Anistia lança campanha para Aras não arquivar relatório da CPI

Bolsonaro “joga a favor da disseminação do vírus”, afirmam 17 entidades

A Anistia Internacional Brasil e outras 16 entidades da sociedade civil vão lançar nesta terça-feira (22/6) campanha para que Augusto Aras não arquive o relatório final da CPI da Covid, que passou a investigar auxiliares de Jair Bolsonaro. O grupo usará a hashtag #nãoengavetaras no Twitter.

“Augusto Aras tem histórico de rejeição a pedidos de abertura de investigação de Bolsonaro e de integrantes de seu governo”, diz o texto do movimento, que afirma que Jair Bolsonaro “joga a favor da disseminação do vírus”. Ao final dos trabalhos, a comissão do Senado pode pedir que o MPF e outros órgãos de controle abram investigações, inclusive criminais.

“As investigações devem seguir até que todas as pessoas apontadas pelo relatório final da CPI sejam processadas judicialmente e devidamente responsabilizadas”, diz o e-mail que será disparado a Aras, com um abaixo-assinado. Entre as organizações que endossam a campanha, estão Oxfam Brasil, Justiça Global, Associação Brasileira de Saúde Coletiva (Abrasco) e Conselho Indigenista Missionário (Cimi).

+ sobre o tema

Entidades de segurança pública e direitos humanos dizem que novo edital precariza programa de câmeras da PM em SP

Entidades da sociedade civil ligadas à segurança pública manifestaram...

Convenção da extrema direita espanhola é alerta para o Brasil

"Manter o ideal racial de um continente branco de...

Aprovado no Senado, PL dos planos de adaptação esboça reação a boiadas do Congresso

O plenário do Senado Federal aprovou nesta terça-feira (15/05)...

Maranhão tem 30 cidades em emergência devido a chuvas

Subiu para 30 o número de cidades que decretaram...

para lembrar

Sugestão para Joao Doria: pintar-se de preto para testar a violência policial

Depois que o prefeito João Doria se fantasiou de...

Como a judicialização da política reduz a democracia, por Maria Luiza Tonelli

      Como a democracia pode ser engessada pelo empoderamento do sistema...

‘Bolsa família’ entra em vigor na Itália em 1º de dezembro

Projeto pagará até R$ 1,8 mil (485 euros) para...

Palmeirenses assinam manifesto contra o fascismo

'Não podemos tolerar ameaça a instituições democráticas', diz texto...

O Estado emerge

Mais uma vez, em quatro anos, a relevância do Estado emerge da catástrofe. A pandemia de Covid-19 deveria ter sido suficiente para demonstrar que...

Extremo climático no Brasil joga luz sobre anomalias no planeta, diz ONU

As inundações no Rio Grande do Sul são um alerta sobre o impacto econômico e social das mudanças climáticas que atinge todo o mundo....

IR 2024: a um mês do prazo final, mais da metade ainda não entregou a declaração

O prazo para entrega da declaração do Imposto de Renda 2024, ano-base 2023, termina em 31 de maio. Até as 17 horas do dia 30 de...
-+=