Tese de doutora cearense ganha um prêmio inédito por análise sobre trabalho infantil doméstico

COMUNICAÇÃO – Danila Cal ganha um prêmio inédito por análise sobre trabalho infantil doméstico

Do O Liberal 

As mulheres, meninas ou adultas, que passam ou já passaram por situações de trabalho infantil doméstico no Brasil, em particular no Estado do Pará, precisam ser ouvidas no debate público acerca dessa temática, especificamente em suas propostas para políticas públicas, a fim de que a sociedade possa aprofundar o olhar sobre as causas, efeitos e busca de soluções para essa prática contumaz no País. Essa é a proposição básica da tese de doutorado da pesquisadora paraense Danila Gentil Rodriguez Cal, 32 anos, professora da Universidade da Amazônia (Unama), defendida em 2014 e que acaba de conquistar um prêmio inédito para o Estado do Pará: a de melhor tese na área de Comunicação do País, sendo distinguida pelo Prêmio Compós de Teses e Dissertações Eduardo Peñuela – 2015. O resultado foi divulgado na última sexta-feira, 22, pela Associação Nacional dos Programas de Pós-Graduação em Comunicação – Compós.

O trabalho “Configuração Política e Relações de Poder no Trabalho Infantil Doméstico: tensões nos discursos dos media e de trabalhadoras” foi orientado pela professora Rousiley Maia durante o doutorado em Comunicação na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). A pesquisa premiada busca compreender as relações de poder que atravessam o trabalho infantil doméstico e analisar como elas atuam na configuração política desse problema no Pará.

Leia Também: Precisa-se de meninas para trabalho infantil e escravo

O estudo foi organizado a partir de dois eixos: análise da cobertura midiática sobre o assunto, considerada um espaço privilegiado para observar a construção e mobilização de significados partilhados sobre o trabalho infantil doméstico; e discursos de trabalhadoras e ex-trabalhadoras infantis domésticas a respeito dessa prática, apreendidos por meio de grupos focais, como destaca a professora Danila. Foram investigadas matérias publicadas nos principais jornais entre 2000 e 2009 e realizados sete grupos focais com participação de 27 meninas e mulheres diretamente afetadas por esse tipo de trabalho infantil.

Danila chama a atenção para o fato de que, em geral, não basta apenas as trabalhadoras fazerem um relato sobre as mazelas do trabalho infantil doméstico, porque isso, ainda que sensibilize a sociedade, “faz com que a busca por soluções não passe de modo amplo pelas considerações dessas meninas e mulheres”.

O trabalho completo pode ser baixado para download por meio do site: http://compos.org.br/premios.php

+ sobre o tema

Famílias de baixa renda podem solicitar parabólica digital gratuita

Famílias de baixa renda de 439 municípios podem solicitar...

CNDH denuncia trabalho escravo em oficinas de costura em São Paulo

Uma comitiva do Conselho Nacional de Direitos Humanos (CNDH)...

20 anos do ECA: iniquidades e violência são grandes desafios

O escritório do Fundo das Nações Unidas para a...

Senado aprova fim de revista manual a visitantes em presídios

Projeto da senadora Ana Rita (PT-ES), aprovado na CCJ,...

para lembrar

Crise pode lançar até 326 mil crianças ao trabalho infantil na América Latina e Caribe

O impacto devastador da COVID-19, que acarreta redução de...

12 de Junho

Em 2020, a Campanha 12 de junho tem por...

Dia Mundial contra o Trabalho Infantil: racismo aumenta desigualdade para crianças negras

Nas ruas de Sabará, região metropolitana de Belo Horizonte,...

América Latina assina acordo contra trabalho infantil

Em uma conferência regional, apoiada pelas Nações Unidas, 25...
spot_imgspot_img

Trabalho infantil cresceu de 2019 a 2022, mostra IBGE

Depois de três anos seguidos de redução, o trabalho infantil cresceu no Brasil entre 2019 e 2022, durante o governo de Jair Bolsonaro. No...

Números do trabalho infantil ainda são alarmantes no Brasil

No Brasil, os números relacionados ao trabalho infantil ainda espantam. De acordo com o IBGE, apesar da queda de 16% em 2019, na comparação...

Em Dia Mundial, ONU reforça apelo pelo fim do trabalho infantil

Este 12 de junho marca o Dia Mundial contra o Trabalho Infantil sob o lema "Justiça social para todos. Acabe com o trabalho infantil!'. A data...
-+=