Tag: Sabotage

    blank

    Tamires, filha do Sabotage, estreia no rap em um remix cheio de 808’s com seu pai

    Tamires, cuja nome artistico Tamires Sabotage, 23 anos, já vinha avisando que faria carreira no rap desde o lançamento do disco póstumo do Sabotage, em 2016. E agora, neste sábado (27), a filha do maestro finalmente divulgou sua primeira música oficial, um remix de “Levada Segura” feito pelo DJ MF — Tamires já mostrou sua voz no início da faixa “Neural“, do RZO. Por Anderson Morais, do RNB O remix tem uma produção muito agradável, a levada do Sabota no início casou perfeito com os graves do 808′ e Tamires mostrou que realmente tem o DNA do Sabota no seu verso que, por sua vez, é o segundo da música. “A ideia de convidar a Tamires para participar da música surgiu após eu ouvir a Neural, do RZO, com o Sabotage onde ela faz a introdução, achei a voz dela ‘daora’ e logo pensei em encaixar com a instrumental que eu tinha ...

    Leia mais
    blank

    Última música do Sabotage. Último livro de Carolina

    “Todas as nôistes eu dava duas viagens. Eu ia de bonde, e voltava a pé com as tabuas na cabêça. Treis dias eu carreguei tabuas dando duas viagens. Dêitava as duas horas da manhã. Eu ficava tão cançada que não conseguia dórmir. Eu mesma fiz o meu barracaozinho. 1 metro e mêio por um metro e mêio. Aquêle tempo eu tinha tanto mêdo de sapo. Quando via um sapo gritava pedia socorro. Quando eu fiz o meu barracão era um Domingo. Tinha tantos homens e nenhum auxiliou-me sobrou uma tabua de quarenta centimetro de largura era em cima dessa tabua sem colchão que eu dórmia.” Carolina Maria de Jesus. Onde estaes Felicidade? “Brooklyn, o que será de ti? Regar a paz, eu vim Jesus já foi assim, brigas traz intrigas, ai de mim Se não tolin, zé povim quer meu fim Se esperar, apodrece, se decompõe Se a gente faz, ...

    Leia mais
    blank

    Raí Faustino analisa o disco póstumo do Sabotage

    Depois de ter revisitado o clássico Rap É Compromisso, agora o vlogger baiano analisa o disco inédito do Sabota exclusivamente para o Noisey. Raí Faustino analisa o disco póstumo do Sabotage DO  Noisey Dando continuidade à série de conteúdo exclusivo que o Noisey está fazendo em parceria com o Spotify sobre o lançamento do disco póstumo do Sabotage, que saiu nesta segunda-feira (17), chamamos mais uma vez o Raí Faustino para fazer um ALBUM REVIEW pra gente. Depois de ter revisitado o clássico Rap É Compromisso, agora o vlogger baiano analisa o disco inédito. Veja abaixo:

    Leia mais
    sabotage 13-Produções

    Histórico! Ouça o álbum póstumo do Sabotage

    A espera terminou irmãs e irmãos. Estamos sem palavras. O disco póstumo do Sabotage acaba de sair! Com o nome homonimo, “Sabotage” vem com 11 faixas, e junto a elas uma grande versatilidade musical. Do RND As faixas foram desenvolvidas ao longo de mais de 10 anos. A lista inclui “Mosquito“, produzida pela dupla Tropkillaz e com vocais dos filhos dele; “Superar“, com participação do rapper Shyheim, do coletivo de rap americano Wu-Tan Clan; “O Gatilho“, com BNegão e Céu; “País da Fome (Homens Animais)”, continuação de uma das faixas mais aclamadas de “Rap é Compromisso“; “Quem Viver Verá“, com o rapper Dexter, gravada um dia antes de Sabotage morrer; e muito mais. A direção musical do álbum é de Tejo Damasceno, Rica Amabis e Daniel Ganjaman, com a colaboração de DJ Cia, Quincas Moreira, Tropkillaz, DJ Nuts, Mr. BombaeDuani como produtores associados — ouça agora:

    Leia mais
    blank

    Documentário ‘Sabotage – O Maestro do Canão’ entra em cartaz no Cine Olido

    Neste mês, entre os dias 13 e 30, o documentário “Sabotage – O Maestro do Canão” entra em cartaz no Cine Olido. O longa narra a história do rapper, que fora influenciado por grandes nomes da música brasileira, como Chico Buarque e Caetano Veloso. As sessões têm entrada Catraca Livre e acontecem às 15h, nos dias 13 e 16; às 17h, nos dias 14, 15, 20, 21 e 22; e às 19h, nos dias 25, 26, 27, 28, 29 e 30. Do Catraca Livre  O filme é dirigido por Ivan 13P e conta com depoimentos de Mano Brown, Rappin’ Hood,Rodrigo Brandão, Thaíde, Andreas Kisser, BNegão, João Gordo e Ailton Graça. Além da única entrevista gravada com o rapper, morto em 2003. O diretor diz que decidiu fazer um documentário sobre Sabotage após realizar o documentário “Favela no Ar” (2002), sobre o hip hop paulista. Para ele, naquele documentário já era perceptível ...

    Leia mais
    blank

    Em Berlim, Criolo homenageia Sabotage e leva notícia: “SP não está fácil”

    Criolo fez o terceiro show da turnê europeia de "Convoque Seu Buda" no clube Gretchen, neste sábado (24), em Berlim. No início da apresentação, o músico recebeu uma faixa dos fãs relembrando os 13 anos da morte do paulistano Sabotage e, junto de Daniel Ganjaman, produtor do clássico "O Rap é Compromisso", levantou a mensagem de "descanse em paz", que ficou no palco até o fim da noite. Por Estefani Medeiros Do Uol Combinando calça, camisa, mocassim, cachecol e um relógio colorido que imitava peças de Lego, Criolo fez um panorama das faixas mais plurais de seus últimos dois álbuns. Em uma versão mais enxuta da apresentação, Ganjaman é quem ajuda a segurar o peso e a identidade de faixas como "Grajauex" e"Subirudoistiozin". A formação atual da banda é a mesma de "Convoque seu Buda" e conta também com o produtor e baixista Marcelo Cabral, o guitarrista Guilherme Held e o baterista ...

    Leia mais
    blank

    Filme sobre Sabotage revive a obra do Maestro do Canão

    Documentário tem pré-estreia marcada para os dia 23 e 24 de janeiro, quando se completa 12 anos da morte do rapper. Por Ana Paula Alcântara Do GGN “Garrincha” da rima, “Che Guevara” do Rap assim Sabotage é lembrado pelos amigos e comparado pelo diretor de cinema Beto Brant a saudosos artistas, como Bob Marley e Chico Science. Por conta dos depoimentos do documentário “Sabotage - Maestro do Canão”, fica evidente a força da obra deste verdadeiro artista brasileiro. Em certo momento do filme o cantor Paulo Miklos pergunta: “Quer saber o que é Rap Nacional? Sabotage.  Definição completa e certeira,  pois o rap brasileiro pode ser interpretado assim: talentoso e sofrido. É impossível conversar com qualquer fã de Rap sem que o nome Sabotage venha à tona. A narrativa apresenta os depoimentos e mescla com imagens de shows do rapper e conta também com ilustrações do jornalista Alexandre de Maio para ...

    Leia mais

    Últimas Postagens

    Artigos mais vistos (7dias)

    Instagram

    Twitter

    Facebook

    Welcome Back!

    Login to your account below

    Create New Account!

    Fill the forms bellow to register

    Retrieve your password

    Please enter your username or email address to reset your password.

    Add New Playlist