Um outro olhar: Uma nova personagem negra da Disney: ‘Doutora Brinquedos’

A Disney sempre enfrentou críticas por ser “racialmente inconsciente” em suas criações e programação de TV ou filmes. Só depois de 70 anos da criação da Branca de Neve é que foi criada uma princesa negra, a Princesa Tiana, que fez sua estréia na Disney em 2009. Finalmente temos uma outra personagem negra da Disney que meninas negras podem olhar e ver alguém que as represente. Seu nome é “Doutora Brinquedos” (Doc McsStuffins “) , que é também o nome do desenho novo. “Doutora Brinquedos” estreou em março na Disney Júnior e tem recebido muitos elogios de pais, crianças negras, e até mesmo nas escolas e entre médicas e médicos negros. A Doutora Brinquedos também tem agradado nas redes sociais, no Facebook já são diversas comunidades.

“É muito bom ver esta criança negra em um papel de protagonista, e não apenas no elenco de apoio. E ela é uma profissional aspirante a intelectual, não um cantor ou dançarino ou atleta”. Myiesha Taylor – médica negra.

DoutoraBrinquedos2DoutoraBrinquedos18

“Doutora Brinquedos” enaltece a importância da família e de saber apreciar e respeitar as diversidades e diferenças. A mãe da pequena Doutora é uma médica que ajuda sua filha nos ‘diagnósticos’, enquanto que o pai é um cozinheiro que faz sanduíches saudáveis para a menina e seu irmãozinho de quatro anos de idade, Donny. Como a maioria dos irmãos caçulas, Donny admira a irmã e, embora desconheça a habilidade dela de falar com seus brinquedos, sabe que ela é a melhor doutora para os bichinhos de pelúcia e outros bonecos pelas redondezas.

A música tem um papel importante em “Doutora Brinquedos”. Cada episódio apresenta uma música original que transmite a lição de saúde que a doutora e seus amigos aprendem nesse dia.

A criação e a produção-executiva estão a cargo de Chris Nee (ganhador dos prêmios Humanitas e Emmy, roteirista da série Little Bill e produtor de Pesca Mortal) e a direção é de Norton Virgien (Os anjinhos), também ganhador de um Emmy; “Doutora Brinquedos” é uma produção da empresa irlandesa Brown Bag Films em conjunto com o Disney Channel.

 

Fonte: AfroKut

+ sobre o tema

Ellen Oléria estreia na tevê no programa ‘Estação plural’

A atração da TV Brasil celebra a diversidade e...

Estamos sendo justos com Pelé?

No momento em que Pelé deixou o Hospital Albert Einstein,...

Cinco pensadores modernos africanos que tratam de identidade, língua e regionalismo

Esta matéria contém links que levam a outras páginas,...

para lembrar

Uma lista para 365 dias de consciência negra

Uma lista para 365 dias de consciência negra. CERTA VEZ,...

Gel com retroviral reduz contágio de VIH

Por:Edgar Nascimento com agências "Pela primeira vez, os...

O racismo e a sonegação da história afrodescendente no Rio Grande do Sul

Entrevista especial com Jorge Euzébio Assumpção “Há uma apropriação do...

24º Festival Internacional de Curtas destaca autonomia feminina

Festival Internacional de Curtas de São Paulo foca em...
spot_imgspot_img

Cientistas revelam mistério por trás dos antiquíssimos baobás, as árvores da vida

Cientistas afirmam ter resolvido o mistério em torno da origem dos antigos baobás. De acordo com análises de DNA, as árvores teriam surgido pela primeira...

‘Está começando a segunda parte do inferno’, diz líder quilombola do RS

"Está começando a segunda parte do inferno", com esta frase, Jamaica Machado, líder do Quilombo dos Machado, de Porto Alegre, resumiu, com certo desânimo, a nova...

Álbum de Lauryn Hill é considerado melhor da história em lista da Apple Music; veja ranking

Uma lista publicada pela Apple Music elegeu os 100 melhores álbuns de todos os tempos. Em primeiro lugar, a escolha foi para 'The Miseducation...
-+=