Xenofobia – OAB-CE entrará com denúncia-crime contra jovem gaucha acusada de agredir nordestinos no Twitter

A Ordem dos Advogados do Brasil no Ceará (OAB-CE) está providenciando, nesta sexta-feira, 9, um documento que reúne evidências de que a internauta identificada como Sophia Fernandes, 18, postou mensagens com caráter xenofóbico na rede social Twitter. O levantamento será encaminhado ao Ministério Público Federal no Rio Grande do Sul, estado de origem da garota.

A intenção da OAB-CE é entrar com uma notícia-crime, para que a jovem, de 18 anos, responda judicialmente pela prática de racismo. De acordo com a assessora jurídica da OAB-CE, Patrícia Sena, o mesmo documento será encaminhado à Polícia Federal do Ceará, que deverá acionar a mesma instância no Rio Grande do Sul já na próxima segunda-feira, 12.

“Quando encerrado o processo, a pena máxima que a Sophia poderá receber é a reclusão de cinco anos e multa. Mas, na maioria dos casos, o que ocorre, no máximo, é uma pena de prestação de serviço à comunidade”, explicou Patrícia ao O POVO Online.

Entenda o caso

Um novo caso de xenofobia, no Twitter, tem ganhado repercussão nas redes sociais. A jovem que se identifica como Sophia Fernandes, de 18 anos, tem proferido ofensas contra nordestinos desde a quarta-feira, 7.

De acordo com as postagens do perfil @SophiaofDreams, as ofensas começaram quando a suposta garota comentou o uso constante da hashtag #insultopiauiense: “#insultopiauiense insulto é essas merdas existirem, falo mesmo…”. Após o comentário, diversos usuários da rede começaram a criticar a posição da garota, que revidava com insultos e ofensas a quem manifestava repúdio à sua opinião.

Os usuários do Twitter têm denunciado as postagens aos perfis de representantes da Ordem dos Advogados (OAB) de estados como Ceará e Piauí.

Até o momento, não há confirmação da veracidade do perfil. Os perfis da suposta jovem nas redes sociais não informam dados concretos sobre ela. Há suspeitas de que o perfil do Twitter tenha sido roubado.

Além das ofensas aos nordestinos, o perfil também faz comentários preconceituosos a estados do Norte, como Acre, e a pessoas de ascendência japonesa.

Caso repetido

Em junho desse ano, a estudante de Direito Mayara Petruso foi acusada de racismo pela OAB-PE, após comentários no Twitter.

 Leia tambeém

Rosana Jatobá – O insustentável preconceito do ser!

Fonte: O Povo

+ sobre o tema

Teixeira de Freitas se mobiliza a favor da juventude e contra a violência

O Colóquio resultou num documento que será utilizado como...

Polêmica racial e ‘reelitização’ no Itamaraty

Justiça barra aspirantes a diplomata indevidamente autodeclarados negros em...

Políticas afirmativas e forças armadas nos EUA

É instigante a propósito da discussão sobre políticas afirmativas,...

Antropólogo

Exatamente três dias após a aprovação na Comissão de...

para lembrar

ONU admite que negros e sul-asiáticos foram alvos de racismo ao fugirem da Ucrânia

O alto comissário para os refugiados da Organização das Nações...

Brasil vive ‘esquizofrenia’ com protestos, diz ‘El País’

Uma análise publicada no jornal espanhol El País...

Mais uma para a lista: atriz Sheron Menezes é alvo de ataques racistas

Mais uma vez uma atriz negra foi vítima de...
spot_imgspot_img

Debate racial ficou sensível, mas menos sofisticado, diz autor de ‘Ficção Americana’

De repente, pessoas brancas começam a ser degoladas brutalmente com arame farpado. O principal suspeito é um homem negro que sempre está na cena...

Universidade, excelência e compromisso social

Em artigo publicado pelo jornal O Estado de S. Paulo, no dia 15 de junho, o professor de literatura geral e comparada da Unicamp, Marcos...

Mobilizações apontam caminho para enfrentar extremismo

As grandes mobilizações que tomaram as ruas das principais capitais do país e obrigaram ao recuo dos parlamentares que pretendiam permitir a condenação de...
-+=