da tag #SerGayÉ, primeiro lugar nos tópicos mais falados no Twitter no Brasil neste sábado (12), muita gente está discutindo sobre a resistência oferecida pela comunidade LGBT perante a intolerância.

Um dos tweets mais virais traz uma edição de cenas do filme Orações para Bobby(2009), protagonizado por Sigourney Weaver. O compilado é emocionante:

A história se passa nos anos 70 nos subúrbios dos Estados Unidos.

Mary Griffith (Sigourney Weaver) é uma matriarca evangélica que frequenta a Igreja Presbiteriana e não aceita a orientação sexual de seu filho Bobby. Ela acredita na “cura gay”, bandeira que ainda hoje persiste entre lideranças evangélicas no Brasil

Este é o diálogo derradeiro de mãe e filho que precede a decisão de Bobby acabar com a própria vida:

– Me aceita como eu sou ou me esqueça.

– Eu não vou ter um filho gay.

– Então, mãe, você não tem um filho.

– Ok.

Após o suicídio do filho, Mary enfrenta um périplo emocional e espiritual. “Como Deus pode me perdoar?”, ela se questiona por não ter conseguido lidar com a sexualidade diferente de Bobby.

O estudo e uma profunda reflexão sobre suas crenças e valores levam Mary a concluir que “a morte de Bobby foi resultado direto da ignorância de seus pais”.

O filme é inspirado no livro Prayers for Bobby: A Mother’s Coming to Terms with the Suicide of Her Gay Son (Orações para Bobby: A tentativa de uma mãe de aceitar o suicídio de seu filho gay, em tradução livre), de Leroy Aarons. A obra, baseada na história real da família Griffith, não foi traduzida para o português.

Cópias do filme estão disponíveis no YouTube dubladas em português ou em inglês, sem legendas.

+ sobre o tema

Revista dos EUA para negras investe em eventos para aumentar receita

Voltada a mulheres da classe AA, 'Essence' tem 1,05...

Movimento ‘Quem ama não mata’ completa 40 anos e protesta contra feminicídio; veja vídeo

Marcado na história mineira, o movimento feminista “Quem Ama...

O envelhecimento da mulher como um fato incomum

Durante a semana passada, meus olhos sangraram quando me...

para lembrar

Deputada Leci Brandão homenageia mulheres com Medalha Theodosina Ribeiro

Aconteceu na ultima segunda-feira (28) a entrega da Medalha...

Mineiras desmentem boato internacional de “busca por marido”

Reportagens na imprensa estrangeira descreveram Noiva do Cordeiro, MG,...

Oprah Winfrey fala sobre superação e empoderamento

A mulher que derrubou barreiras raciais e de gênero...

Neymar destila opiniões machistas no Faustão. Entenda o que está errado

Neymar, você parece ser uma cara muito legal. Você...
spot_imgspot_img

Maria da Conceição Tavares: quem foi a economista e professora que morreu aos 94 anos

Uma das mais importantes economistas do Brasil, Maria da Conceição Tavares morreu aos 94 anos, neste sábado (8), em Nova Friburgo, na região serrana do Rio...

Como poluição faz meninas menstruarem precocemente

Novas pesquisas mostram que meninas nos EUA estão tendo sua primeira menstruação mais cedo. A exposição ao ar tóxico é parcialmente responsável. Há várias décadas, cientistas ao redor do...

Leci Brandão recebe justa homenagem

A deputada estadual pelo PC do B, cantora e compositora Leci Brandão recebe nesta quarta (5) o Colar de Honra ao Mérito Legislativo do...
-+=